Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Restaurantes, city tours e vida noturna: essas são atividades praticamente obrigatórias em qualquer itinerário de viagem. É fato que ninguém vai à Paris e se recusa a visitar a Torre Eiffel, tirar aquelas fotos (e selfies) na Cidade-Luz e depois ficar acompanhando o número de curtidas… Mas nem só de massa vive a Itália ou de cangurus vive a Austrália – existem outras experiências que são igualmente valiosas e menos óbvias para se ter em suas viagens, olha aí:

1. Usar o transporte público

Esse é o melhor jeito de observar as pessoas em seu cotidiano, o ritmo de vida que elas levam, como se comportam e quais são as tendências de moda e estilo, além de fazer com que nos sintamos menos forasteiros em um lugar novo. No mais, é uma oportunidade para conversar com pessoas diferentes, e se você for igual a mim, fatalmente vai se perder em algum momento e ter que fazer amizade com alguém desconhecido para pedir ajuda, o que costuma ser divertido para quem é turista.

2. Ir ao supermercado

Este é mais um exercício para os curiosos, percorrer os corredores do supermercado e ver o que há de diferente ou similar com seu país origem, outro aspecto relevante é que os produtos de consumo de uma nação dizem muito sobre ela. Além disso, é interessante observar os rótulos e embalagens (mesmo que sejam em uma língua estranha), você vai descobrir como se fala arroz na Holanda, como é a moça no vidro de shampoo em Singapura, quais frutas são consumidas no Nepal, etc.

3. Praticar um esporte

O esporte é universal, como a matemática e o sorriso. Não é à toa que o evento que melhor representa a união das nações são as Olimpíadas (e a Copa, claro). Correr, andar de bicicleta, jogar bola ou fazer um esporte radical traz uma sensação de pertencimento muito gratificante. Sem contar que qualquer diferença de idioma, cultura ou ideológica são inexistes no mundo esportivo.

MAIS: 8 DICAS PARA QUEM VAI VIAJAR SOZINHA
MAIS: 9 DICAS INCRÍVEIS PARA SE DIVERTIR NAS FÉRIAS SEM GASTAR MUITO

4. Conversar com um nativo sobre o país dele

“So, I’m from Brazil: samba, caipirinha, carnaval!”… Não! Você já sabe (ou deveria saber) o suficiente sobre seu próprio país, tente conhecer mais sobre outros lugares escutando o que as pessoas nativas têm a dizer a respeito deles. Isso não é só uma experiência mega enriquecedora, mas também nos faz ver que absolutamente todos os países do mundo têm, tiveram e terão problemas, e não é só o brasileiro que está insatisfeito com o lugar em que vive.

5. Visitar o mesmo lugar de dia e de noite

Têm lugares que se transformam quando o sol se põe: se tornam um espetáculo de luzes contra as ruas escuras, além disso, a atmosfera noturna normalmente amansa as multidões que se locomovem pelas cidades durante o dia, proporcionando condições ideias para passeios tranquilos e iluminados sob o céu estrelado.

Foto: www.pinterest.com/superelaoficial

botao_simples

MAIS: 5 DICAS PARA FAZER UMA MALA OBJETIVA
MAIS: 5 ARTIGOS DE MODA BONS PARA COMPRAR EM VIAGENS

@ load more