Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

O ano de 2015, definitivamente, vai entrar na história pela quantidade de vitórias alcançadas por nós, mulheres. Isso não significa que estamos perto do que seria o ideal, infelizmente, mas saber que nossa voz está sendo ouvida nos incentiva a continuar lutando pelos nossos direitos.

Vocês viram aqui, no texto da Cris Mahin, que esse ano o calendário Pirelli inovou trazendo foto de 12 mulheres de notáveis conquistas profissionais, sociais, culturais, esportivas e artísticas no lugar de fotos de mulheres magérrimas famosas. Trazer mulheres fora dos padrões tradicionais fez com que milhões de mulheres no mundo todo se sentissem representadas. Elas ainda aumentaram sua autoestima ao perceberem que existe beleza em todo tipo de corpo, inclusive em mulheres com corpos parecidos com os delas.

A cineasta Ava DuVernay, diretora de “Selma” e considerada uma das mulheres mais influentes de 2015, participou do calendário Pirelli e foi usada como referência em outro símbolo da cultura pop: a Barbie. Chamada AvaBarbie, a boneca foi anunciada oficialmente pela cineasta e pela Mattel, fabricante do brinquedo, que decidiu ouvir o apelo das fãs e vender uma boneca que represente mulheres que não tem o cabelo loiro e liso, os olhos azuis, que não gosta de rosa e nem usa as roupinhas sexies que a versão original da boneca usa desde 1959, quando Ruth Handler e o seu marido Elliot Handler criaram a boneca para que sua filha Bárbara brincasse com uma boneca com uma fisionomia adolescente.

ava duvernay

PARTICIPE: Help! Triste com o meu cabelo
PARTICIPE: Estou muito gordinha e não sei o que vestir, HELP

A AvaBarbie é resultado de uma demanda dos fãs da diretora. A Mattel tinha feito uma única boneca em edição especial e não seria vendida, mas a própria Ava manifestou o desejo de ter a Barbie. Mas, apesar das trancinhas no cabelo e de a empresa ter seguido os dois pressupostos impostos para a comercialização da boneca (vir com cadeira de diretora – que é para encorajar as meninas que quiserem seguir essa profissão – e os lucros da venda irem para instituições de caridade), a nova Barbie mantém o corpinho da boneca tradicional, o que nos lembra que ainda temos um longo caminho a percorrer para que meninas de todos os tipos físicos sintam-se representadas pelas bonecas comercializadas.

Quem nunca viu o vídeo que mostra crianças rotulando uma boneca branca e uma negra baseada apenas na cor da pele da boneca, deveria ver e entender a importância que isso tem para a criação e formação da personalidade e da autoestima das nossas crianças.

A AvaBarbie já está esgotada no site da empresa. A demanda existe, e a necessidade também. E a gente espera que mais ações como essas sejam feitas. Se depender da nossa voz, em 2016 teremos mais vitórias e ações como as que tivemos esse ano.

Receba no seu e-mail dicas/textos sobre Beleza ♥

MAIS: A NOVA CAMPANHA DE LOUBOUTIN E O FIM DOS PADRÕES
MAIS: O QUE PODEMOS APRENDER COM A MULHER MAIS FEIA DO MUNDO

Imagem: pinterest.com/superelaoficial

@ load more