O que você procura?

Taí uma pergunta a qual ainda não encontrei exatamente a resposta. Dizem que é difícil entender a cabeça das mulheres, mas olha, acho que a dos homens é bem mais difícil. Se bem que ouvimos que quando eles traem não raciocinam, não pensam com a cabeça, mas são movidos pelo “instinto”.

Oi? Desculpa, moço, essa desculpa pra mim não cola. Sempre considerei a fidelidade uma das atitudes mais importantes de um relacionamento. É algo que torna a relação saudável. Claro, saudável também é cada um ter a sua própria vida, e baseado na confiança, não ter a necessidade de ficar provando o tempo todo que você não está fazendo nada errado. É poder sair do trabalho e fazer um happy hour com as amigas sem precisar enviar fotos ou ligar só para provar que você está realmente acompanhada delas. Mas e quando é ele quem vai fazer um programa com os amigos? Atire a primeira pedra quem nunca pensou: será que ele está lá mesmo? E se não existe confiança, ou se a mesma foi quebrada por algum motivo, desculpe informá-la, amiga, esse pensamento vai te perseguir. E como é triste e, nada, mas nada saudável ficar pensando este tipo de coisa. A gente entra em paranoia. Agora se este cara teve ou tem a intenção de te trair, minha amiga, ele vai. Ah vai.

Não tem marcação cerrada, mensagem, ligação que vai impedir. Mas e a pergunta que não quer calar: porque ele trai, senhor? Já que tem uma mulher bacana do seu lado, parceira, companheira, pronta para o que der e vier, apaixonada, empenhada em construir um futuro com ele? A resposta é: porque esse cara é um babaca! Rá! Essa é a melhor resposta, mas vamos refletir mais sobre este assunto. No final do meu casamento surgiu uma menina na vida do meu ex marido. Na época, ele descontente com nosso relacionamento, foi desabafar com ela. Sério, isso é uma das piores coisas que um cara pode fazer. É um passo para a traição, mesmo que inicialmente ele não esteja pensando nisso. Aí você pensa: não seria tão mais fácil sentar com a parceira e conversar sobre tudo que tem incomodado? Pra nós sim, pra eles não. Fora que teriam outros meios, como fazer terapia de casal, procurar auxílio de um psicólogo, enfim…

Tenho aprendido um bocado sobre a diferença abismal entre nós mulheres e eles homens. Em um relacionamento com problemas, pode ter certeza, a maioria de nós, mas a maioria meeesmo, ia sentar com o namorado/noivo/marido para fazer a famosa “D.R.”. Mas qual o problema de ele desabafar com uma “amiga”? Muitos problemas, creia.

PARTICIPE: Paranóia minha ou tem fundamento?
PARTICIPE: Vamos conversar sobre traição virtual?

Ele vai expor a vida de vocês para uma desconhecida, e esta, por ser mulher e supondo que esteja carente e descontente com sua própria vida amorosa, o resultado é aquela velha equação: 1+1 = 2. Se ela se apaixonar pelo seu boy então… o estrago está feito! O cara não consegue evitar as investidas, mais dia menos dia vai acabar cedendo. Por quê? Porque é homem, meu bem! Escroto isso né? Também acho. Acredito que ninguém está livre de se apaixonar por outra pessoa, mas o que mais me magoou e revoltou na época foi a mentira. Vi meu marido chorar dizendo que não tinha, nem sentia nada por ela, que, antes de qualquer coisa, respeitava nosso casamento. Eles não conseguem admitir, pelo menos a maioria não.

Dói, dói muito. Quem já passou por isso que o diga. Uma questão importante a citar é o quanto se sentem “vivos”, “garanhões”, “com os egos inflados” e outras coisas, quando uma outra mulher está interessada por eles. Por mais que o cara não tenha intenção de te trair, se essa outra mulher tiver a intenção (bem má) de conseguir isso, ela vai conseguir. Eu e você sabemos que quando a gente quer uma coisa, a gente consegue. Então elas não irão desistir e vão sim furar o seu olho. O irônico desta história toda é que depois que me separei (pouco menos de 1 ano) três caras casados já vieram cantar para o meu lado.

Superlindas, é extremamente engraçado estar do outro lado. Você sente um misto de indignação, raiva e nojo destes tipos de sujeitos. Claro, eu sei dos meus valores, e SEMPRE vou pensar na mulher dos caras antes de qualquer coisa, sempre. Por mais que estes caras fossem dos tipos que eu toparia certo um jantar ou happy hour se fossem solteiros. Já estive do lado de lá, do lado da esposa, e sério, não desejo pra ninguém passar por uma situação destas. Agora, vamos supor que eu quisesse: sim, já teria aumentado o índice de traição em três casamentos. Vou dividir com você um pouco destas histórias.

Primeiro, quando eles querem, eles dão um jeito de “aparecer”. Enviaram mensagens via inbox no Face por não terem meu número de telefone. Sempre puxam assunto perguntando como estou, ou elogiando alguma coisa que postei. Não demora muito a mostrar para quê vieram. Sim, homens… Dão seu ar de “podridão” antes do que se imagina. Dois dos três caras reclamaram do seu relacionamento. Relataram não estar mais a mesma coisa, terem perdido o tesão, não terem mais química (sim, acredito que você esteja tão boquiaberta quanto eu fiquei, pois eu não tinha intimidade nenhuma com estes caras, tipo, não era amiga próxima nem nada), ou simplesmente estarem brigando e as coisas não estarem indo bem. Eles falam de sexo, um deles me disse que gostava de coisas que a esposa não era parceira para realizar. Oi? Tá me tirando amigo? Eu sou bem terapeuta às vezes, com aquela dose de “dar nos dedos” que eles merecem, digo tipo “ah, quer tomar uma cerveja comigo, leva ela junto”, “compra uma lingerie nova pra ela, propõe algo diferente”, ou então como disse outro dia “valoriza o teu casamento, pois pra mim é algo sagrado e muito bonito”. O que nos dói saber é que hoje muitas mulheres estão no estilo mais cafajeste que muito homem, então se uma dessas aparecer no caminho do seu querido… pode sim resultar em traição, mesmo que ele nunca tenha te traído.

Com um destes caras eu fiz uma pequena “entrevista”. Sim, aproveito tudo que acontece comigo para entender mais da cabeça masculina e depois gerar inspiração para escrever. O cara tem mais de dez anos de casado, extremamente charmoso, já possui um filho. Perguntei se já havia traído. Relutou a responder, mas sim, claro né (na verdade eu já imaginava a resposta). Foi então que ele me disse: “Raquel, não tem homem que não trai. Aceita. É fisiológico do homem (arghhhhh essa explicação pra mim é a que mais me ferve o sangue). Mas te digo uma coisa: diminui com a idade (hahahaha, tá bom, vou arrumar um namorado de 80 anos então)”.

MAIS: 3 LIÇÕES QUE FAZEM JUS AO DITADO: DECEPÇÃO NÃO MATA, ENSINA A VIVER
MAIS: APRENDA A VOAR SÓ

Pois é, amiga, traição existe desde a Idade Antiga, mas nos dias de hoje, com a facilidade das redes sociais e do fácil contato, os relacionamentos extraconjugais estão cada vez mais favorecidos. É mais fácil que tirar doce da boca de criança. Quando conto estas histórias para minhas amigas que tem namorado/noivo/marido, elas sempre se questionam: será que o meu é assim?

Minha dica é: confie desconfiando. Claro, o intuito não é generalizar, pois sim, acredito que ainda existam homens que queiram seguir a vida se dedicando exclusivamente a uma única mulher. Agora, amigo, se está a fim de poligamia, mude-se para a África. Em vários países de lá é uma prática legalmente aceita. Sou a favor do amor sempre, e defendo a teoria de que quando o amor é assumido publicamente em um relacionamento, não importando se há aliança no dedo ou não, ele deve ser tratado com RESPEITO.

Infelizmente eu me tornei uma pessoa mais cética com relação ao amor, o cara que quiser algo sério comigo vai ter que lutar contra a minha insegurança. Vou estar sempre com os dois pés atrás, esta é a parte pesada da bagagem que a gente carrega de um relacionamento para outro. Mas não desisti, sabem, ainda acredito no amor e em pessoas que queiram construir, somar,  e firmar o relacionamento em honestidade, lealdade e sinceridade. E como diz uma amiga minha que é casada: pode ficar com quem você quiser, não sou tua dona e todo mundo é livre para fazer o que bem entende. Só que antes por favor me avise para que eu possa seguir a minha vida.

Afinal, não somos obrigadas.

Imagem: Pinterest

Receba no seu e-mail dicas/textos sobre Amor


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual tema você gostaria de ver aqui?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)