Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Relacionamentos. Uma palavra que guarda expectativas de tantos homens e mulheres, independente da sua condição financeira, orientação sexual-política-religiosa ou localização geográfica. Algo que buscamos incansavelmente ao longo da vida e que, como cães que correm atrás dos pneus dos carros na rua, não sabem o que fazer quando encontram. Saber amar é muito mais fácil do que abrir a porta da vida e um espacinho na agenda lotada pra deixar alguém te amar. Deixar alguém ultrapassar as barreiras que você cultivou por muito tempo pode ser mais difícil do que prova do vestibular. Pelo menos para ela, você estudou bastante e sabe o que vai encontrar por lá. O amor é imprevisível, assim como o cupido acertar a pessoa certa no momento certo, também é algo raro.

Tá aí uma matéria que poderia ser ensinada na escola… Quem sabe assim – preparados – saberíamos lidar melhor com ele e sofreríamos menos? A verdade é que nem mesmo os grandes filósofos e estudiosos conseguiram explicar esse tal sentimento chamado amor, nem mesmo os mais inteligentes dos cientistas e matemáticos estão imunes aos efeitos resultantes de um relacionamento mal sucedido. Isso porque o sentimento não é uma ciência exata. Ele não tem explicação. Ele simplesmente existe. E ele é o que é, independente de acreditarmos naquilo ou não, por isso vai muito além da fé ou da lógica. Nem mesmo se existisse uma pós-graduação em relacionamentos saberíamos lidar com ele.

PARTICIPE: Estou insegura com meu relacionamento
PARTICIPE: Relacionamento e ciúmes

Não sairíamos da faculdade com um diploma na mão dizendo: “Olha eu sou um perito em relacionamentos”. Um relacionamento bem sucedido depende muito mais de nós mesmos, pois ao contrário do que se pensa o outro não tem culpa das expectativas que depositamos nela. O relacionamento é um reflexo do que somos com nós mesmos e somos todos espelhos um do outro. Se estamos inteiros, o relacionamento será inteiro. Se não somos também. E se somos metade, como podemos esperar que o outro seja completo? Não podemos cobrar do outro aquilo que não temos, certo?

Precisamos ser completamente inteiros para poder acrescentar algo na vida de alguém. Primeira lição da matéria de relacionamentos. Anota, porque vai cair na prova! E na prova da vida. Vence aquele que é paciente. Aí outra matéria que deveriam ensinar nas escolas. Um pouco de compreensão não faz mal pra ninguém. Mantém o coração saudável e revigora. A resiliência também. Todo mundo anda tão estressado com tudo que sobra sempre pra quem está do nosso lado. Mas viver pela metade com medo do que está por vir não vai te proteger do sofrimento.

MAIS: VOCÊ É MINHA LOUCURA
MAIS: VOCÊ NÃO PRECISA SOFRER DE AMOR

Na prova da vida, vence quem não tem medo de errar. Quem não tem medo de arriscar. Quem não tem medo de amar. O medo de amar é como o medo do escuro, a partir do momento que você deixa uma fresta de luz entrar ele se dissipa e é assim que a vida vai seguindo. E no fim das contas, você pode não sair perito em relacionamentos, mas vai sair mais sábio do que quando entrou.

Imagem: Pinterest

Receba no seu e-mail dicas/textos sobre Amor

@ load more