Receba nossos e-mails incríveis
NOVO App Clube Superela!! ♥
Pergunte e converse anonimamente
Relacionamento Sexo Autoestima Corpo Trabalho&Dinheiro Beleza Estilo Entretenimento Girl Power!
Escreva seu texto
Receba nossos e-mails incríveis

Leia temas do seu interesse:

/

Maisie Williams, de Game of Thrones, rebate matéria sexista no Twitter

Marcela De Mingo

Colunista Superela

Mais textos

A atriz de Game of Thrones, Maisie Williams, já provou que não veio ao mundo a passeio. Além de fazer um sucesso incrível na série, como a personagem Arya, também faz questão de mostrar que é uma verdadeira ativista, principalmente quando o assunto é a forma como ela – e outras atrizes – são tratadas pela mídia.

No último final de semana a atriz de 19 anos usou as redes sociais para rebatar o título sexista de uma matéria feita no britânico Daily Mail sobre o look que ela usou para um evento no último final de semana.

A manchete dizia: “Revelado: Maisie Williams, de Game of Thrones, usa vestido de rendas sem sutiã e um acessório de cabelo ousado para baile de máscaras de caridade”, e colocava o foco no look que a estrela da televisão escolheu para ir ao NSPCC Summer Masquerade Ball, um evento voltado para arrecadar fundos para a Childline, uma organização voltada para crianças e jovens até 19 anos que oferece suporte emocional.

PARTICIPE: O que vocês pensam sobre feminismo?
PARTICIPE: Meu pai é machista e minha mãe é submissa, o que fazer?

Em sua página no Twitter, Maisie publicou uma imagem da chamada com a legenda: “Alternativa: Atriz de Game of Thrones, Maisie Williams ajuda a arrecadar milhares de libras no Summer Masquerade Ball para a NSPCC”, mostrando que existia um motivo maior para o evento do que o vestido que ela escolheu para o evento, retratado na imagem abaixo.

Maisie Williams, de Game of Thrones, rebate matéria sexista no Twitter

Não é incomum a mídia usar um aspecto da aparência de celebridades para reformar uma cultura machista e sexista. Recentemente, Maria Sharapova foi o alvo de uma dessas chamadas, quando, no jornal Folha de S. Paulo, foi capa da seção Corrida com o título: “Quase Perfeita – Maria Sharapova supera a chuva, mas não a celulite, e arrasa rival em Roland Garros”.

Verdade, muitas vezes chamadas desse tipo tem um motivo: audiência. Porém, é uma audiência conquistada às custas da dignidade de uma mulher. Por isso mesmo, a própria Maisie já comentou, em uma entrevista para o Enterteinment Weekly, que prefere o mundo dividido em dois tipos de pessoas:

“Eu sinto que nós deveríamos parar de chamar feministas de ‘feministas’ e começar a chamar pessoas que não são feministas de ‘sexistas’ – o resto são apenas humanos. Ou você é normal, ou é sexista. As pessoas ganham um rótulo quando são más”, disse.

Muitas vezes, é comum ver que a mídia toma um lado que diminui o poder feminino e reforça padrões estéticos que são totalmente irreais, que causam uma pressão generalizada por um corpo que é, na verdade, de uma minoria da população.

Por esse e outros móvitos, o coletivo feminista Think Olga começou a produzir um manual de jornalismo humanizado. O primeiro volume, chamado Minimanual do Jornalismo Humanizado – Pt. I: Violência contra a mulher, fala sobre a melhor maneira de abordar assuntos como o estupro em matérias e produções jornalísticas.

MAIS: SER FEMINISTA NÃO É XINGAMENTO
MAIS: 4 FRASES MACHISTAS QUE AS PESSOAS PRECISAM PARAR DE REPRODUZIR NO DIA A DIA

Esse tipo de produção é importante justamente para começar uma mudança profunda na cultura midiática do Brasil e do mundo: a de que a mulher é um objeto, passível de culpa e errada por natureza. De matérias sobre looks do dia até sobre casos de feminicídio, todas merecem ser tratadas com respeito.

Imagem: Daily Mail e Pinterest

Marcela De Mingo

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

/

Leia temas do seu interesse:

/

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada!

Recebemos seu pedido de cadastro e enviamos a você um email com o link para você confirmar o recebimento dos nossos emails.

Por favor, acesse seu email e click no link de confirmação.


Click aqui para voltar ao site.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)