Receba nossos e-mails incríveis
NOVO App Clube Superela!! ♥
Pergunte e converse anonimamente
Amor Sexo Autoestima Corpo Vida Carreira & Finanças Beleza Estilo Vídeos
Escreva seu texto
Receba nossos e-mails incríveis

Leia temas do seu interesse:

/

O feminicídio calou mais uma voz, e tudo por causa da religião

Marcela De Mingo

Colunista Superela

Mais textos

O Superela contou sobre a história de Qandeel Baloch, uma webcelebridade paquistanesa que estava questionando todas as regras rígidas do seu país a respeito do corpo feminino explorando a sua sexualidade online.

Apesar de ter ganhado fama mundial e recebido o apelido de ‘Kim Kardashian Paquistanesa’, Qandeel acaba de se tornar mais uma estatística: ela foi morta na última pelo seu próprio irmão.

Segundo a revista Dazed, o irmão de Qandeel a estrangulou no que foi considerado um ‘assassinato de honra’. Apesar de não ser uma definição ligada oficialmente à religião muçulmana, é comum os livros sagrados serem interpretados de diferentes maneiras e eles são bastante usados como uma forma de controlar o comportamento feminino, sendo esse apenas mais um caso. Anualmente, mais de 1000 mulheres são mortas por conta dessa justificativa no país.

Considerada muito polêmica por conta do seu comportamento no Paquistão, Qandeel tentava ao máximo mostrar que a cultura do seu país, que faz o possível para manter uma mentalidade machista, sexista e de violência contra as mulheres, é extremamente ultrapassada.

Ela falava constantemente sobre ter sido obrigada a casar aos 17 anos com um homem que se mostrou abusivo e que ganhou a guarda do único filho que ela teve. Não só isso, mas ela usava suas páginas nas redes sociais para publicar mensagens empoderadoras, dizendo que acreditava na igualdade entre os gêneros e no poder das mulheres.

É por esse e tantos outros motivos, que a misoginia mata. Qandeel representava uma nova cultura, a ideia de que as mulheres são livres e que têm voz, em um país onde a cultura e a tradição ainda são muito fortes. Ela desafiava as forças religiosas e patriarcais que ainda dominam a região e, infelizmente, ela pagou com a sua vida.

Ela, claro, não é a primeira e, provavelmente, não será a última. Mulheres no mundo inteiro sofrem as consequências de uma sociedade machista e sexista, que não as vê como seres humanos que merecem o devido respeito.

O assassinato de mulheres por conta do seu gênero, o chamado feminicídio, tem a quinta maior taxa do mundo no Brasil. Por aqui, a taxa é de 4,8 para cada 1000 mulheres e o número de assassinatos desse tipo aumentou 54% entre 2003 e 2013, passando de 1.864 a 2.875.

E tudo isso porque o Brasil é um país muito mais aberto do que o Paquistão. Porém, a cultura do estupro, tão forte por aqui, e que vê as mulheres como objetos de uma maneira tão presente no dia a dia, colabora e muito para esse alto número de assassinatos.

Mais curioso do que tudo é que o Paquistão é um dos países que mais consome conteúdo pornográfico no mundo. Ou seja: o problema não é os homens sexualizando as mulheres, mas sim as mulheres fazendo isso consigo mesmas.

Qandeel virou estatística, mas a sua voz, com certeza, não será jamais calada. O que ela fez e o que ela passou, assim como a história de muitas outras como ela, serve para reforçar a importância do movimento feminista, que em momentos como esse ganha força para lutar para um mundo mais seguro para as mulheres independe de cor, credo ou idade.

Imagem: Instagram / Pinterest

Marcela De Mingo

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

/

Leia temas do seu interesse:

/

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada!

Recebemos seu pedido de cadastro e enviamos a você um email com o link para você confirmar o recebimento dos nossos emails.

Por favor, acesse seu email e click no link de confirmação.


Click aqui para voltar ao site.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES conteúdos do Superela.
Você vai adorar ❤
Vamos ser amigas? :)
Warning: Unknown: Failed to write session data (wincache). Please verify that the current setting of session.save_path is correct (D:\local\Temp) in Unknown on line 0