Receba nossos e-mails incríveis
Amor Sexo Autoestima Corpo Vida Carreira & Finanças Beleza Estilo Vídeos
Escreva seu texto

Leia temas do seu interesse:

/ /

6 dicas para ser a mulher dos seus sonhos

Aline Costta

Colunista Superela

Mais textos

Como seria a mulher dos seus sonhos? Note, a mulher dos seus sonhos, não a mulher dos sonhos dos outros, das expectativas dos outros…  Sabe aquela versão de si mesma que você insiste em ignorar porque a considera utópica demais? Então, porque não ser ela?

O problema é que a gente só sente e não reage. Você olha para os relacionamentos alheios e se ressente. Talvez, com você mesma, porque com toda certeza está longe de viver um relacionamento saudável, de ter o emprego dos sonhos… Então, você vê aquela sua amiga viajando o mundo, conhecendo gente nova, e você colecionando dívidas ao invés de momentos. Você só se ressente, você não reage.

Como seria a mulher dos seus sonhos? É fácil! Descubra quem você é, o que você quer, e vá buscar. Vou compartilhar com vocês seis dicas que podem te ajudar nesta jornada:

1. Autoconhecimento

O primeiro passo para ser a melhor versão de você mesma é saber quem você sonha ser. O autoconhecimento é o passo mais importante para que você olhe no espelho e sinta orgulho da mulher que está refletida lá. Se pararmos para refletir sobre o conceito de felicidade, ela é relativa. Cada pessoa tem uma felicidade diferente, sonhos e ideais diferentes, descubra o seus. Comece fazendo:

  • Listas das profissões que você gostaria de exercer, e pesquise sobre elas;
  • Lugares que gostaria de conhecer, e faça planos para visitá-los;
  • Reflita sobre os relacionamentos que poderiam ser reatados e os que deveriam ser desfeitos;
  • Faça metas para todas as coisas que você sempre quis, mas que ficaram em segundo plano.

A felicidade é relativa e você precisa saber o que te faz feliz! O que você quer! Nós precisamos ser mães para sermos felizes, ou não? Nós não precisamos ter um emprego para nos sentirmos realizadas, ou nossa maior realização está em contribuir? Tanto faz. Não existe certo ou errado, existe somente aquilo que você quer.

2. Dê o que você quer receber

Algumas pessoas passam a maior parte do tempo ressentidas porque sentem que a vida não lhes dá tudo aquilo que elas merecem. Amor, amizade, boas oportunidades… E eu acredito que você merece muito, que você merece tudo (leia mais aqui)! Mas você tem muito mais para contribuir.

Seja para as pessoas tudo aquilo que você gostaria que elas fossem para você. Se você quer mais amor, dê mais amor! Assim, deliberadamente. Se você quer mais amigos, seja uma amiga insubstituível; se você quer mais oportunidades, se coloque à disposição das pessoas. Doe e você se surpreenderá com o retorno que a vida te trará.

3. Sorria diante do futuro

A depressão é considerada o mal do século. A verdade é que, diante das dificuldades, muitas pessoas não possuem recursos para lidarem com todas as frustrações que a vida lhes impõe. Muitas pessoas desistem com muita facilidade de um relacionamento, desistem de ter uma vida sexual saudável, desistem da carreira…

A verdade é que não é fácil pra ninguém, mas a vida será muito próspera e leve se você tiver ânimo para prosseguir. Se estiver difícil hoje, amanhã com certeza irá melhorar, desde que você continue fazendo a sua parte. Caso perceba que não consegue sozinha, procure grupos de apoio, faça terapia, busque apoio dos familiares, mas não desista (temos profissionais aqui que podem te ajudar!).

 

4. Empreenda sua vida

sonhos

Todo mundo sabe fazer alguma coisa. Todo mundo ama alguma coisa. O que você ama? Além de empreender negócios, nós devemos empreender nossos sonhos (leia mais aqui). Seja ele abrir um ateliê, escrever um livro ou fazer um mochilão na Europa. Quando temos compromisso com nossos sonhos, nossos talentos, é nosso dever empreender a nossa vida.

Fazer dar certo seja lá o que for que você queira. Isso não quer dizer que você deve chutar o balde, largar o emprego ou o casamento, e sair sem rumo por ai. Significa que se você tem talento, dons, expertise, competência para alguma coisa (e você têm) você tem a obrigação de fazer algo com isso.

5. Mude

Agora que você já sabe quem quer ser, não tenha medo de mudar. A mudança é tão necessária quanto dolorosa. Mudar dói – e você deve mudar mesmo assim. Se você se olha no espelho e se vê sem o brilho nos olhos e sorriso nos lábios porque sabe que esta perdendo a oportunidade de encontrar o trabalho que você quer, o amor que você quer, você precisa mudar.

Se você entrou na corrida dos ratos e caiu na maior armadilha da vida, que é dormir, trabalhar, estudar, pagar contas, fazer mais dívidas, trabalhar mais… E não sabe qual é o propósito de passar a vida toda fazendo coisas que não te faz feliz, mude!

Não desista de ser a sua melhor versão

sonhos

O adversário dentro da nossa cabeça é mais poderoso do que os adversários que estão do lado de fora. Nietzsche já dizia que “o inimigo mais perigoso que você poderá encontrar será sempre você mesmo.” Comece vencendo as guerras dentro da sua cabeça. Descubra quem você quer ser e planeje-se para isso.

Sair de um relacionamento abusivo ou sem graça não é fácil (leia mais aqui). Trocar de emprego ou voltar a estudar, muito menos. Mas você pode qualquer coisa, desde que você acredite nisso. Não hesite em procurar por ajuda caso perceba que não consegue sozinha. Se for preciso, procure por um advogado, um psicólogo, um nutricionista, um médico, mas não desista de ser a mulher dos seus sonhos.

A jornada nunca termina, e o lado bom, é que a jornada é muito mais gostosa que o destino final.

Imagem: Pinterest

Aline Costta

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

/ /

Leia temas do seu interesse:

/ /

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!