Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Tá, a gente sabe bem que o Superela é um site para mulheres. Mas isso não significa que a gente não pode ajudar os homens de vez em quando também – desde que essa ajuda seja benéfica para todos. O que é caso desse texto.

A gente quer levantar uma discussão sobre coisas simples que os homens podem fazer pelo feminismo – e que nem são tão difíceis de colocar no dia a dia. Porque, no plano geral da coisa, parece que o movimento é um bicho de sete cabeças, é um monstro horrível que quer acabar com os homens do mundo todo. Mas não é isso. O que ele quer é que homens e mulheres sejam vistos como iguais perante a sociedade e, como consequência, as mulheres não estejam mais sujeitas à atos de violência que se tornaram estruturais, isto é, parte da forma como vivemos hoje.

Mas ao invés de falar tanto, vamos direto para o que você, homem, pode fazer pelo feminismo hoje:

1.Repense o elogio

Antes de falar que uma mulher é ‘linda’, ‘gostosa’ ou o que quer que seja, pense duas vezes: ela deu abertura para esse elogio. Ela quer ser elogiada (dá para saber, sim, é só prestar atenção), você já a elogiou antes? Foi sobre a aparência? A gente faz essas perguntas porque uma mulher é mais do que a sua forma física, e um dos motivos pelos quais elas foram objetificadas esse tempo todo é, justamente, por causa dessa exacerbação da beleza feminina – que na verdade é uma pressão imensa para a gente tentar se encaixar num padrão. Quer elogiar? Tudo bem, mas pense se o elogio é oportuno, se houve abertura para ele e, principalmente, priorize elogiar o caráter à beleza. As mulheres são tão desvalorizadas porque não são vistas pelas suas realizações, mas reduzidas às suas aparências.

2.Reveja o seu papel em casa

Você mora com a sua namorada, mãe ou esposa? Então saiba que você é responsável por 50% das tarefas de casa – ao contrário do que pensam, essa não é uma função 100% feminina, ok? Você aproveita o ambiente tanto quanto a mulher e é o mínimo você fazer a sua parte no cuidado com a casa.

3.Reveja também o seu papel como pai

É mais ou menos a mesma coisa do item anterior. Não seja um feministo e diga que aprendeu o que é ser mulher agora que tem uma filha. Você é responsável por 50% da criação de uma criança, por isso, compartilhe dessa responsabilidade com a mãe. Ajude na formação desse bebê, nos cuidados básicos, seja presente e não apenas a parte ‘divertida’ da família. Não é obrigação da mãe levar esse peso nos ombros a vida toda.

4.Principalmente, ouça

A maior questão envolvendo o machismo é que as mulheres são silenciadas. Elas não têm as suas vozes ouvidas, as suas opiniões e necessidades não têm espaço. Ou seja, pare de falar um pouco e ouça o que elas têm a dizer. Escute e se disponibilize a entender o que elas estão sentindo e pensando.

5.Pare de usar o argumento do ‘nem todo homem…’

Tá bem, a gente já sabe que nem todo homem é machista, abusador e horrível. Mas você precisa entender que as mulheres são generalizadas há décadas (‘mulher tem que se dar o respeito’, ‘mulher que dorme no primeiro encontro é puta’, ‘toda mulher é sensível demais’…) e agora é a nossa vez de falar sobre um comportamento da maioria. Então, volte para o item anterior e pare de falar e de se justificar tentando mostrar que é diferente e ouça o que a mulher tem a dizer.

6.Chame a atenção dos seus amigos

A gente já falou sobre isso neste texto aqui. Mas vale a pena reforçar: se você vir um amigo agindo de maneira machista ou reproduzindo comportamentos machistas, fale alguma coisa! Não fique calado e não deixe a situação passar em branco. Posicione-se e leve a sério quando algum deles brincar sobre bater em mulher, compartilhar fotos nuas de alguma amiga ou namorada no Whatsapp ou chamar uma mulher de ‘mal-comida’.

7.Use o seu privilégio por uma boa causa

Não adianta, os homens ainda são considerados mais importantes do que as mulheres só porque são homens. Então, ao invés de usufruir desse privilégio sem fazer nada para mudar, use essa sua ‘força oculta’ para ficar do lado de uma mulher, quando a necessidade se mostrar. Fique posicionado e cuide para que você ajude a pessoa que está em desvantagem na sala – você não tem ideia da diferença que isso faz.

8.Desconstrua os seus próprios estereótipos

Por mais que, sim, seja muito ruim um homem não poder demonstrar emoções ou chorar sem ser tachado de ‘feminino’ (e temos mais mais um exemplo do machismo), nós, mulheres, estamos mais preocupadas em acabar com a violência contra a mulher, os estupros, a diferença salarial. Estamos lidando com questões como o aborto e o desejo de andar para casa à noite sempre precisar correr e olhar por cima do ombro a cada cinco minutos para saber se estamos sendo seguidas. Se você acha que o esterótipo de homem macho é negativo, faça você mesmo essa desconstrução – a gente já tem muita coisa no prato para colocar mais esse ingrediente.

Mais do que qualquer coisa: informe-se. Conversar com as suas amigas feministas é um primeiro passo incrível, mas não se esqueça de ler sobre o assunto, de pesquisar e entender do que se trata toda essa luta feminista e a luta contra a desigualdade de gêneros. No mais: boa sorte, e bem-vindo ao time!

Foto de capa: Pexels


Você já se deparou com atitudes machistas? Que tal ajudar a nossa usuária nesse assunto, respondendo a pergunta abaixo ou clicando aqui?


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual conteúdo você gostaria de ver no Superela?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)