Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Olá, como vai? Prazer em te encontrar aqui, meu nome é Ansiedade Crônica. Ah, não, às vezes me confundem com a minha irmã, a Ansiedade Normal. É, ela é comum e bem mais tranquila do que eu e até tenta me imitar em alguns sintomas, mas imitar a intensidade deles ela não consegue, não! (risos)

Me chamam de Crônica, mas eu também atendo por Ansiedade Generalizada. Alguns me chamam de Patológica, mas eu não gosto deste sobrenome, acho meio pesado, sabe? Ah, o que eu faço? Bom, em resumo, eu deixo a pessoa muito, mas muito preocupada e apreensiva. E não precisa ser diante de um acontecimento muito significativo, não… Pode ser quando a criatura está dentro do metrô, numa reunião qualquer ou até mesmo em casa, fazendo nada. E eu sou daquele tipo que faz visitas sem avisar, gosto de surpreender as pessoas!

Gosto de usar a expressão “overreaction”, porque é bem isso o que a maioria faz quando está na minha companhia: tem uma reação excessiva. É normal elas ficarem assim quando me encontram, porque eu acabo marcando presença no dia a dia e atrapalho o andamento das coisas.

A ansiedade e eu: o dia em que nos encontramos pessoalmente! 1

Tudo bem que cada um é de um jeito, mas a maioria fica irritada, anda sempre cansada, tem falta de foco e concentração, tensão muscular, insônia. Às vezes, também, tem tremedeiras nas mãos e falta de ar. A falta de ar? (risos) Não mata, não! Claro, a pessoa fica inspirando, inspirando, desesperada e diz que tem a sensação de que o ar não chega. Fica até com uma dorzinha naquele osso com nome esquisito, o esterno.

No físico deve ter mais alguns sintomas, mas basicamente é isso aí. Na cabeça também varia mas, além da preocupação horrorosa com as coisas, posso desencadear o que chamam de “pensamento intrusivo”. Você tem, é verdade! É aquele pensamento que gruda, né? Gruda e fica cozinhando ali dentro da cabeça, como num “loop”, vai e volta, e tudo o que você consegue visualizar é tragédia, calamidade, desastre.

Por que eu venho? Ah, geralmente não existe uma única causa. Posso acompanhar a pessoa desde a infância, como é o seu caso, né? Também sou ligada nessas coisas hereditárias, tipo genética. E o meu amigo estresse me convida pras festas dele, quase sempre, assim como a minha amiga depressão.

Não, eu não me ofendo por ser tratada como vilã, porque sei que não sou. Acabo sendo a última da fila, o ponto culminante, o efeito “panela de pressão”, a gota d’água. Me explicam das mais variadas formas, mas sabe o que eu realmente sou?

Eu sou o resultado.

A ansiedade e eu: o dia em que nos encontramos pessoalmente! 2

Você mesma me disse: ignorou os sintomas, fingiu que estava bem, teve vergonha de procurar ajuda, e muito, muito medo do julgamento dos outros e, vou te dizer, isso tudo me seduz e acaba me atraindo ainda mais.

O que eu digo pra quem não me quer mais como companhia? É óbvio, procure um médico. Pode demorar um pouco o tal do tratamento, mas dizem que ajuda a me controlar e até a me afastar de vez, em alguns casos. Sei que não é o seu, mas sei também, como já me contou, que você aprendeu a conviver comigo. Que, hoje, eu te ajudo a olhar mais pra dentro de você, te faço se importar e se preocupar mais com você mesma e, até mesmo, te incentivo a mergulhar nas profundezas escuras, encarar seus medos e se conhecer.

E você sabe, que quando você estiver pronta pra fazer isso sozinha, eu me vou.

Nota: Os Transtornos de Ansiedade atingem mais de 18 milhões de brasileiros. Segundo a OMS, somos os primeiros neste ranking. Mais detalhes aqui.

Imagem: Pexels


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual conteúdo você gostaria de ver no Superela?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)