O que você procura?

Depois de tanto fuzuê em torno do clipe novo de Katy Perry, Taylor Swift voltou com força total. Sim, eu sei, é costume eu falar bastante das duas cantoras aqui no Superela, por mais que esteja cansada da rivalidade entre elas. Mas sempre tem um motivo, e a nova música da ex-cantora country, Look What You Made Me Do, é um ótimo motivo.

Confesso que a primeira vez que a ouvi, fiquei assustada. Era uma vibe muito diferente do que o último álbum da cantora, 1989, lançado há três anos. Ali, as músicas eram um pop chiclete contagiante, com um quê divertido e crítico: ela sabia o quanto falavam dela, o quanto ela era criticada e tirou um sarro com todo mundo enquanto escalava as paradas musicais sem tempo para fazer escalas.

Agora é diferente. Na música, que você pode ouvir abaixo, ela fala sobre como ‘a velha Taylor Swift morreu’ – é uma prévia do que vem por aí. A cantora deletou todo o conteúdo das suas redes sociais e começou do zero, usando uma cobra para indicar o novo projeto. Dizem que é uma referência ao apelido que Kim Kardashian deu para a cantora depois de todo o rolo envolvendo Kanye West e a música Famous – Taylor ficou chateada com a canção, sendo que tinha aprovado a letra previamente.

Era de se esperar uma virada como essa. Taylor Swift foi muito atacada pela mídia, por fãs e por outros artistas nos últimos três anos. Teve o relacionamento com Calvin Harris que acabou em maus lençóis e com lavagem de roupa suja nas redes sociais. Depois veio o namoro com Tom Hiddleston, que mais parecia uma jogada de marketing malfeita. As brigas com Kanye e Kim, toda a zona envolvendo Katy Perry, as discussões sobre os comentários de Nicki Minaj no Twitter (que não tinham nada a ver com ela)… Foram anos difíceis para Taylor.

Porque não enaltecer a morte da antiga Taylor Swift

Eu posso ter todas as questões do mundo com a cantora – pessoalmente, sinto que ela é muito pouco autêntica –, mas ela é uma profissional incrível, que escreve letras muito relacionáveis e construiu uma carreira impressionante. Ela é, mesmo, uma das melhores artistas da atualidade. Opiniões não importam muito diante desses fatos.

Porém, eu sempre lembro de como ela assumiu, por grande parte do tempo, o papel de vítima enquanto fazia essa escalada profissional. Tem um texto incrível sobre isso, que explica em detalhes essa trajetória e mostra com clareza como essa vitimização foi a base de tudo o que a Taylor fez até hoje – se o clipe de Bad Blood pode servir de exemplo, ela tem o costume de colocar os outros como vilões e ela como a mocinha injustiçada.

A sensação, agora, é que ela cansou de indiretas e de brincadeiras. Se é para ser vítima, injustiçada, se é para colocar a culpa em alguém, que seja diretamente e sem melindres. O que eu senti ao ouvir a música de Taylor Swift é uma sede por vingança. Ela está sofrendo, está sentindo raiva e precisa descontar isso de alguma forma, em algum lugar. E ela sabe fazer isso com a música, e já disse uma vez que ‘não há nada que eu faça melhor do que vingança’.

É difícil dizer se o álbum inteiro vai seguir o padrão da primeira música – mas pela arte da capa e pelo estilo das fotos de divulgação, é bem capaz que sim. Por isso não dá para enaltecer a morte da antiga Taylor Swift. Mesmo com todas as questões, é possível ver que esse momento chegaria, uma hora ou outra – da boa moça que chorava pelo coração partido no primeiro álbum até agora, foi uma sequência de situações e exposições que ninguém aguentaria sem cair na raiva.

Taylor Swift não é raivosa. Ela não é assim e tem coisas muito legais para entregar para o seu público, para ensinar as pessoas a se sentirem bem consigo mesmas – esse potencial todo existe nela. E é triste pensar que, agora, ela prefere fazer sucesso (mais uma vez) usando a raiva como justificativa.

Os significados e a questão Kanye West

As redes sociais ficaram em polvorosa tentando entender os signos por trás do álbum novo de Taylor, chamado ‘Reputation’ (ou ‘reputação’, em português).  Dizem que a capa faz alusão as milhares de manchetes sobre ela, o que indicaria que o CD fala, principalmente, sobre a forma como ela foi tratada na mídia.

A post shared by Taylor Swift (@taylorswift) on

Existe também todo o ponto envolvendo Kanye West. A roupa que ela usa na imagem principal seria uma referência à coleção do rapper em parceria com a Adidas, com peças ultra básicas e com um ar ‘destruído chique’. Mais do que isso, a tipografia usada para o nome do álbum seria semelhante àquela usada na linha de roupas da turnê Saint Pablo, assim como uma referência ao header do The New York Times, um conhecido veículo de comunicação norte-americano.

Look What You Made Me Do conta com um verso que também remeteria à Kanye: ‘Eu não gosto dos seus palcos tortos’. Na última turnê, ele, de fato, usou um palco entortado, na vertical, para se apresentar.

Até a corrente que ela usa no pescoço seria um símbolo: supostamente representaria como ela foi sufocada pelo ódio e agora está renascendo, livre. É difícil dizer qualquer coisa até que a própria Taylor Swift comece a falar sobre o novo trabalho, mas o público espera inúmeras referências em suas músicas à toda questão envolvendo Kanye, Kim e Katy Perry – mas o que a gente gostaria, no mínimo, é que ela consiga voltar a si e desistir dessa raiva toda. O sentimento até pode ser um impulso e tanto para vender álbuns, mas não faz bem a ninguém.

Imagem: Reprodução / Taylor Swift


 


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤