Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Na última semana, pintou na nossa timeline um vídeo que levantou um alerta vermelho sobre atitudes abusivas em relacionamentos: o youtuber Carlos Santana mostrou no Facebook uma crise de ciúmes, em que ‘faz uma limpa’ nas contas que a sua namorada segue no Instagram.

Usando o ciúme como um disfarce, Carlos questiona porque a namorada segue alguns homens na rede social, quem eles são e qual o grau de proximidade que eles têm na vida real. Se o cara é ‘pouco conhecido’ ele deleta sem perdão da conta. Pode parecer ‘fofo’ ou ‘normal’, mas esse é um clássico exemplo de atitudes abusivas que aceitamos sem nem pensar duas vezes.

A boa notícia é que nos comentários muitas mulheres perceberam o que estava acontecendo e comentaram sobre como esse tipo de atitude não é legal – nem agora, nem nunca – e que esse é um comportamento abusivo, por mais que não seja violento em essência. A gente fala muito sobre relacionamento abusivo por aqui, mas não necessariamente esse tipo de relacionamento é caracterizado como violento e agressivo, fisicamente falando. O abuso também pode ser psicológico e emocional.

Por isso mesmo, decidimos fazer uma seleção de atitudes abusivas que são muito comuns em todos os relacionamentos, mas que deixamos passar porque são consideradas ‘normais’.

6 atitudes abusivas que o seu namorado já teve:

1.Ele reclama das suas amizades

O exemplo de Carlos Santana entra perfeitamente aqui: ele tentou controlar as amizades e contatos da namorada porque eram homens que ele não conhecida e acreditava que não tinham que estar na lista de seguidos da mulher. É aquela história de ‘mulher minha não fica andando com homem’ ou se relacionando com caras que ele não conhece e não têm um grau de proximidade alto com a namorada, como um chefe ou um colega de trabalho. No fundo, isso é controle.

2.Ele não gosta que você saia sem ele…

… Mas tudo bem ele ir para o futebol com os amigos sozinho. Existe uma crença de que mulher que sai sozinha ‘não presta’ e ‘não se dá ao respeito’. Ela deve sair apenas acompanhada do namorado, e se não faz isso, com certeza está aprontando. Só que a gente já sabe muito bem que isso não tem nada a ver. A mulher é livre para fazer o que ela quiser, assim como os homens. Se ela tem um relacionamento sério e comprometido com um cara, essa relação vai se manter mesmo que ela saia com as amigas para um barzinho na sexta à noite.

3.Ele diz que você não faz bem alguma coisa porque ‘é mulher’

Sabe aquele tom paternalista que os homens usam quando vão ajudar uma mulher a estacionar o carro, ou então quando automaticamente querem tirar um pote de vidro da mão delas porque não vão conseguir abrir sozinhas ‘já que são mulheres’? Então. Esses pequenos hábitos também podem ser caracterizados como atitudes abusivas porque colocam a mulher em posição inferior em relação ao homem. A gente não está falando aqui que o homem não pode ajudar a mulher em um caso de necessidade ou vice-versa, longe disso, mas o principal problema é que muitas vezes essas atitudes têm como base uma ‘falta de capacidade’ (que é mentira) do sexo feminino em fazer qualquer coisa. Se você quer ajudar a sua namorada a abrir um pote, estacionar um carro ou qualquer outra coisa, pergunte primeiro se ela precisa dessa ajuda. Não assuma que ela não consegue fazer o que se propõe, ok?

4.Ele te culpa por tudo

O time de futebol perdeu? Culpa sua que é ‘pé frio’. Vocês atrasaram para o cinema? Culpa sua que demora demais para se arrumar. De alguma maneira, ele sempre acha uma forma de jogar a culpa por coisas que aconteceram em você. E pode até ser em ‘tom de brincadeira’, mas a gente sabe bem que toda brincadeira tem um fundo de verdade e as coisas não funcionam assim, sem serem levadas a sério em algum grau.

5.Bullying

Não precisar criar na sua cabeça uma imagem dos bullies que existem nas escolas e filmes norte-americanos, em que sempre alguém acaba machucado. Podem ser coisas pequenas, como ele te chamar de ‘burrinha’ porque você não conseguiu fazer uma conta de cabeça, por falar na frente de todo mundo que você até tenta, mas cozinha muito mal o tempo inteiro (‘ela tenta me envenenar’ e brincadeiras desse tipo), ele fala que prefere dirigir porque você é péssima no volante… A lista é infinita.

6.Ele fica irritado com as suas roupas

Você comprou uma saia curtinha linda e quer usar para sair. Mas assim que coloca ele faz cara feia e reclama que a roupa é curta demais. Você até rebate e diz que ele não tem nada que dar opinião sobre o que ele veste, mas o climão está instaurado e ele fica de cara feia o resto do dia por causa do seu look. Isso é uma atitude abusiva sim, porque diz que o você veste está ligado com o seu caráter e com a forma como as outras pessoas vão julgar você.

 

A nossa ideia aqui não é apenas mostrar como atitudes abusivas são mais comuns do que imaginamos. Com esse material, você pode observar se o seu namorado age assim e, a partir daí, pedir para ter uma conversa honesta e franca sobre o assunto. Aponte para ele que esse é um comportamento que machuca você e tantas outras mulheres porque perpetua uma cultura machista e seja firme na sua decisão de que não vai mais aceitar esse tipo de comportamento numa boa. Se ele topar fazer o possível para mudar, ótimo! Caso contrário, é hora de você colocar a mão na consciência e pensar seriamente se é isso que você deseja para a sua vida.

Imagem: Reprodução

@ load more