Quem somos Termos / Política de Privacidade Contato
< Superela.com
Você está em:
Clube Superela
+18
home recentes populares temas relacionamentosexoautoestimabelezaestilotrabalhoentretenimento perguntar

Sobre amizades e a loucura do dia-a-dia

Pessoal, já postei algo relacionado aqui, mas venho com um "desabafo" talvez...

Já comentei sobre algumas amigas que tenho há mais de 10 anos...vivemos muitas coisas juntas e sempre estivemos uma do lado da outra. Eis que eu estudo com minha melhor amiga, aquela mesma de uma outra pergunta, onde digo que nunca brigamos, mesmo com 11 anos de amizade. Nos entendemos bem só no olho mesmo, porém depois que nós duas começamos a faculdade juntas parece que tudo mudou. Estamos distantes e como já falei outra vez, ela prefere me deixar sozinha pra fazer trabalho pra fazer com outra menina, porque ela não trabalha e tem mais tempo que eu. Enfim, são vários motivos que me levam ao desabafo de hoje.

Essas minhas amigas não trabalham e vivem fazendo jantas, saem pra lá e pra cá, porém minha rotina é diferente: trabalho em tempo integral, estudo de noite e só me sobra o fds pra estudar, descansar e ficar com meu namorado, família e com elas.

Em uma época antes do meu namoro eu estava me sentindo sozinha e quase implorava pra essa minha melhor amiga vir me fazer companhia, tomar tererê cmg e tal e ela nunca podia, eu entendi numa boa e a vida seguiu. Hoje em dia com minha rotina de ir dormir as duas da manhã e acordar as 6, passo cansada e chegando o fds não quero sair, só quero descansar e aproveitar pra ficar com minha família.

Porém elas vivem me convidando pra ir pra lá e pra cá (eu preciso tirar dinheiro do bolso, elas pegam dos pais), além da falta de dimdim ainda não tenho muito tempo...

A questão sem querer me demorar mt é que não tenho a mínima vontade de ver elas, hoje mesmo me convidaram e eu vou ir por obrigação e não pq tenho vontade.

Esses dias quis desabafar com uma delas sobre a melhor amg do meu namorado dizer que eu sou ciumenta, sendo que nem me conhece e ela me falou um monte, dizendo que a culpa era minha pq não deixava ele fazer nada, o que é a maior mentira do mundo, nunca falei pra não ir ou não fazer nada...

Não sei o que fazer, porque não tenho vontade mais de ficar com elas, mesmo sabendo que amizades são importantes ):
Tainn . 6 anos

5 Respostas

verusca . 6 anos
Hum esta insatisfeita né Kelly, então nada melhor do que deixar esfriar... pra tirar tuas conclusões, se elas são reais e tal, mas enfim, acredito que esta em outra vibe! Mulher madura, inteligente e independente, que tem muitas obrigações, enfim, sei bem como é e te digo, melhor só do que mal acompanhada, eu também tenho uma rotina bem desgastante, quando chega o final de semana quero mais é me entocar e ficar na minha descansando, claro que as amizades são bem importantes, e deve dedicar um tempo para elas, mas se forem realmente tuas amigas saberão te entender, e aparecer mais esporadicamente não tem problema nenhum, não são gêmeas siamesas né.

Beijão e faz o que teu coração mandar e também faça novas amizades, mais de acordo com teus valores e prioridades.
+5 arrasou
Amanda P. . 6 anos
Oi Kelly! Se tem uma coisa que aprendi sobre amizades é que as pessoas mudam. Sim, amigos são importantes e é muito bom preservar isso, mas é raro manter os mesmos amigos sempre na nossa vida, as rotinas mudam e as afinidades também.

O que eu acho que vc deve pensar é: não quero mais sair com elas porque não me sinto bem ou porque estou cansada? Você pode sim fazer um esforço de vez em quando, mas isso tem que vir dos dois lados.

Um dia você vai pra night com elas, no outro elas ficam na sua casa conversando e tomando alguns drinques. Toda relação precisa de um troca!

Não tenha medo de perder o que você não tem.
+5 arrasou
Keth . 6 anos
Entendo isso perfeitamente, tive duas amigas no passado que poxa, eram o tipo de amigas que planejavam ter um apartamento parar morarmos juntas  para levar os caras, dividir despesas, ter a liberdade que nunca tivemos em nossas casas. Acontece que por obra do destino, há quase 3 anos, eu briguei feio com uma delas e a outra preferiu não ficar ao meu lado... Foi um período muito triste, pois as duas frequentavam a minha casa, minha mãe sentiu falta, eu senti muita falta e sem perceber os dias passaram. Acontece Kelly, que quando olhamos para trás pensamos "Não, vou me dedicar a esse elo pois sei que essas minhas amigas ficarão ao meu lado para sempre", bom, você pelo visto é uma moça independente, trabalha, estuda, tem sua família e namorado por perto, então deve saber que nada é para sempre né?! A vida é um ciclo, eu demorei para entender que dava pra viver sem a amizade das meninas, me fizeram uma falta absurda no inicio, porém como na época eu vivia um novo ciclo da minha vida, acabei "esquecendo" aquela fase difícil e me dediquei a varias outras coisas.

A amizade, assim como o namoro, ou até mesmo a convivência dentro de casa é uma via de mão dupla, primeiro pare e pense: assim como antigamente as conversas são as mesmas? os planos que vocês tinham continuam? o que cada uma faz da vida? Depois de uma analise, se você perceber que na maioria das vezes você quem corre atras para desabafar, procurar saber como elas estão, e ninguém te procurar para fazer o mesmo, é hora  de rever os conceitos. Tudo que começa um dia chega ao fim, pode ser que essa amizade de 10 anos deu o que tinha que dar, coisas boas e ruins passaram e a vida não pode parar. Chame  essa amiga q você tenha mais afinidade, diga q sente falta da cumplicidade de vocês, e caso você note que a falta de reciprocidade, é hora de pensar em partir, não correr mais atras, viver a vida com seu namorado, e pô, você deve ter vários outros amigos, invista nesses também.

Para finalizar, não posso deixar de dizer que há poucos meses atras aquelas meninas com quem vive bons anos de amizade, voltaram, por obra do destino certa vez nos encontramos numa festa e uma delas me falou por inbox que sentia muito a minha falta, foi difícil, fiquei surpresa, mas não senti a minima vontade de buscar o que havia perdido, de buscar talvez um novo rumo para nossa amizade.. Simplesmente conversamos um dia depois por inbox mesmo, falamos sobre os erros do passado, nos perdoamos e hoje não sentimos magoas.. No final de tudo, aprendi que não vale a pena correr, correr, correr atrás quando algo estiver errado, talvez a solução esteja em você cuidar da sua vidinha e deixar que suas amigas cuidem da vida delas. Se lá na frente algo tiver que acontecer, vai acontecer.
Não se preocupe e dê valor a quem te dá. Aposto que ao seu lado existem várias pessoas q te amam e q precisam de você!

Beijos <333
+4 arrasou
Alcione J. Silva . 6 anos
Oi Kelly. estamos aqui pra te dar apoio sempre, disso você pode ter certeza.

Eu entendo você: nasceu uma amizade, mas a vida tem traçado caminhos diferentes para vocês. Ninguém está imune a isso. Pode ter sido lindo esse período em que vocês dividiam tudo e eram disponíveis, mas esfriou. Parece que se perdeu e você também está perdida tentando entender o que irá fazer...

Eu já estive do outro lado da situação: minhas amigas todas namoravam e eu ficava sozinha, porque a gente estudava juntas e no fim de semana cada uma ficava com seu namorado (alguns se tornaram maridos hoje). Minha melhor amiga, a Luciene, é casada. mas durante todo o tempo de namoro/noivado/preparativos pra casar ela NUNCA me esqueceu. Ora ligava, ora me buscava pra ir na casa dela (que era bem longe). O que eu quero dizer é: se for verdadeira a amizade não morre sufocada pelas ansieades da vida.

Pelo que você sempre conta elas têm uma situação econômica diferente da sua. E te digo duas coisas: amigo de verdade empresta e até paga se a gente quer ir a algum lugar mas não tem dinheiro. Você pode não aceitar, logicamente. Mas o dever de um amigo de verdade é estender a mão. Parabéns por trabalhar e correr atrás dos seus sonhos.

Muitas vezes, por apego ao passado, não damos o braço a torcer que a vida muda e as pessoas também. Você não é a mesma assim como eu não sou nem elas são as mesmas de 10 anos atrás. E não reconhecer isso causa mais mágoa porque queremos forçar as coisas. Veja bem, você está indo ao encontro delas como um boi que vai pro abatedouro! Isso é felicidade dividida? Acredito que não.

Vocês já estão afastadíssimas. Se você sente que essas amizades já acabaram, que não são mais as mesmas nem te adicionam nada como pessoa, eu sinto muito: hora de se afastar. eu sei que dói, que as coisas não acabam assim da noite pro dia e que você tem medo do que elas vão pensar/achar/discutir entre elas sobre você. Mas eu te digo que anular o que sente é se matar aos poucos. Saiba dizer não. Saiba a hora de parar. Saiba reconhecer que não há mais aquele prazer em estar com elas, que vocês se distanciaram e não está dando pra alcançar o ritmo delas.

Acho melhor o afastamento do que o convívio forçado, falso e por conveniência. Ninguém merece conviver com sanguessugas.

Se te faz mal, por mais difícil que doa, corte. Eu conheço a dor do corte. E sei que cortes cicatrizam.

Muita força, Kelly. Não tenha medo do novo. Permita- se, de todo coração!!
+5 arrasou
Tainn . 6 anos
Meninas, muuuito muito muito obrigada, me sinto bem melhor lendo os conselhos de vocês.
O que mais me chateia é que quando nos encontramos e eu tenho pouco tempo pra ficar com elas, ao invés de ficarem felizes por eu ter me esforçado pra ir, elas reclamam que eu não tenho tempo. Quem sabe seja esse o problema e minha falta de vontade de ir vê-las.
Acho que a questão é mesmo aceitar que a vida muda e que mudamos junto com ela, assim como nossas amizades. Vou seguir os conselhos de vocês.
0 arrasou

Sua resposta AQUI

Que bom que vai responder!! Só lembrando que estamos aqui para realmente AJUDAR outras pessoas, então pense nisso! Obrigada! :)
relacionamentosexoautoestimabelezaestilotrabalhoentretenimento
🙋 Editar resposta 🙅 Excluir resposta 👀 Ocultar resposta 👀 Republicar resposta 😠 Denunciar resposta 😠 Remover denúncia
...