Josiany Lima

Uma eterna nômade facilmente encontrada em livrarias e sebos, que vive arrumando a mala sempre que pode, e afirma com todas as letras que o amor é o único sentimento que não some do mapa. Se apaixona por estranhos no metrô e ama bandas que ninguém conhece. Trocou o verão do Maranhão pela garoa de São Paulo, percebeu que ser gente grande é complicado e por isso leva a vida com um jeito de menina, sempre que pode se refugia em um mundo paralelo de séries, filmes de Jeunet, livros de Fante e brigadeiro. Acredita ser jornalista e trabalha com marketing, é autora de livros infanto-juvenis e dá conselhos amorosos em mesa de bares da metrópole, escreve seus devaneios no TeenTação, aqui no Superela e nos guardanapos dos cafés paulistanos.