O que você procura?

Como conviver com a depressão? Entre o estágio do ‘estou doente’ e o ‘agora eu recebi alta do psiquiatra’, existe todo um processo em que você precisa passar os seus dias lidando com essa nuvem preta que paira sobre a sua cabeça.

Lembrando dos dias que eu mesma passei por esse aprendizado, durante o meu tratamento para a doença, eu separei algumas dicas que me ajudaram nesse processo, e perguntei também para as mulheres maravilhosas da nossa comunidade no Facebook, a #superelas, por ideias para ajudar nessa fase.

É sempre importante lembrar que a dica principal é buscar ajuda. Conversar com um profissional, fazer terapia e um acompanhamento psiquiátrico é indispensável para a reversão dessa doença. Não só o médico vai saber a melhor forma de cuidar de você e da sua mente, como também será o seu principal ponto de apoio durante esse processo todo.

Essas dicas servem como algo a mais, um extra que você pode fazer para melhorar o seu dia a dia, e ajudar o tratamento a caminhar mais rápido. Lembrando sempre que o objetivo é ajudar você a se sentir melhor e mais forte cada dia que passa, e aumentar a sua motivação para combater essa doença e reencontrar o seu ponto de equilíbrio na vida.

1.Tomar sol

Acredite se quiser, mas sol também é remédio. Ele ajuda na produção dos hormônios que causam a sensação de bem-estar, além de melhorar o humor e ajudar com o sono. Tomar alguns minutos de sol por dia é uma ótima dica para quem quer aprender a conviver com a depressão.

2.Fazer um exercício físico

Mas escolha um que você goste! Pode ser caminhar pelo seu bairro algumas vezes na semana, ir para a academia, fazer uma aula de dança, praticar yoga… Cuidar do corpo é uma forma de cuidar da mente também. Os exercícios também ajudam na produção dos hormônios do bem-estar e são essenciais para desestressar e tratar a ansiedade.

3.Encontrar um hobby

Você gosta de desenhar? Ou de tricotar? Ou ainda de tocar um instrumento? Busque alguma coisa que você gosta de fazer e que ocupe o seu tempo. Procurar por atividades manuais, que usem as mãos de alguma forma, é também muito terapêutico.

4.Ajudar outra pessoa

Quando estamos aprendendo a conviver com a depressão, ficamos muito tempo focadas na nossa própria cabeça e no que estamos pensando e sentindo. Olhar para fora, e se fazer útil ajudando alguém é uma maneira de sair desse ciclo e entender a importância do cuidado nesse processo de cura. Você pode fazer um voluntariado ou se oferecer para ajudar um amigo com alguma coisa que ele precise (como mudar de apartamento ou estudar para aquela prova difícil).

5.Comer bem

Alimentação não é bom só para a pele ficar bonita, mas tem um papel essencial no funcionamento do seu corpo como um todo. Tentar comer direitinho, coisas que você gosta e que fazem bem para o seu corpo, ajudam com a disposição, o sono e a concentração. Vale consultar um nutricionista para saber o melhor caminho para você.

6.Não ver o psiquiatra como inimigo

Essa é difícil, a gente sabe. Muitas pessoas que convivem com a depressão (eu inclusa) tem resistência em ir a um psiquiatra e tomar medicamentos para se tratar. Mas o psiquiatra é seu amigo, ele quer ajudar você a ficar bem; e o medicamento é uma ferramenta que vai ajudar nesse processo. Não tenha medo de conversar com profissionais sobre o que você sente e pensa.

7.Fale (alguém vai ouvir)

Por mais que exista todo um estigma sobre as pessoas não falarem de depressão, não guarde para você o que você sente. Converse com as pessoas próximas, desabafe, busque um ponto de apoio. Com certeza, alguém vai te ouvir e estender uma mão quando você precisar. Não acredite que ninguém se importa com você e ninguém quer saber dos seus problemas, isso é mentira.

8.Veja filmes ~good vibes~

Procure por filmes e livros que vão te inspirar e te passar sensações de bem-estar. Existem alguns incríveis para os momentos que você se sentir sem rumo, e outros tantos que vão deixar o seu coração quentinho. Mas o mais importante é você usar das coisas que gosta, como o cinema, a literatura e a música, para se sentir bem, e isso só acontece você consome conteúdos que te dão essa sensação.

9.Trabalhar os pensamentos positivos

Parece clichê, mas quem já passou por uma depressão sabe o quanto os pensamentos negativos dominam a mente. Uma dica para lidar com a doença no dia a dia é trocar os pensamentos ruins por pensamentos bons. No começo, esse é um verdadeiro exercício, mas pode se tornar um  hábito de autoaceitação incrível.

10.Criar uma rotina

A pessoa depressiva não tem vontade de fazer nada. Uma coisa que  me ajudou muito a lidar com essa questão foi estabelecer horários para fazer algumas tarefas, como sempre marcar um almoço no mesmo dia da semana, ter uma reunião no trabalho sempre na mesma hora, levantar da cama todos os dias no mesmo horário (e ir dormir também). Por mais que, às vezes, fosse difícil levantar da cama na hora ou me dispor a sair de casa para o tal almoço, essa rotina me ajudou a manter um pouco de controle na minha vida;

11.Aprender a perdoar e ser perdoado

Terão dias que você não vai sair da cama. Terão outros que você vai explodir com alguém que ama porque não se sente bem. E terão outros ainda que as pessoas a sua volta não estarão no clima de ouvir o que você tem a dizer. Perdoar (a si mesmo e aos outros) é um exercício importante para quem convive com a depressão (e quem não convive também). Nem tudo serão flores, mas está tudo bem.

12.Tenha um diário

Use o papel e a caneta para tirar da cabeça algumas coisas que estão te afligindo. Ou ainda para anotar todos os dias algumas coisas pelas quais você é grata, que você conseguiu fazer. Ter um diário é muito terapêutico e ajuda a colocar coisas que você pensa e sente em perspectiva (tudo parece menor quando está no papel).

13.Organize a sua bagunça

Tente criar o hábito de arrumar a sua escrivaninha e o seu armário de tempos em tempos. Coloque os seus livros em prateleiras, arrume as suas roupas por cores… Organize o que você puder para deixar o seu ambiente mais agradável para você (a bagunça causa ansiedade, sabia?).

14.Busque boas influencias

Use as redes sociais para seguir pessoas que são inspiradoras para você. Corte as relações tóxicas e se cerque com as pessoas que te incentivam e motivam.

15.Fique um pouco longe das redes sociais

Falando em redes, dê um tempo do Facebook e do Instagram de vez em quando. Já é comprovado que eles geram ansiedade e colaboram para uma vibe de comparação com as outras pessoas. Desconecte-se um pouquinho, vai fazer bem!

16.Crie pequenas metas

Escovar os dentes. Fazer a cama. Tomar café da manhã. Responder a mensagem daquela sua amiga. Crie pequenas metas que você pode cumprir durante o dia para motivar você. Vale anotar o que você conseguiu fazer no seu diário, para registrar as suas pequenas vitórias.

17.Treine o não se cobrar tanto

Nenhuma das dicas que a gente colocou aqui devem ser vistas como uma obrigação. Se isso acontecer, elas viram um esforço e não uma ajuda. Por isso, não se cobre tanto. Um passo de cada vez. Tudo o que falamos aqui são formas de você reaprender a olhar para os seus dias com mais carinho e fazer uma caminhada mais tranquila em direção a um ponto de equilíbrio. Tente não se cobrar e olhar para cada coisa como uma ferramenta no processo de cura.

 

Conviver com a depressão pode ser complicado. O exercício é olhar para cada situação como algo completamente novo e inesperado e celebrar as pequenas vitórias que você conquista todos os dias. Lembre-se sempre de buscar ajuda profissional para esse processo (não precisa ter medo, ok?) e de que você não está sozinha nessa.

Imagem: Reprodução / Melancolia


Dê as suas dicas para conviver com a depressão respondendo a pergunta abaixo!


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual conteúdo você gostaria de ver no Superela?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)