Receba nossos e-mails incríveis
NOVO App Clube Superela!! ♥
Pergunte e converse anonimamente
Amor Sexo Autoestima Corpo Vida Carreira & Finanças Beleza Estilo Vídeos
Escreva seu texto
Receba nossos e-mails incríveis

Leia temas do seu interesse:

Como evitar um mal entendido

Adriana de Araújo

Colunista Superela

Mais textos

Quantas vezes você já viveu uma situação em que você diz algo e a pessoa entende outra coisa – e isso lhe acusa de “pé junto” que você queria dizer o que não disse e nem tinha intenção disso. Aí você gasta seu tempo e do da pessoa também e, às vezes, são horas a fio precisando se explicar até esgotar a paciência, tempo e energia.

Esse tipo de situação gera um grande mal estar. Isso tudo produz estresse a todos. Mas como, então, seria possível melhorar a qualidade de expressão e ajudar o outro a “ouvir”, “escutar” e compreender melhor as informações e as intenções através da comunicação feita?

O primeiro passo é olhar para si, humildemente. E fazer uma bela leitura do que se fez:

  • modo como foi dito algo;
  • tom de voz usado;
  • conteúdo que foi falado;
  • momento em que disse.

Como evitar um mal entendido 1

O cuidado com a fala não é apenas feito para evitar problemas de comunicação, mas principalmente para melhorar resultados pessoais e ajudar a você e a quem te escuta. A excelência nas palavras vai além de ser:

  • sincero;
  • honesto.

Essas duas qualidades descritas acima são interessantes, mas não são únicas como pontos a se pensar ao dizer o que vem na cabeça. Falar com excelência vai além de olhar para si, é preciso mesmo se por no lugar do outro e compreender o impacto que poderia ter ao escutar sua fala. Dizer qualquer coisa por desabafo é possível quando o outro que ouve tem capacidade de escuta, caso contrário, sua ação será sem sucesso.

Quando você quer dizer algo a alguém, você deverá ponderar se:

  • é do interesse seu;
  • é do interesse da outra pessoa (deveria ser não é igual a ser);
  • o que tem para dizer é útil;
  • vai ajudar a você e o outro, não só no seu ponto de vista, mas da outra pessoa também.

Como evitar um mal entendido 2

Muitas vezes, ao dizer o que vem na cabeça, as pessoas confundem que ser “sincerão” é sinônimo de independência, autoestima, “gente bem resolvida”. Porém, é justamente ao contrário, pois quem fala sem filtro não pondera o impacto negativo de suas ações, se tornando inconsequente, imaturo e inadequado.

Mas olhando agora para quem repetidamente tem dificuldade de compreender o que escuta, distorce os fatos, inventa interpretações fora do contexto de quem disse algo. Pessoas assim, geralmente, tem uma auto defesa fora da linha de equilíbrio, muito mais do que se proteger, agem de forma agressiva, se posicionando no ataque até mesmo antes de serem atingidas. Agir desse modo configura problemas emocionais, tais como:

  • ansiedade – não ouve, não dá o tempo necessário para compreender e já conclui e de forma gravemente equivocada;
  • “dono da verdade” – rotula, acredita que tem razão, sem nem se abrir para compreender o ponto de vista alheio;
  • mania de perseguição – a pessoa se sente ameaça e perseguida mesmo quando a realidade não é essa.

É preciso atenção a quem fala e quem escuta. Nosso passado e aprendizado através das experiências vividas podem contribuir para que haja distorção do momento presente e a fala do outro passa a receber um filtro de outras histórias pessoais vividas. Ou seja, ao invés de ouvir o que está sendo dito no aqui e agora, a pessoa interpreta de maneira contaminada com seu passado ruim. Quem sofreu com algo, muitas vezes, repete mentalmente essa vivência, sem ouvir com clareza o que lhe é dito e mistura a realidade presente com passado negativo (e as vezes, até traumático).

Como evitar um mal entendido 3

Outras sugestões:

  • Psicoterapia para compreensão da capacidade de escuta e estado de presença sem contaminação com passado.
  • Observar melhor, respirar e contar até dez, ter calma e ponderar antes de julgar;
  • Ser capaz de pedir desculpas quando e se necessário.

Sucesso na expressão das ideias e na compreensão do que ouve! E até breve!

Adriana de Araújo

http://www.adrianadearaujo.com.br

 

Adriana de Araújo

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

Leia temas do seu interesse:

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Um email por semana só com o melhor conteúdo do Superela
Você vai adorar ❤
Obrigada!

Recebemos seu pedido de cadastro e enviamos a você um email com o link para você confirmar o recebimento dos nossos emails.

Por favor, acesse seu email e click no link de confirmação.


Click aqui para voltar ao site.
Não perca mais nenhuma novidade!
PGlmcmFtZSBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LmZhY2Vib29rLmNvbS9wbHVnaW5zL3BhZ2UucGhwP2hyZWY9aHR0cHMlM0ElMkYlMkZ3d3cuZmFjZWJvb2suY29tJTJGU3VwZXJlbGFPZmljaWFsJTJGJnRhYnMmd2lkdGg9NTIwJmhlaWdodD0yMjAmc21hbGxfaGVhZGVyPWZhbHNlJmFkYXB0X2NvbnRhaW5lcl93aWR0aD10cnVlJmhpZGVfY292ZXI9ZmFsc2Umc2hvd19mYWNlcGlsZT10cnVlJmFwcElkPTE3MTExNDI3NjM4MDkzNiIgd2lkdGg9IjUyMCIgaGVpZ2h0PSIyMjAiIHN0eWxlPSJib3JkZXI6bm9uZTtvdmVyZmxvdzpoaWRkZW4iIHNjcm9sbGluZz0ibm8iIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd1RyYW5zcGFyZW5jeT0idHJ1ZSI+PC9pZnJhbWU+
Curta o Superela no Facebook ❤
teste
teste
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Obrigada!

Seu nome e email foram enviados com sucesso.

Desejamos boa sorte!


Click aqui para voltar ao site.