O que você procura?

Tinder, Facebook, Instagram, WhatsApp… queria aprender a utilidade disso tudo quando se é uma pessoa solteira. Na verdade, a questão não é saber mexer nesses aplicativos. Eu sei fazer isso. Mas hoje eu quero falar sobre a dificuldade que descobri que tenho em me relacionar quando tudo está tão tecnológico e superficial. Sim meninas, superficial. Extremamente superficial.

Se você é uma pessoa solteira somente à procura de sexo casual para o resto da vida, esse texto não é para você. Mas se você é do time das pessoas que, como eu, adoram fazer amigos e adoram se relacionar pessoalmente, e adoram o processo de, de fato conhecer alguém, então chega mais.

Não sei mais como me relacionar no meio de tanto desinteresse

Eu não sei me relacionar nos moldes de hoje. Eu não sei. Não sei tolerar desinteresse. Você conversa com a pessoa. A pessoa faz charminho e demora a responder. Então vem aquela questão: ou você manda outra mensagem em outro momento e corre o risco de ser taxada de chata ou desesperada, ou sei lá mais o que só pelo fato de se mostrar interessada. Ou então você desencana, e deixa a criatura te chamar quando quiser. Mas aí se corre o risco de ser taxada de fria! Como assim???

relacionar

Eu não sei jogar esse jogo de quem pode mais. Quem corre mais atrás. Quem demonstra menos interesse. Esse jogo ridículo de egos inflados e de pessoas vazias que parecem viver para provar algo para alguém o tempo todo.

Eu não preciso provar para ninguém o quanto eu sou legal

O quanto eu sou interessante. Porque eu sou alguém que gosta de conversar, sou super bem-humorada, não pego no pé de ninguém, não gosto de ser inconveniente, não faço o tipo ciumenta psicopata e não tento prender ninguém. Tenho minha própria vida e sou do tipo incentivadora. Mas eu não preciso emitir um atestado de “pessoa legal” para o mundo saber das minhas qualidades. Não. Quem quiser conhecer minhas qualidades que trate de se aproximar de mim.

Eu noto muito essa questão de desinteresse por parte das pessoas. E eu acho totalmente desnecessário. Porque ninguém é obrigado a se aproximar das outras pessoas. Mas no momento que o faz, acho interessante fazer o seu melhor. E se o interesse acabar, que tenhamos a capacidade de simplesmente sermos claros em relação a isso. Acho muito mais digno. Se eu estou interessada em me relacionar e conhecer uma pessoa, e essa pessoa faz esse joguinho cansativo de desinteresse comigo, eu automaticamente perco o interesse.

Não sei lidar com quem brinca com o meu tempo

Na verdade, não tenho paciência. Acho curioso e deprimente o que as facilidades virtuais fizeram com a maneira das pessoas se relacionarem e, principalmente, o que aconteceu com o ego do povo. As pessoas estão solitárias porque foram perdendo a capacidade de se relacionar pessoalmente uns com os outros. Gastam boa parte do tempo acompanhando a vida alheia e postando sobre “como a minha vida tem que parecer mais interessante que a do fulano”. E viver que é bom? Nada!

Essa coisa de troca de olhares, paquera, conquista, esse hábito de saber conversar para se mostrar alguém interessante, tudo isso está indo para a lata do lixo. Se eu pudesse contabilizar quantos “oi gata, tem whats?”  eu já recebi de homens que nunca me viram na vida… chega a ser cômico. Não moço, não quero te dar meu whats. Não moço, não estou procurando por sexo. Moço se você não tem a capacidade de iniciar um processo de conhecer alguém, fique longe de mim.

relacionar

Tradução: Fique longe de mim!

E meninas, não esquecendo, não estou procurando um marido. Acho que a maioria de vocês também não estão. Eu me refiro aqui ao processo de conhecer alguém. Ao encontro no café, ao cinema, às conversas sobre vários assuntos. E esse conhecer alguém também abrange o fazer amigos. Porque tenho achado mais complicado fazer amizades também.

Foi pensando nessas relações plásticas de hoje em dia que afirmo: eu não sei me relacionar nos moldes de hoje. E esse é exatamente o tipo de coisa que não quero nem aprender. Um salve às pessoas que ainda sabem se relacionar!

relacionar

Imagem: Pexels


E o que vocês responderiam a essa pergunta aqui abaixo, feita por um de nossos usuários do Clube Superela?


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual tema você gostaria de ver aqui?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)