O que você procura?

A tarefa não é simples, é verdade. Ainda assim, é possível sim superar uma traição e viver o “felizes para sempre”.

Antes de começar o artigo, quero deixar claro algumas coisas que serão abordadas aqui.

  1. A infidelidade é somente um tipo de traição entre tantos tipos de traição. E é sobre ela que iremos abordar o tema em questão.
  2. Nem sempre a traição é do outro. Algumas vezes, nós cometemos a traição e queremos reatar com a pessoa com quem estávamos. Nem sempre somos vítimas, algumas vezes, somos quem traiu.
  3. Nem toda superação tem a ver com ficar junto, pode ser que você queira ficar com outra pessoa e ainda assim, tenha dificuldade em superar a traição de alguém que já não está mais com você e, portanto, não consegue se relacionar, como gostaria, com outros homens.
  4. O ponto que iremos destacar aqui é um deslize, um acontecimento único. Não iremos abordar casos em que as traições são comuns, da sua parte ou da parte dele, nem casos onde exista um segundo relacionamento envolvido, por exemplo.

Colocado esses 4 pontos, vamos dividir o artigo em 4 partes:

1. Está muito difícil deixar ir.

  • Declare perdão
  • Esquecendo quem me fez mal
  • Esquecendo quem eu fiz mal

2. Ainda gosto e quero ficar com ele. Estou errada?

  • Aceite o perdão dele
  • Arrependa-se de verdade
  • Recomece do Zero
  • Quanto vale o seu relacionamento?
  • “Mas eu me mordo de ciúmes…”

3. Fiz uma grande besteira, fiquei com outro cara. O que faço?

  • Arrependa-se de verdade
  • Admitindo o erro
  • Qual o motivo da traição?

4. Ele errou ficando com outra. E agora?

  • Aceite o perdão dele
  • Voltando a confiar nele
  • Os 4 Pilares da confiança
  • Antes de tudo, ame-se

“Márcio, por que tantas situações?”

Por conta da perguntinha chave, que eu sempre faço para as chiquitas de mi corazón

“O que você quer nesse relacionamento?”

Agora, que possíveis situações estão declaradas, bora lá!

Você sabia que existe um grupo onde falamos sobre como deixar de ser uma mulher insegura, como acabar om a indecisão tomando decisões sem se arrepender, como lidar com ciúmes, traições, o que fazer para conquistar o seu homem ideal e muito mais, no Facebook? Ficou com vontade de participar do grupo Bora Conversar? Clique aqui para entrar agora mesmo no grupo Bora Conversar. É inteiramente grátis e você ainda ganha o e-book “5 passos para ser uma mulher segura”. Ah, isso sem falar que todas as semanas fazemos lives! Bora Conversar!

Como superar uma traição

1. Está muito difícil deixar ir

“Nosso relacionamento está muito abalado, eu estou muito abalada, eu… eu… eu… realmente não sei o que fazer, Márcio. Quero terminar, mas, ao mesmo tempo, está muito difícil deixar ir, está muito difícil soltar todo o nosso passado, toda nossa história…”

Declare perdão

Um dos pontos mais importantes, sempre que existe algum tipo de traição no relacionamento, o perdão deve ser declarado com todo o coração. Você reparou que eu disse “declarado”? Muito comum entre as pessoas que o perdão seja pedido. Achamos que devemos pedir perdão e esperar que a outra pessoa nos perdoe. Quando isso acontece, estamos à mercê do que a outra pessoa pensa, da atitude da outra pessoa. Criamos uma situação para o outro ser o protagonista. Somos refém de nós mesmos.

Quando você declara perdão, você está mostrando interesse em reatar o relacionamento ou, pelo menos, em manter um bom relacionamento entre vocês, no caso de você querer separar. Declarar perdão tem a ver com sua maturidade, tem a ver com sua coerência entre querer ser feliz e ser feliz de fato. Algumas pessoas, acham que ao declarar perdão, sem que o outro peça, é sinal de inferioridade. Quando você declara perdão, você mostra sua maturidade emocional e que é uma pessoa empática, capaz de entender o que, de fato, aconteceu.

Esquecendo quem me fez mal

Se ele traiu você e você não quer voltar, tenha isso me mente. Diferentemente, algumas mulheres preferem somente pensar que precisam esquecer alguém que elas gostaram tanto. Esse é o problema. Quando você dá muita ênfase para querer esquecer alguém que você gostou muito, você está pensando em alguém que gostou muito. Esse é o foco do seu foco. Quando você começar a pensar que ele é alguém que machucou você, começará a ver que existem outras pessoas nesse mundão de Deus.

Pode ser ruim ficar pensando em como ele foi cafajeste com você, é verdade. Entendo que você realmente gostava dele e ele machucou muito você. Agora, que você continue se machucando por alguém que não se importa com você, é pior ainda. Então, tenha sempre em mente o quão ruim ele foi com você. Dessa forma, você se livra desse peso, dessa dor, daquilo que te machuca. Você vai ver que para esquecê-lo será muito mais fácil do que você imagina.

Esquecendo quem eu fiz mal

Ah, foi você quem o traiu e sente falta porquê não encontra outros caras que valem a pena? Talvez, então, você esteja caindo no looping do esquecimento.

“Márcio, o que é o looping do esquecimento?”

O looping do esquecimento é quando você se propõe a esquecer alguém. Então, com toda a força que tem, você se compromete a esquecer essa pessoa. E como você faz isso? Lembrando todos os dias que você tem que esquecer essa pessoa. Ou seja, para esquecer essa pessoa você se lembra dela! É isso mesmo! Para esquecer essa pessoa, você se lembra dela todos os dias.

Resultado: você não esquece e nem poderia esquecer, não é? Enquanto ele for o seu foco, a sua atenção, o seu norte, todo dia você irá se lembrar dele. Então, a melhor maneira de você esquecer alguém é, simplesmente, deixar ir. Quando qualquer associação que faça você se lembrar da pessoa aparecer, mude o foco, pense em alguma coisa que não tenha nada a ver. Como eu sempre digo, “Tudo aquilo que você dá muita importância, cresce”.

Claro, não existe nada fácil e que possa ser esquecido em questão de segundos. Com um pouco de prática, o foco se perde e se voltará para outra coisa em sua vida.

Agora, se está difícil esquecer, será que você ainda gosta dele?

2. Ainda gosto e quero ficar com ele. Estou errada?

A primeira coisa é entender que não existe nada totalmente errado ou totalmente certo. Se você quer superar uma traição e reatar o seu relacionamento, está tudo bem. Bora entender o que pode ser feito.

Aceite o perdão dele

Se foi ele quem traiu você, talvez, ele peça perdão, talvez declare. O mais importante é você aceitar e por uma pedra nisso tudo. Como já falei sobre o perdão, bora continuar.

Agora, se você foi quem traiu, então…

Arrependa-se de verdade

Você acabou de ficar com outra pessoa, feriu o coração da pessoa que se importa com você por conta de uma aventura, por conta de um pouco mais de atenção ou por conta de uma noite de sexo diferente. O primeiro passo parece meio óbvio, porém se não se arrepender, chiquita, de nada adianta seguir os outros passos.

“Márcio, então se eu me arrepender, já terei dado um passo muito importante para reatar meu relacionamento?”

Terá dado um passo importante, sim! Só se arrepender não muda nada para ele.

Recomece do zero

O antigo relacionamento de vocês ficou para trás. Aconteceu algo feio e que manchou a história de vocês. Já que não é possível mudar o que aconteceu (ainda que seja possível mudar o seu significado), vocês podem recomeçar do zero, com algum aprendizado.

Imagine que vocês estão começando um novo relacionamento e se deem a oportunidade de viver tudo do zero. Vocês irão se conhecer novamente. Vivam o relacionamento do zero. Isso implica se apaixonar novamente, ou seja, todo aquele jogo da conquista, todo aquele carinho, toda aquela atenção.

Pode existir a chance de esse novo relacionamento não chegar à um namoro, casamento? Claro! É um novo relacionamento, com aprendizado do anterior. A questão é não deixar que o antigo relacionamento afete vocês. Usem do aprendizado como se houvesse sido com outra pessoa. Veja mais abaixo os 4 pilares da confiança para construir a confiança entre vocês.

Quanto vale o seu relacionamento?

Bora falar sobre autoestima?

Houve uma decisão e foi a superar uma traição e reatar o relacionamento. Portanto, nesse novo relacionamento de vocês, você, agora, é uma mulher que se valoriza e não aceita qualquer coisa. É, se ele realmente quiser ficar com você depois do que aprontou, ele vai precisar saber que, agora, o jogo é outro. Você passou de fase, se valoriza mais. Ou ele entra na dança, ou vai dançar bonito.

Se foi você quem traiu, é importante valorizar o seu relacionamento e dar valor para o cara que você tem ao lado. Afinal de contas, se você quer reatar é porque percebeu que ele é o cara que você tanto ama. Teve uma segunda oportunidade? Agradeça e mostre, de verdade, que você dá valor para tudo o que acontece no relacionamento de vocês.

“Mas eu me mordo de ciúmes…”

“Márcio, eu tento, mas eu tenho muito ciúmes dele. Ele é bonitão e a mulherada cai em cima dele!”, “Márcio, eu tento, mas ele morre de ciúmes de mim. Eu sou bonitona e os homens fazem fila!”.

Não importa de qual lado da moeda você está! Ficar remoendo uma situação não vai ajudar no relacionamento de vocês. Portanto, quanto mais você se morde de ciúme, mais ele vai persistir em seu relacionamento e mais contra, aquilo que você quer, você anda. Portanto, segura a onda no ciúme. Segurança aqui é chave!

Se a insegurança vive rondando sua vida e você não sabe o como solucionar esse problema, saiba que no grupo Bora Conversar eu ajudo você a chutar a insegurança para bem longe e acabar com a indecisão sem arrependimentos. É só clicar aqui, se cadastrar e receber inteiramente grátis o E-book “5 Passos para Ser uma Mulher Segura”. Bora Conversar!

3. Fiz uma grande besteira, fiquei com outro cara. O que eu faço?

Você se deixou levar pela emoção, não se controlou quando devia, caiu na lábia de algum homem desleal e destruiu o coração da pessoa que você realmente ama. Para piorar, ele, seu namorado, não quer ficar com você. Não são todas as pessoas que aceitam traição, chiquita. Ainda assim, existe solução. Bora lá!

Arrependa-se de verdade

Já falei sobre o arrependimento. Quanto mais sincera você for e mais verdadeiro for o seu arrependimento, melhor será para vocês dois. Arrependimento sem sinceridade não rola! Bota o coração de verdade! Confio em você!

Admitindo o erro

Para se arrepender é preciso admitir o erro. Você errou, seja no modo dele de ver a situação ou no seu. Aliás, o primeiro passo para se arrepender de fato é admitir o erro. Portanto, para que o passo anterior seja feito, é preciso admitir. Admitir significa que você entendeu o que aconteceu e que não vai mais cometer o mesmo erro.

Admitir o erro e insistir nele não muda nada. Quando você admite seu erro, tem que ser de verdade, da boca para dentro, em seu coração. Corte qualquer tipo de contato que você tenha com outros homens. Talvez, seja um processo difícil para você, porém, sem fazer isso não existe arrependimento.

Qual o motivo da traição?

Explicações, muitas vezes, são desculpas para o que foi feito, para o que aconteceu. Outras vezes, existe alguma coisa que precisa ser acertada entre vocês, no relacionamento de vocês. Talvez, esse seja o motivo da traição. Saiba que colocar a culpa nele, pelo fato de você ter traído, não ajuda em absolutamente nada. Pelo contrário, você criará mais distância entre vocês.

Assim, como você admitiu o erro, é importante que ele saiba o que foi que aconteceu para você fazer o que fez. É normal ele ficar inseguro, em relação a você, se ele decidir voltar. Ele precisa recuperar essa confiança da sua parte, novamente. Quando você mostra para ele que você fez o que fez por responsabilidade sua, e não colocando a culpa nele, ele se vê mais aberto para ajudar você e ajudar o relacionamento de vocês.

Agora, se foi ele que pisou na bola, então…

4. Ele errou ficando com outra. E agora?

O príncipe virou sapo. A história andou para trás. Você ficou sem chão e não sabe o que fazer. Está perdida entre amor e dor. Bora ver que, ainda que ele tenha feito o que fez, muita coisa pode mudar a seu favor.

Declare perdão

“Márcio, é a terceira vez no mesmo artigo. Já entendi!”

Ok. Agora que você perdoou, é momento de voltar a ter confiança.

“Márcio, como posso confiar em alguém que me traiu?”

Voltando a confiar nele

Para você confiar novamente em alguém que traiu sua confiança temos que ver a confiança como um julgamento, como uma decisão e não como um sentimento.

“Márcio, então eu devo decidir confiar nele novamente?”

Sim. E se foi você quem o traiu, ele deve fazer o mesmo!

Bora lá.

Os 4 pilares para construir confiança

Quando vemos a confiança como uma decisão, temos que ter alguns pontos em mente.

Imagine que a confiança é uma mesa de 3 pés. Então, temos diante de nossos olhos um objeto, a mesa, com 3 pés, ou seja, 4 partes importantes. São elas:

  • Envolvimento
  • Confiabilidade (passado)
  • Sinceridade (presente)
  • Competência (futuro)

Bora falar de cada uma delas:

Confiabilidade

O primeiro pilar para construir a confiança é a confiabilidade, a capacidade de cumprir promessas. Você é capaz de confiar novamente em alguém que falhou com você no passado? Muito cuidado porque temos o costume de não confiar em uma pessoa porque ela não cumpriu em somente uma das vezes.

Ou seja, generalizamos e dizemos que essa pessoa não é confiável porque uma só vez não foi capaz de cumprir sua promessa. Ok, entendo que isso é a primícia da confiança, porém, se você não for capaz de confiar novamente nessa pessoa, de nada adianta persistir nesse relacionamento.

Sinceridade

Ser sincera é mostrar coerência entre aquilo que você pensa e aquilo que você diz. De nada adianta você pensar uma coisa e fazer outra, somente para que as pessoas pensem uma coisa de você. Quando você vai contra seus princípios, seus valores, você novamente se faz refém de você mesma.

  • Você pode ser sincera com alguém que você não considera sincero?
  • O que você vê nele e que não considera sincero?
  • Para que quer confiar em alguém que você não considera sincero? (atenção, é “para que” e não “por que”)

Competência

O terceiro pilar para a confiança é a competência, ou seja, a capacidade de que você e a outra pessoa tem de confiar novamente um no outro. Se você acha que não pode confiar nele novamente, já está desconfiando e, portanto, não criando confiança. Quando você acredita na capacidade de confiar novamente, está dominando a situação, criando uma nova possibilidade para o seu relacionamento. Talvez, hoje você não possa confiar nele. Ao acreditar que é possível confiar novamente, você começa a enxergar coisas boas em seu relacionamento e se dá a chance de ser feliz novamente com essa pessoa.

Envolvimento

A parte superior da mesa, que fica acima dos 3 pés, é o envolvimento. Aqui, é importante ter em mente que, tudo o que foi feito anteriormente foi por livre e espontânea vontade sua. Querer confiar no outro ou querer que ele confie em você por imposição não é confiança.

É necessário que você queira ter um bom relacionamento novamente, seja estando com ele ou longe dele, para que possa voltar a confiar novamente. É a sua liberdade de escolha para se comprometer com o seu “novo” relacionamento. E como todo comprometimento, ou você se compromete de verdade ou não é um compromisso e o relacionamento, certamente, cairá no mesmo erro.

Chiquita de mi corazón, não basta somente você pedir o compromisso dele. O comprometimento também tem que partir de você, seja você a traída ou a traidora.

Lembre-se: sem confiança, nenhum relacionamento existe de fato.

Antes de tudo, ame-se!

Às vezes, ele é um canalha, cafajeste e só quer brincar com você. Sim, existem muitos homens assim. Eu sei que você sabe. Só é melhor quando alguém fala isso para você, não é mesmo?

Um pouco de amor próprio é essencial para viver o seu relacionamento, queira você continuar ou não. Fique de olho no comportamento dele. Se nada mudar, ele não está de fato arrependido e não quer um novo relacionamento com você. O homem, quando se arrepende e percebe que perdeu o mulherão que você é, muda seu comportamento para ficar com você. Fica esperta. Se ele não andar na linha novamente, ame-se, em primeiro lugar e mande ele para bem longe de você. Se você não viu, veja o vídeo postado nesse artigo sobre autoestima!

 

Se você está em uma situação parecida e quer saber mais sobre o que você pode fazer para ficar com ele ou realmente deixar para trás e seguir vivendo sua vida numa boa, você pode entrar em contato comigo e agendar sua Sessão Sentimental, o primeiro módulo do Programa Bora Ser Feliz, que, para as chiquitas leitoras do Superela, é um presente meu para você! 😉

Como? Clique aqui e entre em contato comigo!

Agora, você tem duas opções, ou continuar a viver sofrendo atrás dos caras que não dão valor algum para você, ou se livrar dessa dor tomando as rédeas da sua vida com a ajuda de alguém que sabe como conduzir você nesse caminho.

Então, Chiquita, bora, bora…

Bora Ser Feliz!

Imagem: Tumblr


Agora que você sabe como superar uma traição, que tal responder essa pergunta no Clube?


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual conteúdo você gostaria de ver no Superela?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)