Receba nossos e-mails incríveis
Amor Sexo Autoestima Corpo Vida Carreira & Finanças Beleza Estilo Vídeos
Escreva seu texto

Leia temas do seu interesse:

/

6 coisas que só quem perdeu o costume de se alimentar bem entende

Luisa Rodrigues

Colunista Superela

Mais textos

A gente perde a linha quando o assunto é comida? Perde sim. E tem hora que não dá para controlar certos impulsos e manias. Chega uma hora que as coisas começam a acontecer, e a gente simplesmente segue o fluxo. Mas ó, seu projeto de ‘2017 saudável’ ainda tem salvação. Vou te mostrar, hoje, algumas situações que só quem precisa se alimentar melhor consegue identificar. Pode ser que você se assuste ao perceber que precisa entrar na linha, mas nada que uma boa pipoca (por enquanto) não resolva. Pega ela e vem comigo:

Você definitivamente precisa se alimentar melhor quando percebe que:

1 – Tem vontade de chorar toda vez que tem que subir uma escada

se alimentar melhor 6

Os degraus não são seus amigos, e o segundo andar não é ‘logo alí’. Na medida em que você vai subindo, a sensação de que nunca vai acabar piora. Então, você percebe que isso não é apenas um problema de falta de exercícios. O choro ameaça vir mais rápido quando a lembrança de toda aquela junk food que você comeu ontem vem à tona. Aquela batata frita se torna a prova de que a gravidade pode ser uma inimiga cruel. E aí você percebe que precisa se alimentar melhor. E tudo o que você quer fazer para sair dessa bad vibe é comer um chocolate.

2 – Sua bolsa virou um supermercado de snacks ambulante (e secreto)

se alimentar melhor 5

Porque tem gente que não sai de casa sem uma aspirina, ou sem o dinheiro trocadinho. Porque a maioria das bolsas costumam carregar pequenos utensílios de higiene pessoal para aqueles imprevistos. Mas a minha bolsa tem 5 tipos de barrinhas de cereal (com chocolate, porque a outra é muito sem graça), umas balinhas para qualquer hora o hálito (Tic Tac, Mentos, etc), um bombom para quando a vontade da sobremesa bater, e um pacotinho com 4 biscoitos recheados para a tarde.

Só que aí ninguém pode saber, afinal, vai que eu fico sem, né?

3 – Assistir televisão virou sinônimo de ‘lanchinho’

se alimentar melhor 5

– Bora assistir um filminho?

– Bora!

– Então vai escolhendo um aí enquanto vou alí fazer pipoca.

– Mas a gente acabou de almoçar…

– Então vou alí pegar umas balinhas….

– Senta aí e sossega?

– Ok….

*Passou metade do filme*

– Anda logo aí! A televisão vai acabar desligando assim.

– Já tô indo *senta no sofá com um balde de pipoca, refrigerante, barra de chocolate e um pacotinho de bala chita*.

– Você precisa se alimentar melhor… *julgando*

– Eu sei… *abrindo o chocolate enquanto equilibra o balde no colo*

4 – ‘Provar’ não faz mais parte do seu vocabulário

se alimentar melhor 4

Nossa, que pão cheiroso! Deixa eu dar uma provadinha? Nossa, mas é bom mesmo, né? Me dá uma faca preu tirar mais um pedacinho sem estragar ele? Meu Deus, que delícia, socorro. Cadê prato? Sabe o que que ia ficar ótimo com ele? Um cafézinho e uma manteiguinha! Pode deixar que eu pego!

5 – Alimentos intantâneos conquistam um lugar no seu coração

se alimentar melhor 3

Se o miojo da Turma da Mônica com salsicha enlatada picadinha faz parte do seu menu semanal, é sinal de que você precisa começar a se alimentar melhor. Isso também serve para lasanhas congeladas, legumes pré-cozidos no pacotinho e arroz de saco.

6 – A dona do delivery mais junk-food da lista já virou sua parça

se alimentar melhor 2

Ela te reconhece pela sua voz, já sabe seu endereço, já adiciona todos os molhos que você gosta, e tira todos os acompanhamentos que você detesta. Se você fica duas semanas sem ligar para pedir algo, ela diz que você tá um sumida. É, gata. Tá na hora de se alimentar melhor.

É a vida, né….

se alimentar melhor 1

Infelizmente, as coisas mais gostosas costumam ser as menos saudáveis. A gente sabe que padrões estéticos são uó, mas eles não devem ser os únicos a nos motivarem a comer bem. Mais importante que uma barriguinha saliente, é a sua saúde.

No nosso dia-a-dia, ainda mais para quem fica o dia todo fora de casa, se alimentar bem vira um desafio. As comidas que são vendidas nas ruas raramente são saudáveis e, quando são, costumam ser bem mais caras. E aí a gente entra num círculo vicioso onde o alimento industrializado vira a regra, e não a exceção.

Brincadeiras a parte, bora comer mais direitinho?

 

Imagem: Pinterest

Luisa Rodrigues

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

/

Leia temas do seu interesse:

/

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Um email por semana só com o melhor conteúdo do Superela
Você vai adorar ❤
Obrigada!

Recebemos seu pedido de cadastro e enviamos a você um email com o link para você confirmar o recebimento dos nossos emails.

Por favor, acesse seu email e click no link de confirmação.


Click aqui para voltar ao site.
Não perca mais nenhuma novidade!
PGlmcmFtZSBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LmZhY2Vib29rLmNvbS9wbHVnaW5zL3BhZ2UucGhwP2hyZWY9aHR0cHMlM0ElMkYlMkZ3d3cuZmFjZWJvb2suY29tJTJGU3VwZXJlbGFPZmljaWFsJTJGJnRhYnMmd2lkdGg9NTIwJmhlaWdodD0yMjAmc21hbGxfaGVhZGVyPWZhbHNlJmFkYXB0X2NvbnRhaW5lcl93aWR0aD10cnVlJmhpZGVfY292ZXI9ZmFsc2Umc2hvd19mYWNlcGlsZT10cnVlJmFwcElkPTE3MTExNDI3NjM4MDkzNiIgd2lkdGg9IjUyMCIgaGVpZ2h0PSIyMjAiIHN0eWxlPSJib3JkZXI6bm9uZTtvdmVyZmxvdzpoaWRkZW4iIHNjcm9sbGluZz0ibm8iIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd1RyYW5zcGFyZW5jeT0idHJ1ZSI+PC9pZnJhbWU+
Curta o Superela no Facebook ❤
teste
teste