O que você procura?

Provavelmente você já ouviu alguma amiga falando “sou ligada”, quando o assunto é não ter mais filhos, né? Apesar de parecer, esse termo não tem nenhuma relação com ligação de corrente elétrica ou algo do tipo. Se trata da laqueadura, uma cirurgia realizada como método contraceptivo definitivo.

Como funciona?

A cirurgia de laqueadura consiste na amarração das duas tubas uterinas, realizada através de uma incisão abdominal. Assim, quando você tiver fazendo um amorzinho, a laqueadura impedirá que os espermatozoides e os óvulos passem e haja a fecundação, ou seja: sem bebês!

“Não queria ter filhos, fiz a laqueadura mas mudei de ideia. E agora, conseguirei engravidar?”

Estudos apontam que muitas mulheres que decidiram fazer a laqueadura se arrependeram. Seja pelo fato de decidirem ter mais um filho, ou por se sentirem inseguras com a sua feminilidade – apesar da cirurgia não afetar em nada o desempenho sexual, menstruação e nem alterar o comportamento hormonal.

Por esse motivo, é extremamente importante conversar com os nossos parceiros e com um ginecologista de confiança. Se essa for a melhor escolha para o seu caso, escolha sem medo. Mas se não há uma certeza se quer ou não ter filhos futuramente, o ideal é escolher outros métodos contraceptivos menos invasivos.

A possibilidade de engravidar após a laqueadura é entre entre 0,5% e 1%. Existem alguns casos de gestações após a cirurgia. Isso acontece porque há a recanalização espontânea das trompas, ou seja, o óvulo e os espermatozoides voltam a passar pelas trompas. Geralmente, essa reversão acontece em mulheres jovens (consideradas mais férteis) ou que fizeram a laqueadura há mais tempo.

É possível reverter a laqueadura!

laqueadura

Como não somos obrigadas a ter sempre a mesma opinião, e podemos sim voltar atrás e desejar ter mais filhos, existe a possibilidade de reverter a cirurgia de laqueadura. Essa reversão é chamada de Salpingoplastia, que consiste em recanalizar as trompas.

A reversão da cirurgia é feita com sucesso em 80% dos casos. Porém, essa é uma operação mais complexa, e por isso, mais cara do que a laqueadura. Mas valerá a pena, né amiga?

Em relação aos efeitos colaterais, a maioria das mulheres não percebe nenhuma reação brusca após a laqueadura, apenas dores locais nos primeiros dias depois da cirurgia. Em alguns casos, pode até ocorrer uma irregularidade no ciclo menstrual, dores pélvicas e varizes pélvicas.

Após os primeiros 30 dias da operação, a mulher completa o seu ciclo menstrual e, assim, a fertilidade é recuperada. Entretanto, na maioria dos casos, a mulher só consegue engravidar a partir de seis meses após a operação.

Se a gravidez não acontecer após muitas tentativas, alguns médicos indicam a fertilização in vitro para que as chances de gravidez aumentem.

Não importa se a fertilização for natural ou in vitro, se realmente deseja sentir um serzinho crescendo dentro de você, não desista. Vai dar tudo certo, você conseguirá!

Imagem: visualhunt


E o que vocês responderiam a essa pergunta aqui abaixo, feita por uma de nossas usuárias do Clube Superela?


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual conteúdo você gostaria de ver no Superela?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)