O que você procura?

Ainda adolescente, refletia o quanto eu deveria viver para entender o que seria esse tal de amor próprio. Parecia coisa de gente adulta, madura e que já sofreu muito por amor. Infelizmente, no meu caso, tive de passar por alguns tantos relacionamentos para compreender o real conceito disso. Então, veio a grande surpresa: embora o que todo mundo sempre diga, descobri que o amor próprio nada tem a ver com relacionamento. Permita-me demonstrar:

Para começar, vá até um espelho no qual possa se ver por inteira. Agora fique de roupas íntimas e tire a maquiagem. Sim, isso mesmo que você leu. Responda-me: Você gosta do que vê? Acha que deveria fazer alguma plástica ou perder aqueles 2 quilinhos? Quem sabe malhar?

O que é esse tal de amor próprio?

amor próprio

Tradução: O pinguim do amor próprio – Seja gentil consigo mesma! Você é uma pessoa melhor do que pensa! Você não arrasta as pessoas para baixo, então por que fazer isso consigo mesma? Não seja tão dura consigo mesma, afinal, você ainda está crescendo! Você merece se amar!

Espero que tenha sido enfática ao dizer “não” a todas as minhas perguntas. Veja, você é linda! Seja com estrias ou celulites, do manequim 36 ao 42, não importa. Aprenda a gostar do que você enxerga no reflexo e pare de olhar aqueles Instagrams de blogueiras com pHd em Photoshop (elas não existem de verdade!).

O segundo passo é escolher uma roupa que te faça se sentir bonita e passar o seu batom favorito. Se te ocorreu o pensamento, “mas eu não vou a lugar nenhum e nem verei ninguém interessante”, advirto novamente: não importa! Hoje você vai se amar. Uma mulher não tem que ficar bem para os outros. Em primeiro lugar, ela tem que ficar bem para ela mesma. A sua autoestima é o que interessa nesse momento, não a opinião alheia desse tanto de gente que não paga as suas contas.

Por fim, escolha um local de que goste e vá passear. Vá lá fazer compras, tomar um café, pegar um cineminha, ou, quem sabe, até jantar com você mesma. E essa tua ideia de que pode parecer solitário fazer essas atividades sozinha está equivocada.

Afinal, nunca se está só quando o seu coração transborda de amor próprio

Repita esses gestos constantemente, até que se torne rotina você aceitar que é linda e ficar satisfeita com quem é. Então, estará pronta.

E foi assim que aprendi que amor próprio é escolher fazer o meu dia feliz. É me sentir bem de corpo e alma e não ter pensamentos de insegurança quando vejo aquelas mulheres das capas de revista.

Por fim, compreendi que apenas depois de aprender a me amar de verdade é que eu poderia dar a chance de amar outra pessoa. Afinal, só depois de uma dose de amor próprio somos capazes de escolher o que realmente vale a pena para a nossa vida, do hidratante corporal ao boy magia.

Imagem: Pexels


E aproveitando todo o bate-papo sobre amor próprio, o que você poderia responder a essa nossa leitora aqui embaixo? O que você faz para ter mais um pinguinho de autoestima no seu dia-a-dia?


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤