Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Em um relacionamento abusivo, o que predomina é o excesso de poder sobre o outro. Aquele “desejo” extremo de controlar o parceiro, aquela possessividade sem limites. Geralmente, esses comportamentos aparecem de maneiras sutis e, sem que você perceba, tomam conta da relação (leia mais aqui). Meu relacionamento é abusivo? Como saber?

É muito difícil definir e, até mesmo, descobrir que estamos fazendo parte dessa realidade. Além do mais, o parceiro sempre fará de tudo para que você acredite que a culpa é sempre sua. O comportamento abusivo pode variar desde o abuso emocional, verbal, até o físico e sexual. Devemos sempre nos atentar. Seu relacionamento anda te causando sofrimento, dor e mal estar?

Há alguns sinais que podem te ajudar a identificar se sua relação é ou não abusiva.

Vejamos:

1- Seu parceiro te humilha, zomba e faz piada a seu respeito quando vocês estão entre amigos, família e até em casa mesmo?

2- Minimiza suas conquistas ou não incentiva você a conquistar seus sonhos?

3- Faz com que você se sinta incapaz de tomar decisões?

4- Ele está frequentemente discordando das suas opiniões e desconsidera suas ideias, sugestões e necessidades?

5- Usa da intimidação, culpa e ameaças para obter o que quer?

6- Diz o que você deve ou não vestir?

7- Diz que você não é nada sem ele?

8- Ele tem a habilidade de fazer com que você se sinta mal a respeito de si mesma?

9- Quando você reclama, ele diz que você é ”muito sensível”?

10- Ele tenta te controlar e te trata como uma criança?

11- Ele quer controlar a maneira como você se comporta?

12- Ele olha para você com reprovação?

13- Ele adora apontar suas falhas e defeitos, faz com que se sinta sempre errada?

14- Ele costuma fazer acusações mentirosas a seu respeito?

15- Ele age com intolerância e desrespeito. É do tipo que não consegue se desculpar pelos próprios erros e coloca sempre a culpa nos outros (leia mais aqui)?

16- Ele acaba fazendo o que quer, independente da sua opinião e de seu consentimento?

17- Na maior parte do tempo, ele age com distanciamento emocional e parece ser incapaz de demonstrar sensibilidade?

18- Ele não demonstra empatia e compaixão?

19- Ele divide as suas informações pessoais com outras pessoas?

20- Ele nega que age de maneira abusiva quando é confrontado?

Você se identificou? As respostas foram positivas? Então, reavalie seu relacionamento.

E olha, vou te dizer, a culpa não é sua! Mas o que precisa saber, é que não é só uma fase, não vai passar. Amar também é ceder, mas ceder não significa aceitar tudo. E você? Ahh, você não está sozinha, lutaremos juntas!

Imagem: Pinterest

@ load more