O que você procura?

Os homens não precisam se preocupar. Eles podem andar na rua sem nem pensar duas vezes sobre o caminho que estão fazendo ou a roupa que estão usando. Para eles, é fácil. Para nós, mulheres, é diferente. A gente calcula, mesmo que inconscientemente, cada passo que dá, cada rua que pega, cada look que monta pela manhã. Não à toa, muitas de nós pensam em como evitar as cantadas de rua.

Existe toda uma controvérsia sobre as cantadas de rua, principalmente por parte dos próprios homens: muitos acreditam que elas são uma forma de elogiar as mulheres. Pelo contrário, é um tipo de violência que nós sofremos todos os dias. Essas abordagens não nos fazem sentir mais bonitas, inteligentes ou incríveis, mas vulneráveis e ameaçadas. Para nós, cada cantada é um sinal de alerta: a qualquer momento, essas cantadas podem virar um assédio ou, pior, um estupro.

Diante disso, a gente cria algumas estratégias para fugir das cantadas de rua quando pode. Não é que isso funciona toda vez – na verdade, as chances de não funcionarem são sempre maiores -, mas são maneiras de tentarmos manter uma rotina tranquila e uma certa estabilidade emocional que a gente não teria se não tomasse essas precauções.

 

1.Só sair de casa usando um fone de ouvido com música alta tocando

2.Fingir que tira meleca do nariz ou faz alguma outra coisa nojenta

3.Andar mais rápido – principalmente quanto tiverem grupos de homens no caminho

4.Fechar a cara

5.Fingir falar no telefone (às vezes, o ‘alguém’ é um namorado ou marido imaginário)

6.Só sentar perto de outras mulheres no transporte público

7.Fazer a ‘careta do dentinho’

8.Nunca passar na frente de uma obra (e atravessar a rua se tiver uma no caminho)

9.Mudar de calçada se vir um grupo de homens vindo na sua direção

10.Conversar alto com uma amiga na rua para não ouvir o que as outras pessoas falam

11.Andar olhando sempre um ponto fixo à frente

12.Usa roupas mais largas e cobertas para não ser alvo de cantada

13.Não andar de batom vermelho e maquiagem pesada por aí

14.Evitar sair a pé muito arrumada

15.Andar de cabeça baixa

16.Amarrar uma blusa na cintura quando sai para a academia com roupa de treino

17.Deixar a mochila com a alça mais comprida para cobrir a bunda

18.Começar a falar com mulheres desconhecidas na rua para não parecer que está sozinha

 

É por isso que uma mudança de mentalidade é tão importante. O ideal não é que as mulheres consigam evitar as cantadas todas as vezes que saem nas ruas, mas que os homens aprendam que essa é uma forma de violência e que esse abuso tem efeitos na vida de uma pessoa. É aquela máxima: não ensine mulheres a se protegerem contra o estupro, ensine os homens a não estuprarem. O papel do feminismo, em partes, é esse: ensinar e colocar na prática um ambiente de igualdade, em que as mulheres são vistas iguais aos homens e não são objetificadas por causa do seu corpo e sexo – e, por consequência, não sofram de assédio nas ruas.

Foto: Reprodução


Como você evita as cantadas de rua? Conta para a gente respondendo a pergunta abaixo:


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤