Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Tempos complicados.

A sensação é que confiar em alguém tem sido cada vez mais difícil. A gente conhece alguém e, até que esse alguém prove o contrário, é só mais uma pessoa com grandes chances de estragar mais um pouco da nossa vida. Tempos complicados.

O problema disso tudo, além da dificuldade de conseguir superar a seu tempo, é o quanto isso influencia a chegada de novas pessoas na nossa vida. É sobre o quanto o histórico de pessoas-lixo que passaram pelos nossos dias fazem com que tenhamos cada vez menos disposição para pessoas novas, para qualquer pessoa se mostrar uma pessoa diferente e, talvez, especial.

E todo mundo tem razão nisso.

Tem aqueles que sentem medo de se entregar a pessoas novas justamente por causa dos traumas das antigas, afinal, as histórias traumáticas – e justamente por isso – fazem mais parte da nossa cabeça do que as boas. E tem aqueles que se sentem prejudicados – e com razão – pelo passado e por todo o estrago feito anteriormente. Esse segundo grupo de pessoas sofre por uma dor que não foi causada por eles, mas acabam sim se tornando vítimas do histórico de pessoas-lixo.

O histórico de pessoas-lixo é sobre a quantidade de pessoas que mais nos fizeram mal do que bem, em qualquer instância ou circunstância. E o problema central desse histórico é o quanto ele compromete qualquer nova pessoa – e a gente nem tem muita culpa nisso. Veja só, como que vou acreditar que você é diferente se todas as pessoas antes de você e que me foderam falavam a mesma coisa? Por outro lado, como alguém vai conseguir ser diferente pra gente se a gente não acredita que isso pode existir? De novo, todo mundo está com razão.

pessoas-lixo 2

A saída talvez seja tentar, aos poucos, desassociar os dias ruins do passado com os dias que ainda nem chegaram, ou seja, apesar de fazer sentido, é pouco inteligente desconfiar do futuro por causa do passado. Viver é uma constante tentativa de ser feliz. A cada nova chance que a gente dá pra gente é uma nova chance da vida nos provar o quanto pode ser diferente. E, por mais que o estrago tenha sido grande, uma pessoa nova na nossa vida não pode ser responsabilizada por isso.

Vamos pensar um pouquinho mais se temos sido justos com nós mesmos. Vamos pensar no quanto de energia estamos gastando com pessoas que tentaram tirar nosso brilho e, assim, diminuir as batidas do nosso coração. Não vamos pensar nessas pessoas, vamos pensar se temos pensado muito nelas. E, feito isso, a gente pode ter uma ideia que talvez estejamos alimentando aquilo que odiamos: dias ruins e lembranças péssimas.

A felicidade não é uma certeza, mas é certo afirmar que o passado é uma prisão que não garante nenhuma parte boa da vida. Em outras palavras, o seu histórico de pessoas-lixo JAMAIS pode comprometer as páginas que você ainda nem escreveu da sua história.

Tentar é preciso. Tentar mais de uma vez se necessário.

Este histórico vai existir pra gente não esquecer do que nunca mais queremos viver.

Imagem: Stocksnap 


Qual  o seu histórico de pessoas-lixo? Responda no Clube Superela!


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual conteúdo você gostaria de ver no Superela?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)