O que você procura?

Quem nunca enfrentou fila nos bancos? Passar horas aguardando e sair de lá com a sensação de que o problema não foi resolvido é algo familiar para muitas de nós. Isso quando não tentam empurrar serviços que não têm nada a ver com o nosso perfil.
Ainda somos bastante dependentes do banco e precisamos admitir que nem tudo é horrível. Afinal, eles facilitam bastante a nossa vida (uma salva de palmas para quem criou o internet banking!).

Mas também devemos ficar espertas com eles. É preciso lembrar sempre que um banco é uma empresa e, como tal, tem como grande objetivo obter lucro (se não ele deixará de existir, concorda?).

Não há nada errado em tentar crescer e expandir os negócios, o problema é quando estes interesses se sobrepõem ao que é melhor para o cliente. Aí o caldo entorna!

Dramas da vida real

Drama GIF - Find & Share on GIPHY

Certa vez, mudei de emprego e me instruíram a criar uma conta em outro banco para receber meu pagamento todo mês. Cheguei determinada a fazer uma conta salário (daquelas que o dinheiro cai e já é transferido para uma conta corrente em outro banco sem pagar nada a mais por isso).

Sabe o que aconteceu?

Saí de lá com uma conta corrente que cobrava (pasmem) R$ 36 reais por mês de taxa de serviço! Como isso foi acontecer, juro que até hoje eu tento entender. Ainda bem que sou teimosa e, ainda na porta do banco, resolvi voltar para mudar essa situação.

Quando solicitei a conta salário, disseram que não era possível e colocaram a culpa na empresa. Tentei fazer uma conta digital para evitar altas taxas de serviço e ouvi de novo uma resposta negativa.

Aí me lembrei da norma 3919/2010 do Banco Central que obriga todos os bancos a oferecerem uma conta corrente básica e gratuita. Quem me atendia mentiu na minha cara dizendo que desconhecia essa resolução. Olha que absurdo!

Conhecimento é tudo

Converse GIF - Find & Share on GIPHY

Quando viram que eu não ia ceder, ofereceram um “desconto” no pacote de serviços para que eu pagasse R$ 11 reais por mês. Só que eu não queria pagar nada! Eu já tinha uma conta em outro banco que já me atendia muito bem.

A peleja só se resolveu depois que eu reclamei nas redes sociais do tal banco e ameacei fazer uma reclamação formal aos órgãos de defesa do consumidor. E aí, como em um passe de mágica, eu pude abrir a tal conta salário como planejava.

Agora, precisava criar toda essa confusão? Esse é um exemplo claro de como estar bem informada sobre seus direitos é importante. Se eu não soubesse que a prática do banco era abusiva, estaria aí pagando R$ 36 reais todo mês.

É claro que a intenção aqui não é pintar os bancos como os vilões mais maléficos da história da humanidade. Meu propósito é mostrar que, com mais conhecimento, é possível se livrar de algumas armadilhas que os bancos criam.

4 mentiras que os bancos (ainda) contam

South Park  GIF - Find & Share on GIPHY

Taxas omitidas, contratos com letrinhas miúdas e serviços que não oferecem vantagens são comuns de se ouvir por aí. Essas são algumas das lorotas contadas por gerentes de banco para conseguir tirar mais dinheiro da gente.

Veja só mais alguns exemplos de mentiras que você já ouviu ou provavelmente vai ouvir:

1. A poupança é o único investimento seguro de verdade

Pense comigo: se você tem dinheiro, o banco vai querer que você o mantenha guardado sob seus domínios. Mesmo que o dinheiro fique ali bem quietinho na caderneta, o banco se beneficia por isso. Afinal, quanto maior a soma dos valores depositados, maior será o “poder de fogo” do banco.

Por isso, ele fará de tudo para que você mantenha sua caderneta de poupança bem polpuda. De fato, economizar é um hábito que deve ser encorajado. Mas é importante saber que existem outras possibilidades para fazer seu dinheiro render que são tão seguras quanto a poupança e que remuneram muito melhor.

É o caso, por exemplo, do Tesouro Direto, que é garantido pelo governo federal, e do CDB (Certificado de Depósito Bancário) e das Letras de Crédito, que são segurados pelo Fundo Garantidor de Créditos. Essa é a instituição que garantirá que você receba seu dinheiro de volta caso algo dê errado. Se, por exemplo, a instituição financeira pela qual você aplicou declare falência, o FGC garante investimentos até R$ 250 mil por CPF e por instituição.

2. Investir pelo banco é a melhor opção

Os bancos também oferecem opções de investimento, algumas boas e outras nem tanto. E aí haverá insistência para que você invista em um destes produtos financeiros. Só que nem sempre poderá ser um bom negócio.

Como falei ali em cima, o CDB é uma boa opção para quem quer investir com segurança e ter boa rentabilidade. Esse é um produto oferecido por diversos bancos. Só que se você é correntista do banco X, ele não irá oferecer o CDB do banco Y a você, mesmo que o do concorrente seja mais interessante.

Por isso, dependendo do que você deseja para seus investimentos, uma dica boa é buscar investir por corretoras de valores. Pode soar algo que só milionários fazem, mas as corretoras são bastante acessíveis hoje em dia. Você já deve ter percebido que elas estão em alta aqui no Brasil ultimamente, não é?

Ao contrário do banco, uma corretora pode oferecer CDBs de diferentes instituições, porque isso não fere em nada seus próprios interesses. Assim sendo, você terá uma gama maior de possibilidades e poderá escolher a aplicação que realmente é mais adequada para você.

Minha dica aqui é pesquisar entre as melhores corretoras do mercado. Além de procurar por empresas idôneas, você deve eleger aquela que oferece o melhor custo-benefício. Ou seja, aquela que tem um serviço de qualidade, atendimento de primeira e preço justo em relação aos custos. Caso você queira investir em ações de empresas, o valor da taxa de corretagem é um parâmetro importante a ser analisado, por exemplo.

Laughing GIF - Find & Share on GIPHY

3. Título de capitalização é uma boa ideia

Se você já sentou na mesa de um gerente banco, as chances de que ele tenha oferecido a você um título de capitalização são altas. Às vezes ele não disse essas palavras exatas, porque costuma-se inventar nomes bonitos para tentar vender mais desse produto.

O título de capitalização nada mais é que um sorteio. Você aplica uma determinada quantia e pode concorrer a prêmios. Parece familiar, não é? A diferença é que num jogo de loteria você pode pagar bem pouco e, se tiver muita sorte, ganhar prêmios que podem chegar a dezenas de milhões.

O problema aqui é que seu dinheiro vai ficar “preso” no banco e vai se valorizar muito pouco durante esse tempo. Se fizer as contas, vai descobrir que aplicar em um título de capitalização poderá desvalorizar seu dinheiro. Isso porque ele possivelmente não vai render acima da inflação.

E aí, seu poder de compra diminui. É como se você tentasse ir ao mercado com a mesma lista de produtos de um ano atrás e não conseguir pagar por tudo, porque agora os produtos estão mais caros.

4. Previdência privada é sempre um bom negócio

Existem planos de previdência privada que, de fato, conseguem remunerar melhor que a caderneta de poupança. O problema maior é que o banco vai te cobrar taxas que podem derrubar a rentabilidade do seu investimento. Isso sem contar na bocada do leão (Imposto de Renda) na hora de resgatar o valor.

Se você pretende investir dinheiro pensando no futuro, faz você muito bem. Por que não buscar investimentos em que toda rentabilidade fica para você? Na previdência privada, o banco fica com uma parte da sua rentabilidade, como forma de ser pago pelo serviço que está prestando a você.

Se você decide investir em outras possibilidades, além de ter uma rentabilidade maior, poderá pagar menos taxas. Se o dinheiro é seu, nada mais justo que os louros de investi-lo sejam todos para você, concorda?

Beyonce GIF - Find & Share on GIPHY

Já deu para perceber que muitos bancos tentam nos fazer de trouxa diariamente, né? Por isso eu digo e repito: conhecimento é tudo! Estude mais sobre como fazer seu dinheiro trabalhar por você.

Pare de deixar a responsabilidade toda na mão do seu gerente! Lamento dizer, mas ele provavelmente está mais comprometido em bater metas do que em te ajudar a garantir uma aposentadoria tranquila.

Seja a protagonista do seu sucesso financeiro!

Imagem: Pexels


E o que vocês responderiam a essa pergunta aqui abaixo, feita por uma de nossas usuárias do Clube Superela?


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤