O que você procura?

Hygge. A palavra é estranha e você provavelmente pronunciou errado (a forma correta é ‘hu-ga’), mas define uma prática cultural na Dinamarca que explica porque o país é considerado o mais feliz do mundo.

Segundo o Relatório da Felicidade desenvolvido pela ONU e lançado este ano, a Dinamarca está no segundo lugar no ranking – ela ocupava o primeiro, mas em 2017 a Noruega pulou da quarta posição para a primeira. Muitos podem usar a desculpa de que essa posição é por causa do status de primeiro mundo do país, mas é difícil pensar em felicidade quando, no inverno, a população lida com dias curtíssimos (de apenas algumas horas de sol) e passa muito tempo dentro de casa por causa das baixas temperaturas.

É por isso que o conceito de hygge se tornou uma parte intrínseca da cultura dinamarquesa. Em português, o termo mais próximo de tradução seria ‘aconchego’, mas ainda não assim não engloba tudo o que essa palavrinha implica: é uma sensação de bem-estar encontrada nas pequenas coisas do dia a dia.

O hygge salva os dinamarqueses no inverno

Com um inverno tão rigoroso, os dinamarqueses – e noruegueses também, assim como os islandeses – precisaram encontrar uma forma de contornar a melancolia de passar meses dentro de casa por causa do frio. O conceito do hygge explica que em todo lugar eles buscam uma sensação de conforto e aconchego, de aproveitar os momentos que têm – seja dentro ou fora de casa – e tentar ao máximo manter o otimismo quando as temperaturas não ajudam.

hygge

Foto: Pinterest

Então, basicamente, o hygge pode ser definido assim: pense que num dia bem frio, e você está sentada na frente da lareira, enrolada em um cobertor felpudo e quentinho, com uma caneca do seu chá preferido (pode ser chocolate quente também!), lendo um livro. É isso: essa sensação de aconchego e bem-estar.

Tem tudo a ver com conforto e liberdade também: você não se prende a regras de dieta ou de vivência, aproveita os momentos com as pessoas que ama e faz todas as suas atividades buscando se sentir bem, sempre. E isso não vale só para os dias em que você quer ficar enrolada na cama porque está chovendo lá fora – é o tempo inteiro, inclusive no trabalho.

Como colocar mais hygge no seu dia a dia

É óbvio que é impossível você saber exatamente o que é a sensação hygge se não vivenciar a cultura dinamarquesa e tudo o que ela oferece – e entender, direto na fonte, como o conceito funciona. Porém, você pode começar a praticar (e mudar a sua vida) seguindo essas dicas:

1.Conforto é chave

Os ambientes em que você convive precisam ser confortáveis: pense num quarto aconchegante, um ambiente de trabalho com uma cadeira que seja gostosa de sentar, coisas que você gosta por perto… Não precisa ser uma casa à la Pinterest e cheias de coisas caras: o ideal é você manter a sensação de aconchego em mente e pensar em como deixar o ambiente o mais confortável possível.

2.A regra é: não existem regras

O hygge implica que você não deixa passar as oportunidades que a vida oferece e aproveita cada uma delas no seu devido momento. É óbvio que isso não significa que você vai comer tudo o que vê pela frente, sem se preocupar com a saúde, mas buscar um lugar em que tudo é visto sob esse prisma de bem-estar e aconchego. Até mesmo por isso, o desenvolvimento do amor próprio e o cuidado com o próprio corpo também fazem parte desse conceito.

3.Busque o que te faz sentir bem

Não existe certo ou errado quando se fala nesse assunto, apenas atividades que te fazem sentir bem. Pode ser passar algumas horas enrolada nas cobertas vendo um filme que você ama, sair para jantar com as amigas, aproveitar um dia de sol deitada na rede, sentir a brisa do mar… Foque em situações e pessoas que te deixem bem. É encontrar e colocar cada vez mais esses pequenos prazeres no dia a dia – bem Amélie Poulin!

hygge

Foto: Pinterest

4.Valorize o tempo

Tire momentos da sua semana para aproveitar, de verdade, o tempo que você tem para si mesma ou ao lado das pessoas que ama. Preste atenção e se interesse por elas, saboreie os momentos que vocês estão juntos e fique presente.

Principalmente, lembre sempre que a cultura hygge valoriza o bem-estar: é criar ambientes em que você e os outros se sintam bem sempre – basicamente, define tudo aquilo que deixa a gente com o coração quentinho!

Imagem: StockSnap


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤