Receba nossos e-mails incríveis
Amor Sexo Autoestima Corpo Vida Carreira & Finanças Beleza Estilo Vídeos
Escreva seu texto

Leia temas do seu interesse:

/ /

O que é ser normal mesmo?

Evana Ribeiro

Colunista Superela

Mais textos

Quando estamos nos desenvolvendo, “virando gente”, a gente costuma olhar para os lados e observar como são as outras pessoas do nosso grupo. Ou do grupo em que queremos entrar. E quando a gente percebe algo se repetindo em todo mundo em volta, assume que aquilo é normal. O que acontece se você não tem uma daquelas características? Isso mesmo, você deixa de ser normal. Pelo menos é essa a mensagem que chega.

E a gente se deprime.
Deprime.
Deprime mais um pouquinho.

Pode ser que todo mundo esteja namorando na turma e você não. Ou que todos os seus amigos e colegas de trabalho já morem sozinhos e você ainda mora com os pais. Tem vezes que tá geral postando fotos da viagem ao exterior e você mal tem grana para ir à praia. E o emprego? Você pode estar desempregada, ou nem mesmo concluiu a graduação, não pensa em ter filhos… Será que é preciso tanta coisa assim para se encaixar no mundo e ser “normal”?

O que é ser normal mesmo?

tumblr_o4g5k69huh1qe9ozto1_500

Segundo a Maria de Las Montañas, protagonista do filme Requisitos para ser uma pessoa normal (recomendo, é um filme bem legal!), ser normal consiste em ter uma casa, um trabalho, um namorad@, vida social, hobbies, vida familiar harmoniosa e ser feliz com tudo isso. O desenrolar do plot é Maria tentando ticar todos os itens da lista para se sentir finalmente adequada no mundo.

Deixando a história do filme de lado e pensando em nossa própria saga: passamos boa parte da vida correndo atrás de (quase) todas essas coisas para ser normal perante os outros… E para muita gente, não basta ter um trabalho: tem que ser um trabalho cool, que pareça que você se diverte o dia inteiro. Não basta ter um par, tem que ser um casal que orna na foto e precisa colocar o status no Face, senão não vale. Se o seu hobby for estudar um idioma que nenhum amigo ou conhecido seu fala, viajar para destinos pouco badalados ou qualquer atividade que no máximo cinco pessoas (contando com você) conhecem.

Querer uma casa própria e decorada como nas revistas, o emprego dos sonhos, um parzinho magia para chamar de seu, corpo de musa fitness, tudo isso é muito legal, desde que seja o que você quer de verdade, não o que o resto do mundo quer que você faça. É normal sossegar numa cidadezinha do interior com casinha de cerca branca e levando pra mesa tudo o que sai da horta, e também é normal passar temporadas em lugares diferentes! Ser empreendedor é normal, assim como também o é fazer concurso e conquistar um emprego público. Sabe o que é anormal de verdade? Ser infeliz.

Ser normal é ser você mesmo

O bonito da vida é aprender a conviver com as diferenças e as escolhas de cada um. Você não gosta de beber e tem amigos que bebem? Você é a única virgem da turma? Você não assiste às séries que estão em alta hoje? Calma, você não é um E.T! Você é uma pessoa que faz escolhas e não deve se envergonhar delas e, principalmente, nunca deve ceder a pressões para ser quem você não é apenas para se encaixar em um padrão qualquer. Já pensou chegar lá no fim da vida e se arrepender por não ter feito o que realmente tinha a ver com você? Ninguém quer levar esse peso vida afora, né?

Então, se você está pensando que não avançou nenhuma casa no jogo da normalidade e que precisa mudar seu jeitinho radicalmente para ser aceita, respire fundo e pense melhor. Nossas características internas e externas, nossa postura diante da vida e nossas experiências acumuladas são as coisas que nos tornam especiais e únicas. Ser normal é isso! Se todo mundo pensasse e agisse igual, o mundo seria chato demais. E, como Caetano sabiamente cantou, “de perto ninguém é normal”.

Imagem: Pinterest

Evana Ribeiro

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

/ /

Leia temas do seu interesse:

/ /

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!