Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Cara, vamos ser realistas: quem precisa de feminismo? Esse movimento tão contestado por pessoas que não o compreendem de verdade? Bem, hoje nós vamos explicar que, sem o feminismo, muitas das coisas que nós, mulheres, conseguimos fazer hoje, não seriam possíveis. E eu vou explicar o por quê. Então vamos?

Quem precisa de feminismo?

precisa de feminismo

1 – Quem deseja ter mais representatividade na política do país

precisa de feminismo

Pode parecer absurdo nos dias atuais, mas já houve uma época em que não podíamos votar. Para ser mais precisa, aqui no Brasil o voto feminino só foi conquistado em 1932, durante o governo de Getúlio Vargas. E, mesmo assim, no começo, esse direito era estendido apenas a mulheres casadas (com a autorização do marido), a viúvas e solteiras de renda própria. Todas essas restrições só foram eliminadas em 1934, mas a obrigatoriedade ainda era apenas para os homens. Somente em 1946 o dever do voto foi estendido a nós, mulheres.

Nossa primeira deputada federal, eleita em 1933, foi Carlota Pereira de Queirós, médica, pedagoga e escritora. Olha ela aí toda linda, no meio de um tanto de marmanjo:

precisa de feminismo

Então assim: por que as mulheres não podiam votar? Bem, a Revista Illustrada, de 1876, explicava isso da seguinte maneira: o bello sexo (como as mulheres eram chamadas na época) não deveriam se intrometer na vida política do país porque era absurdo sacrificar o “bom tempero do jantar do marido e o choro de seus filhos”.

Assim, eu pergunto: quem precisa de feminismo? Bem, as mulheres que se sentem no direito de participar da política do país, votando e sendo votadas. O lance é o seguinte: não é pecado nenhum querer dedicar a vida à família, mas isso não tira a nossa capacidade de saber escolher quem gostaríamos que nos representassem no Congresso.

2 – Quem quer andar pelas ruas sem sentir medo

precisa de feminismo

É bem chatinho ter que andar na rua de vestido com medo, né não? Ter que ‘filtrar’ as roupas porque, dependendo do tamanho do decote, a culpa de ter sido abusada foi dela, e não do estuprador. Ela precisa de feminismo porque não pode ter orgulho do corpo que tem. Ela precisa de feminismo porque até mesmo as roupas mais recatadas não a protegem do abuso. Se fosse assim, mulheres com burca nunca seriam estupradas, e nós sabemos que a realidade não é essa.

Enfim, ela precisa de feminismo porque os homens precisam entender que a mulher não é um objeto.

3 – Quem quer ser dona das próprias decisões

precisa de feminismo

Atenção: não é de aborto que estamos falando. Aliás, pode até ser também, mas essa não é a questão principal. Já percebeu que nós, mulheres, sempre tivemos nossas escolhas decididas por outros? Temos que casar até tal idade, ter filhos, cuidar da família, satisfazer nossos maridos sempre e etc. Mas e aí? Será que é isso mesmo que nós queremos?

Toda vez que uma mulher decide não ter filhos, chovem críticas em cima dela. Se ela quer adotar ao invés de engravidar, também é criticada. Se ela quer fazer uma gravidez independente, é uma aberração.  Mas, se o pai abandona a família, é normal, acontece. Se ela tem que trabalhar para sustentar a família, é uma mãe ausente. Qualquer coisa que acontece com os filhos, a culpa é mais da mãe do que do pai.

Ela precisa de feminismo porque, sem ele, estaria dentro de casa até hoje, sem poder trabalhar, estudar e tocar com a própria vida. As mulheres precisam de feminismo porque a decisão de “ser mãe” deve ser, principalmente, delas, e não da sociedade e do Estado.

Enfim…

precisa de feminismo

Quem precisa de feminismo? Bem, quem gostaria de que os direitos entre homens e mulheres fossem iguais. Quem acredita que a igualdade salarial é importante e que considera que um órgão sexual não difere as capacidades de um homem e uma mulher.

As mulheres precisam do feminismo porque, sem ele, elas não estariam fazendo metade do que fazem hoje. Estariam ainda amarradas nas rédeas de seus pais e seus maridos, seriam reduzidas a donas de casa e nada mais, estariam apanhando de seus namorados e etc.

O feminismo não é um bicho de sete cabeças, gente! Ele tem seus lados mais radicais? Claro que sim! Da mesma forma que todos os outros movimentos sociais também têm. Você é a diva maravilhosa de hoje porque ele existe, e isso é um fato. Do contrário, nem votar nós poderíamos!

Então, um salve para o feminismo e para nós, maravilhosas que lutamos dia após dia por uma sociedade que nos trate de igual para igual!

 

Imagens: Quem precisa do feminismo

Imagens: Deputada Carlota Ferreira

Imagens: Pinterest

@ load more