Receba nossos e-mails incríveis
Amor Sexo Autoestima Corpo Vida Carreira & Finanças Beleza Estilo Vídeos
Escreva seu texto

Leia temas do seu interesse:

/ /

10 séries para você aprender a ser uma mulher empoderada

Marcela De Mingo

Colunista Superela

Mais textos

Ser uma mulher empoderada em pleno 2017 não é difícil – a internet está cheio de espaços incríveis para você aprender sobre o tema, como o próprio Superela. Porém, inspiração nunca é demais, e as séries de televisão estão repletas de referências e personagens incríveis para inspirar você.

O principal sobre ser uma mulher empoderada é ter direito de escolha – sobre o que você quer fazer da sua vida, a carreira que quer seguir, a roupa que quer usar, se quer ou não ter filhos e, acima de tudo, que você é suficiente independentemente do que os padrões de beleza dizem.

Por isso, listamos 10 séries para você aprender a ser uma mulher empoderada. Olha só:

Girlboss

Inspirada no livro de mesmo nome escrito pela empreendedora e fashionista Sophia Amoruso, Girlboss estreia só em abril, mas já é uma queridinha. A série vai mostrar como uma jovem mulher passar por tantas dificuldades que suas vitórias são raras. Mas isso não é para ser desmotivador, pelo contrário! É uma forma de colocar experiências reais na série e mostrar que nem tudo são flores na construção de um império fashion.

Scandal

Olivia Pope é ou não é a maior musa da TV que a gente respeita? A personagem é poderosa, forte, resolve os problemas mais cabeludos do governo dos Estados Unidos e ainda encontra tempo para buscar o amor perfeito. Olivia é uma inspiração de força e dedicação e como uma mulher pode chegar no topo da carreira mostrando a que veio e jamais abrindo mão daquilo que ela acredita.

How to get away with murder

Annalise Keating, assim como Olivia, é um típico mulherão da porra. Além de ser uma advogada incrível, ela não aceita levar desaforo para casa, não tem medo de um abriga e faz o que pode para proteger as pessoas que ama. Ela coloca sempre a carreira em primeiro lugar, mas tem um coração mole e sabe como atingir as pessoas exatamente onde elas precisam de um choque de realidade.

House of Cards

O que seria de Frank Underwood sem Claire? Ela é uma líder nata e, vamos combinar, é a cabeça por trás de todo o governo e das tramas de Frank. Sem ela, ele com certeza jamais teria chegado à Casa Branca. Ela e manipuladora, verdade, mas tem uma meta fixa, é firme no que acredita e não desiste jamais do que deseja.

Grey’s Anatomy

Digam o que quiser, mas Meredith Grey é um exemplo de superação e força. O hospital Grey Sloan, aliás, é repleto de mulheres em papeis de liderança e ele não funcionaria sem as mulheres na equipe. Além de tudo isso, a principal protagonista, Meredith, mais de uma vez já mostrou que não vai desistir da carreira para cuidar dos filhos, mesmo depois da morte do marido, para mostrar que as suas crianças tem o poder de fazer o que puder se trabalharem duro. Além disso, ela ensinou para a filha mais de uma vez que uma mulher nunca deve se subjulgar a um homem – e não deve mesmo. E não podemos esquecer do case Christina Yang, uma das mulheres mais implacáveis, feministas e fortes de todo o hospital.

Jessica Jones

A gente já falou muito dessa série por aqui, né? A personagem é uma das mais poderosas dos últimos tempos. Jessica não tem medo de explorar a sua sexualidade, ela bebe whisky durante o dia, luta mais do que qualquer outro personagem, fala sobre relacionamentos abusivos e tem como meta proteger as pessoas que ama.

Girls

A trama de Lena Dunham é uma daquelas que explora a vida das jovens de 20 anos e que nenhuma outra série teve a coragem de mostrar. Fala sobre as dificuldades e dúvidas dessa fase, das descobertas sexuais e dos sonhos que criamos e abrimos mão.

Supergirl

Uma super-heroína mulher? Já era hora da televisão voltar a ter uma personagem como Supergirl. O papel de Melissa Benoist é incrível e já se mostrou muito empoderador. Além de ser tão forte quanto o Supe-Homem, Supergirl aprende ao usar os seus poderes que ela pode, sim, ser uma mulher empoderada, confiante e poderosa, dona do próprio destino.

Reign

Esta série segue a vida de Mary, Rainha da Escócia, e todas as dificuldades que ela teve ao assumir o trono escocês. Principalmente porque o povo não aceitava uma mulher no governo, e ela precisou lutar – muito – para ser respeitada e aceita no papel.

Game of Thrones

Arya Stark e Khaleesi são duas personagens que se destacam em uma trama cheia de polêmicas e controvérsias. Elas exigem sempre o mesmo respeito que os homens têm entre si na história e são verdadeiras guerreiras: não têm medo de entrar no campo de batalha e mostrarem a sua força.

Imagem: Reprodução

Marcela De Mingo

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

/ /

Leia temas do seu interesse:

/ /

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Um email por semana só com o melhor conteúdo do Superela
Você vai adorar ❤
Obrigada!

Recebemos seu pedido de cadastro e enviamos a você um email com o link para você confirmar o recebimento dos nossos emails.

Por favor, acesse seu email e click no link de confirmação.


Click aqui para voltar ao site.
Não perca mais nenhuma novidade!
PGlmcmFtZSBzcmM9Imh0dHBzOi8vd3d3LmZhY2Vib29rLmNvbS9wbHVnaW5zL3BhZ2UucGhwP2hyZWY9aHR0cHMlM0ElMkYlMkZ3d3cuZmFjZWJvb2suY29tJTJGU3VwZXJlbGFPZmljaWFsJTJGJnRhYnMmd2lkdGg9NTIwJmhlaWdodD0yMjAmc21hbGxfaGVhZGVyPWZhbHNlJmFkYXB0X2NvbnRhaW5lcl93aWR0aD10cnVlJmhpZGVfY292ZXI9ZmFsc2Umc2hvd19mYWNlcGlsZT10cnVlJmFwcElkPTE3MTExNDI3NjM4MDkzNiIgd2lkdGg9IjUyMCIgaGVpZ2h0PSIyMjAiIHN0eWxlPSJib3JkZXI6bm9uZTtvdmVyZmxvdzpoaWRkZW4iIHNjcm9sbGluZz0ibm8iIGZyYW1lYm9yZGVyPSIwIiBhbGxvd1RyYW5zcGFyZW5jeT0idHJ1ZSI+PC9pZnJhbWU+
Curta o Superela no Facebook ❤
teste
teste