O que você procura?

Falar de sexo já não é de todo fácil, agora sobre sexo após o parto… A gente tem certeza que as questões sobre esse assunto são muitas. Principalmente, porque as nossas leitoras sempre fazem perguntas sobre gravidez lá no nosso Clube Superela – elas ficam em dúvida se estão grávidas ou correndo o risco de gravidez.

E a gente fala de gravidez porque é possível, sim, a mulher engravidar novamente logo após o parto – mas essa nova gravidez pode ser um risco, levando em conta a necessidade do corpo de se recuperar depois de ter um bebê. Por isso, listamos aqui os principais fatos a respeito de sexo após o parto para você entender direitinho como essa dinâmica funciona.

1.Quando eu posso voltar a fazer sexo após o parto?

Isso depende da recuperação. O mais comum é esperar entra quatro e seis semanas para voltar a ter relações sexuais, mas é sempre importante consultar o seu médico sobre esse assunto para saber exatamente as necessidades do seu corpo e se esse período de espera é o suficiente. Segundo uma pesquisa feita pelo BabyCenter norte-americano, 14% dos pais decidiram retomar o sexo depois de um mês do parto, enquanto 43% preferiu esperar dois meses. Tudo varia de acordo com o tipo de parto escolhido e, claro, o nível de cansaço dos pais ao cuidar de um bebê recém-nascido.

2.É normal mães (e pais) não terem vontade de transar por um tempo

Falando em cuidar de um recém-nascido, a pesquisa do BabyCenter também revelou que muitos pais se sentiam casados demais para transar por conta da nova rotina. Mais da metade das mães pesquisadas explicaram que se sentiam muito cansadas para terem relações sexuais e pais e mães de primeira viagem explicaram que sentiam mais vontade de dormir do que transar nesses primeiros meses. Ou seja, se você perceber que, passado o período de recuperação, ainda não sente tanta vontade assim de transar, não se preocupe, você não é a única.

3.A primeira vez após o parto pode ser meio estranha

E isso tem um motivo: a sensação da penetração depois do nascimento de um bebê encontra alguns empecilhos. A começar pelo trauma causado pelo parto normal – o bebê passar pelo canal vaginal deixa a região muito mais sensível e ‘desconfortável’ por um tempo. Por causa dos pontos da cirurgia, as que passam por uma cesárea também sentem dores e desconfortos durante o sexo. Fora isso, as mulheres lidam com uma queda na produção de estrogênio no período de amamentação, o que implica alguns efeitos colaterais, como ondas de calor, sudorese intensa à noite e secura vaginal. Para driblar tudo isso, é preciso paciência, bom humor e altas doses de lubrificante!

4.Você pode engravidar durante o período de amamentação

Não ache que só porque você acabou de ter um bebê e está amamentando que você está imune a uma gravidez. A proteção é importantíssima nesse período, por isso, não deixe de usar camisinha e converse com o seu médico sobre o melhor método contraceptivo para essa fase. Isso porque você pode voltar a ovular a qualquer momento, antes da sua primeira menstruação pós-parto, e é difícil pontuar exatamente quando isso vai acontecer por conta da descarga hormonal que o seu corpo recebe durante a gravidez e enquanto você amamenta. A prevenção é sempre a melhor opção, mas conversar com um profissional é essencial para discutir o melhor método contraceptivo para você.

5.No começo, vai doer

Na verdade, é comum muitas mulheres comentarem que leva até um ano para o sexo ser totalmente confortável e bom de novo. É claro que depende de cada caso, mas por conta de tudo o que o corpo passa durante o parto, por causa de pontos da cesárea ou pelos efeitos do parto normal, a mulher pode sentir dor durante a relação sexual. Aliás, é até normal elas desenvolverem um medo da penetração por causa disso. Mas, calma… Para superar esse momento, é preciso muita paciência e conversa entre você e o seu parceiro. Comecem devagar, com o tempo tudo se encaixa e o sexo volta a ser 100% prazeroso.

6.As suas prioridades vão mudar

Antes do bebê, o sexo é sempre a prioridade. Agora, porém, as coisas mudam. Então, mesmo durante o sexo, vocês vão se pegar preocupados com o bebê, e quando ele chorar, o primeiro instinto dos dois será parar e checar se está tudo bem com a criança – ou seja, adeus ao clima. É uma adaptação e vocês vão precisar aprender a encaixar o sexo nos horários do bebê, enquanto ele dorme, entre uma mamada e outra… E precisarão entender também que esse é um caminho cheio de imprevistos e novidades e que isso tudo vai ocupar muito mais a mente de vocês do que o sexo em si, pelo menos por um tempo.

7.Os seus seios estarão muito mais sensíveis

Por um lado, eles se tornam uma região altamente erógena, por outro, essa sensibilidade toda pode ser incômoda durante o sexo após o parto. Fora que, enquanto você está amamentando, é normal que o leite vaze sem motivo. Lembre-se de manter sempre o bom humor e tirar a pressão desse momento. O seu corpo ainda não voltou completamente ao normal – vai demorar para isso acontecer – e pode ser que ele demonstre reações que você e o seu parceiro não estão acostumados. Ou seja: ria muito se rolar um esguicho de leite no rosto na hora H, ok?

8.Você vai ficar mais consciente do seu corpo

E não necessariamente isso é algo bom. Você vai perceber inseguranças por causa do seu corpo após a gravidez, vai olhar para as mudanças que ele passou e não vai se achar tão atraente como antes. Isso é normal e também parte de uma adaptação. Você vai ter que conhecer o seu corpo de novo e ele ainda vai mudar muito durante a amamentação. Para reverter isso, você precisa lembrar, antes de mais nada, de ser gentil com você mesma e, em segundo lugar, de conversar com o seu parceiro sobre as suas inseguranças. Isso vai ajudar a diminuir o seu nível de medo e vergonha na hora do sexo.

Principalmente, se você ainda tiver dúvidas ou questões a respeito do sexo após o parto, converse com um profissional! Ele saberá orientar você e acabará com os seus medos em relação a esse assunto sem neuras, ok?

Foto: Reprodução / The Lucky One


Você já passou por essa experiência? Que tal ajudar a nossa leitora respondendo a pergunta abaixo?

Área especial sobre Orgasmo Feminino

Sabia que a gente tem uma área especial sobre Orgasmo Feminino com muitas dicas, técnicas, fotos e vídeos?

Veja uma prévia do que espera por você

Você ainda poderá participar do nosso grupo fechado no Facebook e tirar dúvidas com uma Sex Coach, além de falar sobre o assunto com outras mulheres!
Vamos nessa? 😉

Acessar o especial Orgasmo Sozinha

@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual tema você gostaria de ver aqui?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)