O que você procura?

Antes de começar, quero dizer que esse texto é bem diferente dos que estou acostumada a escrever, portanto, peço paciência. E também acho bom avisar: você precisa entender que minha relação com a vida amorosa é um completo desastre – e sempre foi – então se eu parecer perdida, é porque provavelmente estou mesmo.

você precisa

Nada muito anormal, só um pouco confuso, mas é sempre bom lembrar para evitar possíveis decepções… e por falar em decepções, acho que essa palavra descreve bem o tema desse artigo.

Boa sorte para nós. Muita sorte, quero dizer!

você precisa

Eu não vou te ensinar a esquecer aquela pessoa, porque não existe uma fórmula para isso. E se existe, desconheço. Juro que gostaria de fazer você ESQUECER, mas não posso, ainda não adquiri essa habilidade. E juro também que adoraria fazer as pessoas esquecerem as coisas, porque eu vivo passando vergonha, então seria útil esse poder. Mas já que não posso tirar aquela-pessoa-maldita da sua mente, vou te dizer algumas coisas que talvez possam te ajudar a passar por essa fase com mais facilidade.

você precisa

Você tem algumas opções antes de continuar esse texto:

– Comer algo e assistir sua série favorita na Netflix (nA sim, porque a Netflix é uma mocinha);
– Mandar mensagem para “aquela-pessoa-maldita” e esperar ela responder (não recomendo);
– Continuar a leitura.

Vai continuar?

Certeza?

Bora lá!

Do que você precisa, então?

você precisa

Uma coisa meio óbvia é que a gente não escolhe por quem se apaixonar. E outra, meio óbvia também, é que a gente não pode fazer o amor ser recíproco, porque a gente não tem domínio sobre os sentimentos dos outros.

Mas uma, talvez óbvia, mas não muito abordada, é que o amor acaba. Sim, o amor acaba. Pode ser o seu ou o daquela-pessoa-maldita, mas uma hora ele acaba. Algumas pessoas enterram o amor junto com seus corpos. Outras apenas enterram o amor. Independente da forma como você vai enterrá-lo, saiba que ele tem um começo, meio e fim. E isso é normal.

você precisa

As pessoas costumam falar sobre amor incondicional, amor verdadeiro e outras coisas, mas amor é amor, sem acréscimos. Não se sinta mal se você descobriu da forma mais difícil que o amor morre. Eu também descobri de uma forma meio rude. E foi rude mesmo, com ele olhando nos meus olhos e dizendo que não me amava mais.

Doeu, devo dizer. Doeu bastante. Mas eu sobrevivi e agora, felizmente, não dói mais.

E é isso que o amor traz na bagagem: a dor. Se ora é amor, ora é dor. São dois amigos inseparáveis. Um machucando e o outro curando. Juntos eles fazem um trabalho lindo: o amadurecimento emocional. Só que para amadurecer, a gente tem que sentir. Se você está sentindo, já é um bom começo.

você precisa

Depois que a gente termina um relacionamento, existem alguns estágios dos quais precisamos passar, e você pode querer fugir deles, mas vai ter de enfrenta-los. O mais importante é o de sofrer.

Você precisa sentir, para uma hora não sentir mais nada.

você precisa

O tempo que você leva para se recuperar desse estágio não tem a ver com o quanto você amava aquela-pessoa-maldita, mas sim com o quão sensível você é. Algumas pessoas levam dias; outras, meses. Há outras que levam anos – e eu sinto muito por elas.

Você não se cura de um amor com outro, tá?

você precisa

Muito pelo contrário. Você engana a dor de um amor com outro, mas saiba que corações machucados só podem se machucar mais e, consequentemente, machucar outros. Então vai aí uma dica: só entre em outro relacionamento se tiver certeza de que o antigo não te afeta mais. A gente não precisa ferir ninguém para se reerguer, beleza?!

Você ficará vendo se aquela pessoa está online, ficará bloqueando e desbloqueando das suas redes sociais. Vai mandar mensagens e se arrepender depois. Vai imaginar vocês voltando e felizes. Vai stalkear e ler comentários das fotos. Vai virar uma agente do FBI sim, e por mais que eu diga que isso só vai te ferir mais, porque quem procura acha, sei que você ainda o fará. Mas saiba que, quem procura, realmente acha.

você precisa
O certo seria eu dizer para você se afastar, deletar aquela-pessoa-maldita das suas redes sociais, excluir o número da sua agenda – mas sei que você já decorou – e outras coisas que com certeza alguém já te disse, mas você só vai fazer aquilo que quiser, por isso não vou encher esse texto de dicas que você nem vai usar, seria perda de tempo – meu e seu.

Para superar, você precisa sofrer e esperar o tempo passar

você precisa

O tempo é nosso melhor amigo. Ele é lerdo, mas é gente boa.

Vão ter dias em que você vai sentir que em seu peito há um buraco enorme e que nada nem ninguém pode fechá-lo. Vai doer muito e você vai chorar muito. Vai passar noites em claro pensando naquela-pessoa-maldita, mas acredite, ela também está sofrendo num canto onde ninguém pode assistir, muito menos você.

Vai se perguntar porque isso está acontecendo com você, sem se dar conta de que isso acontece com todo mundo. Mas a sua dor é sua dor, e mesmo que todos sofram por amor, respeitarei a sua vez e espero que você respeite a vez do outro.

Você terá a impressão de que está incomodando os outros ao falar sobre aquela-pessoa-maldita, e você estará mesmo, a galera vai ficar de saco cheio de ouvir você se queixar, mas continue, porque a boca fala do que o coração está cheio. Enquanto for necessário falar, fale. Ajuda demais!

você precisa

Você vai pegar um misto de nojo e ódio por romances, mas é passageiro.

E outra coisa: você sentirá um vazio enorme – às vezes é fome, sempre bom comer para tirar a dúvida. Não sei quanto tempo ele durará, mas oscila e, geralmente, aparece com aquela música que te faz lembrar de você-sabe-quem e não estou falando do Voldemort.

você precisa
Mas sabe, para ir direto ao ponto, mesmo que eu fizesse uma super lista com coisas que deixam mais feliz ou com advertências sobre coisas que você deve evitar durante essa fase, nada iria adiantar, porque cada pessoa reage de um jeito e somos imprevisíveis e humanos.

Fugir da dor só faz com que ela aumente.

O que posso te afirmar é que você vai sentir, vai sofrer, vai chorar e que, no fim, vai passar. Talvez você não ache graça, mas vai ter adquirido uma puta experiência e depois de todo o drama à lá novela mexicana, você estará mais madura e mais segura. Estará toda remendada, mas estará curada. E é isso que o amor faz: ele fere e ele mesmo cura.

você precisa

Desculpa não ter um antídoto, nem uma lista com dicas, nem nada do gênero. Eu tenho as palavras e você, o tempo. É tudo o que temos, e temos tudo o que precisamos.

Então, para finalizar, vou reforçar que tudo passa e que tudo ficará bem, tá? Nada dura para sempre. Nada. Nem os amores e nem as dores. Muito menos as dores. No fim tudo é experiência, e é esse o único “ex” que a gente precisa manter na vida, né?

você precisa

Imagem: Pinterest


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤