O que você procura?

Já existem campanhas que tentam fazer o possível para mostrar que divulgar fotos íntimas – entenda: os nudes – de uma mulher sem autorização é um crime, mas ainda existem pessoas, homens, principalmente, que acreditam ter o direito de usar esse material contra uma mulher.

A indiana Taruna Aswani está passando por isso. Em sua página no Facebook, ela contou que um homem que diz conhece-la, e que se identifica apenas como Kevin John, enviou uma série de e-mails dizendo que invadiu a conta da jovem na nuvem e que agora tem posse das suas fotos íntimas. Segundo ele, caso ela não enviasse novas imagens e vídeos sem roupa para ele em até 48 horas, ele divulgaria todo o material para os seus contatos.

Ninguém é obrigado a fazer nudes ou enviar fotos íntimas para o namorado – nós já ouvimos histórias o suficiente para saber que é preciso, infelizmente, pensar duas vezes sobre o assunto –, porém, também não existe vergonha em fazer isso por e para alguém. E a postura de Taruna é incrível exatamente por isso. Ela não se deixou intimidar pelas ameaças e decidiu divulgar tudo de antemão, para evitar que o tal hacker o fizesse por ela sem a sua autorização.

“Por mais embaraçosos que os vídeos sejam (eles foram feitos para o meu namorado na época), eu escolho enfrentar esse homem. Ao invés de me acovardar e acatar com os seus pedidos. Eu faço isso para que outras mulheres tirem uma lição disso e enfrentem os bullies e babacas como esse e tenham a confiança para enfrenta-lo também caso ele seja alguém conhecido e esteja fazendo todas nós de alvo, mas nós nos sentimos muito assustadas, envergonhadas ou não temos ideia de como agir nesse tipo de situação”, escreveu.

Taruna continua pedindo para que o post seja compartilhado o máximo de vezes possível para que ninguém se curve aos caprichos de uma pessoa escondida atrás de um computador e que, caso alguém consiga identificar o homem, conceda as informações para o detetive responsável pelo caso. Taruna foi além e ainda colocou prints dos e-mails que recebeu no post, mas, por motivos óbvios, deletou as fotos íntimas que Kevin mandou anexas como prova.

Mandar nudes é uma prática comum em um mundo regido pela tecnologia e, sim, ele pode ser uma parte divertida de um relacionamento, uma forma de apimentar a relação, e é direito de todos – homens e mulheres. Isso, claro, desde de que tudo seja feito de forma consensual. Mandar fotos nuas para uma pessoa que não pediu por elas não é legal – independentemente do seu gênero.

Porém, o problema maior é quando esse tipo de conteúdo é usado como uma forma de vingança. Seja por conta de um término que não deu certo ou por falta de caráter, as imagens acabam sendo divulgadas online e, no fim das contas, a culpada por tudo acaba sendo a vítima, a mulher.

Por isso é importante saber que, pelo menos no Brasil, esse tipo de divulgação não autorizada de fotos íntimas é crime, sob proteção da Lei Carolina Dieckmann, e é passível de punição. Mais do que estar com os respaldos da lei, no entanto, é você saber que não existe vergonha alguma em querer exibir o seu corpo para alguém que gosta (isso é uma forma de empoderamento!) e enfrentar os bullies é uma maneira não deixar que eles diminuam você à sua aparência ou transformem o seu corpo em um objeto. Acredite, você é muito mais do que isso e não do que se envergonhar.

Imagem: Pinterest


@ load more
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada, agora falta pouco...
Por favor, fique de olho em sua caixa de entrada (às vezes, pode acontecer do email estar no SPAM ou na aba Promoção caso use GMail). Quando receber nosso email é só clicar no link de confirmação ;)
Enviaremos nos próximos minutos um email para você confirmar o recebimento de nossos conteúdos.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Qual tema você gostaria de ver aqui?
A gente escreve sobre o que você quiser e ainda manda no seu email :)
Obrigada!
Recebemos sua sugestão.

Hey, você já conhece o Clube Superela? Lá você pode perguntar o que tem vontade anonimamente :)