Receba nossos e-mails incríveis
NOVO App Clube Superela!! ♥
Pergunte e converse anonimamente
Amor Sexo Autoestima Corpo Vida Carreira & Finanças Beleza Estilo Vídeos
Escreva seu texto
Receba nossos e-mails incríveis

Leia temas do seu interesse:

Demorei a entender o que já sabia: você não era para mim

Rogerio Oliveira

Colunista Superela

Mais textos

Tarde demais para querer voltar. Depois de tudo que passei ao seu lado, o que quero agora é sossego. Depois de tudo que fiz por você, a ingratidão reinou de um jeito que eu não esperava. Sempre me dediquei para que fossemos melhores juntos, mas me ver longe parecia te fazer bem (leia mais aqui).

Todo mundo tentou me fazer enxergar que você não era para mim. Demorei para entender que a gente não se completava do jeito que eu realmente precisava. Mas virou tão cômodo para mim que acabei empurrando com a barriga nossa relação – e no fim parecia estar tudo bem.

Não, não estava tudo bem. Você não me olhava com olhos de desejo. Você não me percebia, não me tocava do jeito que eu gostava. Você parou de me querer do seu lado para viver sua vida sozinho. Me vestia para você em busca de um “como você está linda, amor’’, mas a realidade era ‘’Pega as chaves do carro, a gente vai se atrasar! ”

Quando a gente saia, você me exibia feito troféu. A gente parecia o casal perfeito (para os outros). Seus amigos achavam que eu não queria te deixar curtir o momento e que eu era pedra no seu sapato. Eu não sei o que você dizia para eles quando eu não estava por perto, mas parecia que eu era a megera e você o pobre coitado.

Você passou a sugar todas as minhas energias. Passou a me privar de encontrar meus amigos, de viver a vida que eu tinha antes de você chegar. Você não confiava em mim como eu sempre confiei. E. mesmo me dando todas as provas de que eu precisava me distanciar de você, eu te dava mais uma chance e recomeçava tudo do zero, em busca de te ver mudar.

Você podia tudo, até mesmo ignorar minhas mensagens, demorar para me responder, sumia sem deixar rastros, e eu tinha que ser a paciente e “entender” que você tinha os seus problemas. O tempo passou e eu comecei a sentir raiva de mim por gostar tanto de você a ponto de não conseguir me desligar. Chegou uma hora em que eu já não me via mais com você ao meu lado. Você me puxava para trás, me tornou tão sua que eu, literalmente, acabei não sendo de mais ninguém.

Todo mundo me avisou e eu vendava os olhos e tapava os ouvidos para não escutar o que eu mesma já sabia: você não era para mim. Você demorou demais para perceber que não podia encontrar alguém melhor que eu nessas escapadas que você dava por aí. E. nesse meio tempo. eu acabei descobrindo que melhor que você está cheio por todos os cantos.

Meu amor, de insegura passei a ser mais confiante. Meti a tal da vergonha na cara, tomei boas doses de amor próprio e fui, sem olhar para o que deixei para trás. Você ficou para trás como tantas outras coisas que já passaram pela minha vida e por livramento, Deus tirou de mim me fazendo agradecer imensamente depois. Cansei desse negócio de reforçar passado e viver em função de quem só me procura quando convém. Eu disse que iria me cansar, né? Antes só do que mal apaixonada.

Imagem: Pinterest

Rogerio Oliveira

Colunista Superela

Mais textos

Leia temas do seu interesse:

Leia temas do seu interesse:

E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
E-mails especiais
Faça parte da comunidade de mulheres mais empoderadas do mundo!
Escolha os temas que mais gosta
Quero!
Obrigada!

Recebemos seu pedido de cadastro e enviamos a você um email com o link para você confirmar o recebimento dos nossos emails.

Por favor, acesse seu email e click no link de confirmação.


Click aqui para voltar ao site.
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES conteúdos do Superela.
Você vai adorar ❤
Vamos ser amigas? :)
Warning: Unknown: Failed to write session data (wincache). Please verify that the current setting of session.save_path is correct (D:\local\Temp) in Unknown on line 0