Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Dar feedback no trabalho virou uma obrigação, uma moda, reforçada pela devoção que o profissional brasileiro sente por termos vindos do inglês. Antigamente, chamava-se esse ato de “dar sermão”, “dar uma lição de moral” ou até “dar um pito”.

Mas em tempos do que é politicamente correto, e de prevenção ao assédio moral (o tal bullying), as empresas criaram padrões para se agir corretamente quando queremos informar a um profissional que suas atitudes, fala ou performance não estão adequadas e/ou precisam melhorar. Tudo isso sem constrangê-lo, e sem criar obstáculos para sua permanência na função.

Um aspecto negligenciado pelas lideranças é de que o momento de dar feedback pode virar uma excelente ferramenta para motivar e estimular um profissional a crescer, corrigindo suas falhas de performance e dando “o caminho das pedras” de “como” ele vai crescer naquele ambiente. Algumas dicas para se conseguir esse resultado são:

1. PRESERVE A IMAGEM DA PESSOA

Nunca – nunca mesmo – chame a pessoa para a conversa de feedback na frente de terceiros.

2. COMPREENDA PRIMEIRO

Comece fazendo perguntas mais suaves e abertas para compreender o que está levando a pessoa a agir daquela forma, sem acusações.

3. ESCUTE DE FORMA EMPÁTICA

Mostre-se empenhado em ajudá-la, escute com atenção e sem fazer outras coisas nesse momento – como olhar o celular ou responder e-mails.

4. FUJA DAS FOFOCAS

Foque sua fala em evidências: cite situações, datas e pessoas envolvidas. Fale de fatos comprováveis e nunca de fofocas.

Fale diretamente sobre o que você espera que ela corrija. Mau exemplo: Você está chegando muito atrasado. Bom exemplo: Seu atraso de quinta passada e dessa terça nos causaram atrasos de mais de três horas nas entregas dos boletos, preciso que você esteja aqui todos os dias às oito da manhã.

6. SIMPLIFIQUE A MELHORIA

Não faça dramas – não piore as coisas para ela – e facilite a correção do ponto.

7. PEÇA A SOLUÇÃO

Pergunte o que ela pode fazer para melhorar – peça no mínimo duas alternativas de solução.

8. LEVANTE AS BARREIRAS

Cheque se as alternativas que ela propõe são factíveis. Faça perguntas como: Para estar aqui às oito, que horas você precisa sair de casa? Quais outros meios de transporte você tem à disposição para garantir que chegará no horário?

9. PERMANEÇA NO COMANDO

Caso a pessoa “fuja” do assunto, pergunte se ela compreende a importância da mudança que você está sugerindo e o que isso irá acarretar se não for feito.

10. PEÇA UM PLANO DE MELHORIA

Termine perguntando o que ela irá fazer para mudar. Peça ações, datas e prazos bem definidos.

11. CRIE COMPROMISSOS COM DATAS

Busque o compromisso dela ao fim da conversa de que enxerga a necessidade daquela mudança e que quer se empenhar em mudar.

12. APOIE

Coloque-se totalmente disponível para conversar com ela sobre aquele assunto sempre que precisar de ajuda.

13. ACOMPANHE

Marque o dia em que irão conversar novamente para verificar o avanço – e comemore cada pequeno esforço – mostrando a ela que valeu a pena!

MAIS: 10 PEÇAS E ACESSÓRIOS PODEROSÍSSIMOS PRA DEIXAR GERAL BABANDO PELO SEU LOOK NO TRABALHO
MAIS:  6 DICAS PARA UM CURRÍCULO QUE ABRA PORTAS PROFISSIONAIS

Foto: http://www.pinterest.com/superelaoficial/


@ load more
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤