Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Amaria colocar como título desta matéria: “OXFORD, OXFORD, OXFORD e porque não OXFORD?” para fixar este nome na cabeça de todas vocês, nossas queridas leitoras, que ainda não aderiram à moda do calçado mais incrível do mundo.

Num passeio histórico pelo campus da universidade de Oxford, na Inglaterra, em meados de 1640, o calçado era item básico nos pés de todo rapaz que por ali estava. Assim como o terno, a calça jeans, a camisa social e outros itens que hoje vocês provavelmente não vivem sem. A versão feminina caiu na graça das européias nos anos 20, embaladas pelo movimento drástico (e maravilhoso) da nossa tão querida Coco Chanel, que trouxe às mulheres os itens básicos masculinos, revolucionando o universo da moda. Nos anos 50 o modelo voltou as passarelas e por lá permaneceu até hoje.

De volta a 2015, ainda encontro mulheres que não conseguem se entregar à tendência, muitas vezes por não saberem como colocar o look, por achar um calçado que pesa muito na composição. Mas preciso falar, conselho de amigo, vocês não vão querer colocar outra coisa nos pés depois dele, principalmente durante o inverno.  Uma das divas-embaixadoras do Oxford é Taylor Swift, que vira e mexe é fotografada usando um modelo mais lindo que outro.

Decidi separar minhas 3 produções favoritas com ele. Vamos lá?

1. Oxford + Saia

Curta, média, midi, longa. Além de quentinho, o Oxford é confortável e extremamente elegante. Quando usado numa produção mais descontraída, se mantém incrivelmente de acordo, deixando o look ainda mais estiloso!

RESPONDA: Como acelerar o crescimento dos cabelos?
RESPONDA: Para cabelos ondulados, qual o melhor modelo curto?

2. Oxford + Calça

  

Neste item, preciso só excluir as calças pantalona e flare, mais por um gosto pessoal do que um padrão de moda. Agora, jeans skinny e boyfriend com a barra dobrada estão no topo das minhas opções favoritas. Fica confortável, quentinho, chique. Da pra sair do trabalho e tomar aquele drink no happy hour. Vão achar que você acabou de sair de casa.

3. Oxford + Vestido

Nos vestidos do dia-a-dia, seja de lã, algodão, tricô, ou qualquer outro material ou comprimento, o calçado compõe. O bom é que você pode usar aqueles vestidinhos de verão, com uma jaqueta de couro e meia. Vai ficar invernal, quentinho e econômico.

Sei que sempre penso de forma ousada quando penso em produções, mas acredito também que o Oxford substitui muito bem o salto alto em ocasiões que pedem um vestido mais formal, que não seja longo, tipo um coquetel, jantar, etc… Fica autêntico, elegante, confortável, diferente.

Agora, para quem já usa Oxford e quer ficar ligada nas tendências deste inverno, lá vai:

1. Oxford + meia

 

Seja ela meia-calça, arrastão, média, curta, fina, mais quentinha, até mesmo uma esportiva, a meia se tornou um diferencial para quem já utiliza o Oxford há algum tempo (afinal, são quase 100 anos nos pés das mulheres-poderosas). Particularmente eu amo quando ele é usado com uma meia que vai até a canela. Acho MEGA estiloso.

2. Oxford Metalizado

  

Não que seja também uma tendência nova, mas os metalizados caíram nas graças da moda internacional e nacional. Neste inverno, o Oxford metalizado em Prata e Dourado trazem luz aos looks, que geralmente são sobreos.

O importante é se sentir bem, seja neste ou em outro estilo, mas acredito que a mulher fica linda também sem salto e nesta opção, o Oxford faz muito bem a substituição. Ousem nesse inverno, o sapato pode ser encontrado numa enorme faixa de preços, que vai de Chanel à C&A. Prometo que no Verão faço uma matéria sobre como utilizá-lo com looks de veraneio. Quero ver as fotos das produções! Me marquem no instagram (@danilorainha) e se divirtam.

Clique aqui e receba nossos emails incríveis. : )

MAIS: 4 FORMAS DE USAR ANKLE BOOTS
MAIS: VESTIDO COM CALÇA – FUJA DO COMUM E ECONOMIZE NESTE INVERNO!

Imagem: pinterest.com/superelaoficial

@ load more