Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

– Mãe, eu já te falei isso hoje.

– Desculpe, mas eu não me lembro.

– Tudo bem mãe, eu repito.

Hoje sua memória já não é mais a mesma. Sim, falha. Assim como muitas coisas que ela faz estão se tornando vagas e por vezes repetidas. Porém, hoje devo abrir o coração e te confessar que em alguma fase vida, as pernas dela irão falhar, a fala será com uma imensa dificuldade e por diversas vezes você terá que repetir a mesma frase. Devo confessar que a paciência irá faltar, que por vezes você vai se questionar se isso realmente deveria estar acontecendo.

Ela, que por vezes e anos foi forte, batalhadora, mulher e, acima de tudo, mãe. Aquela que te colocou no mundo, criou e educou. Essa mulher que hoje precisa de você para andar, comer, tomar banho e fazer algumas coisas que por diversas vezes parece comum, porém, acredite, neste momento isso faz uma imensa diferença.

PARTICIPE: Perder a mãe na infância, como superar?
PARTICIPE: Como fazer minha mãe se sentir melhor com a mudança?

Não abandone sua mãe no asilo, na vida, ou na caminhada. Permita que ela faça parte da sua vida até o fim – afinal você nunca saberá se o fim está próximo. Quando a coragem e a paciência faltar, tente se lembrar das vezes que ela não dormiu e de como simplesmente te amou, mesmo com suas dores, lamentações, crises e até chatices. Sim, você era chato. Todo mundo é chato em alguma fase da vida! Porém, em momento algum ela te abandonou, largou ou simplesmente optou por seguir sem você.

Se ela escolheu ser mãe e seguir com você até o fim, mesmo podendo e tendo a opção de não ser, honre este amor e não a abandone de forma alguma. A vida deve seguir, com toda a certeza, você precisa crescer, trabalhar, construir sua vida e afins. Porém isso não inclui tirar a sua mãe do seu caminho, jogá-la em algum canto, abandonar como se não tivesse mais serventia. Opte por ser filho, mesmo quando você pode optar por não ser. Agora é a sua vez de retribuir.

Mude seus horários, acredite isso não irá te matar. Tenha uma nova rotina, aquela que a inclua, mesmo que ela não participe ativamente. lembre o quanto ela é útil e mais que isso, o quanto ela é importante. Devo dizer que algumas noites você pode não dormir, ela pode ter febre, dor ou simplesmente uma insônia. Sorria e a abrace! Se por um acaso você tive raiva, lembre-se das vezes que ela segurou sua mão e não fechou os olhos até você dormir, outras nem dormiu, simplesmente vigiando seu sono.

MAIS: MINHA MÃE NÃO É PERFEITA. AINDA BEM!
MAIS: CARTA A MINHA MÃE

É, meu amigo, pode ser que ela vire criança novamente, que venha cair, machucar-se e por vezes até te assustar. No momento você vai querer gritar e, acredite, você irá brigar com ela, porém, logo após o susto passar, vocês vão rir disso tudo e pode ser que ela lembre-se de alguma história sua do passado e seus olhos vão lacrimejar. Simplesmente viva este momento e essas lembranças com ela.

Qualquer um pode ser filho, porém continuar sendo filho é uma opção. Eu optei por ser filha e mãe. Agradeço a mulher que me deu a luz e me ensinou o amor, cuido dela como se fosse minha filha e sei que devo isso a ela, pois a mesma me ensinou a amar, mesmo que as circunstâncias gritassem para que largasse de mão. Não abandone a sua mãe. Da mesma forma que você precisou dela, hoje é ela quem precisa de você.

Imagem: Pinterest

Receba no seu e-mail dicas/textos sobre Vida

@ load more