Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

VOCÊ PODE LER ESSE TEXTO AO SOM DE:

Quem é você, velho lobo solitário?

Eu nem aos menos sei quem é você e o que passa na sua cabeça, eu só sei que você parece um lobo em pele de cordeiro, é acompanhado de sua alcateia, e parece ser o líder dela.

Você é o tipo de alma misteriosa que a gente não consegue desvendar, é tipo um lobo solitário que resguarda de sua dor e não expõe suas fraquezas e eu sou uma presa fácil para você.

Como se eu fosse a lua para você, Eu te atraio e me escondo, com medo de machucar nessa sua filosofia de velho lobo, de homem solitário.

Às vezes parece uma fera indomável e livre, que não sou capaz de prender, mas nem quero prender, talvez porque eu gosto de me sentir livre.

Todas às vezes que eu te vi, jurei mil vezes que não ia me apegar e me perder em expectativas.

Eu me machuquei hoje quando eu te vi, para ver se eu ainda sinto. Eu às vezes me concentro na dor, pois é a única coisa que eu sei que é real. Talvez eu seja mesmo essa menina carente e misteriosa, mas no fundo, velho lobo solitário, eu sei que você também é …

Eu lembro de quando a gente costumava se encontrar por coincidência diante de uma lua cheia, talvez despido das suas peles, eu costumava te conhecer melhor que muita gente, parece que existia um mundo só nosso, e um universo particular… onde a gente dividia nossas fraquezas e medos.

Eu fiz seu jogo, entrei nele e me fiz de boba e presa sua, talvez eu também seja uma loba solitária e tenha medo de se machucar.

O problema é que eu acabei me perdendo no meio desse jogo, e confundi o cordeiro e descobri o lobo.

Talvez hoje você saiba que eu nunca fui a menina indefesa e carente que você achava que tinha, e saiba que eu sou uma loba em pele de uma menina boba.

Eu me escondi de você por muito tempo, talvez por medo de mostrar o que eu realmente sou.

Se você pudesse ler isso agora, eu ia pedir para me cercar com suas palavras assim como eu te cerquei com as minhas e me mostrar suas dúvidas e medos

Confesso que sinto falta das suas velhas piadas bobas e do seu jeito tantas vezes irônico de tentar fugir das minhas ideologias, por saber que muitas das vezes eu tinha razão de todas elas.

Eu cansei de fazer esse jogo de arco e flecha, de morde e assopra, de gato e rato. Eu fui uma tentação por muito tempo.

Eu costumava dizer que tinha todas as certezas, e hoje tenho dúvidas e medo dessa incógnita que você se tornou.

Se algum dia talvez você me provar que merece conhecer minhas repostas, eu saberei quem você é.

Imagem: Pinterest

@ load more