Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Quando o amor de verdade chega em sua vida, você passa a entender que nenhum dos amores não correspondidos, ou dos relacionamentos frustrados que você teve foram em vão.

Você passa a não sentir raiva ou rancor ao lembrar deles, mas sim agradecer, pois percebe que se hoje você está preparado e mais maduro para esse relacionamento. É graças a tudo que você aprendeu com as pessoas com as quais você se relacionou e, principalmente, com as que te fizeram sofrer.

Todas as dores dos amores passados simplesmente passam.

As feridas se curam e você não pensa tanto no passado como antigamente, não quer saber como está aqueles que te machucaram, não se importa com os fracassos e vitórias alheias. Aquela frase “Gente feliz não enche o saco” realmente começa a fazer todo o sentido e você percebe que quando está feliz, amando e sendo amada só quer emanar coisas boas por aí.

Você aprende como realmente deve e merece ser tratada por alguém que realmente te ama. E passa a não aceitar mais migalhas e amores mornos, uma vez que entra alguém na sua vida que te trata com respeito e carinho.

Você começa a entender o que fez de errado nos outros relacionamentos, passa a reconhecer quando estava em uma situação abusiva e não se deu conta. Percebe também quando se doou demais, quando deixou que o outro te desrespeitasse, mas você vê tudo isso como aprendizado e não sente mais dor ou culpa, e sim gratidão.

Você entende que essas definições de amores que tem por aí nunca vão definir realmente o que é o amor.

A gente só entende o que é quando vive. Percebemos que o amor é o equilíbrio entre esses falsos amores que querem nos enfiar guela abaixo. Que não tem nada a ver com esse sentimento romantizado, como os de conto de fadas, afinal ninguém é perfeito. E compreendemos também que não tem nada a ver com esses relacionamentos abusivos que confundem com amor. É algo bem mais leve e gratificante, e embora tenha dias de briga e outros de declarações, no final um será alicerce para o outro.

Passamos a valorizar muito mais a personalidade, os valores, e as atitudes das pessoas do que a aparência. Paramos de esperar a pessoa perfeita e entendemos que ela não existe. Começamos a notar que o outro tem seus defeitos externos e internos, tem suas manias, seus hábitos e suas bizarrices, mas amor é continuar admirando o outro apesar de seus defeitos e diferenças.

Por fim, depois que sentimos amor de verdade por alguém que também nos ama, a vida de solteira perde a graça, embora saibamos que era divertida. Preferimos mil vezes ter que dar satisfações e ir para a balada com menos frequência, do que não ter a preocupação e a companhia do seu amor. Aprendemos também a sermos livres dentro de um relacionamento e não deixamos que nos controlem mas também amamos ter alguém para compartilhar tudo da nossa vida.

Imagem: Pexels

@ load more