Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Você provavelmente já deve ter escutado a frase: “a felicidade está dentro de você”, bem clichê inclusive, mas na verdade é isso mesmo, muito simples e objetivo.

Demorei um tempo (um grande tempo diga-se de passagem) pra identificar que tudo, exatamente tudo está dentro de mim e eu posso acessar livremente, que ninguém é responsável pelos meus anseios e limitações, que eu sou a única responsável por estar aonde estou e que posso decidir permanecer aqui ou não.

É um processo, é aos poucos que vamos percebendo que realmente somos os únicos responsáveis pela maneira como vamos encarar um fato, um momento, uma crise, uma tempestade.

Por muito tempo culpei minha família, meus amigos, minha falta de recursos financeiros pra tampar o buraco que estava diante dos meus olhos, que na verdade ninguém tem culpa de nada, eu sou a única pessoa capaz de agir, modificar, ou arriscar mudar o que não está me fazendo bem.

Você pode ler isso agora, ou vários livros de autoajuda, assistir documentários a respeito, ouvir de amigos e pessoas mais velhas o quanto é importante a autorresponsabilidade, porém nada disso vai fixar na sua mente se você de fato não estiver aberto pra entender e praticar isso, porque não existe receita pronta, a gente só precisa decidir sentir por nós mesmos.


Posso afirmar, me usando como exemplo de que nada nem ninguém pode fazer a gente enxergar o que de fato é real, a teoria é linda, a prática só depende da nossa disponibilidade pra aceitar e agir de acordo.

É cômodo culpar o universo, as estrelas, o signo, a família, o destino ou a corrente que te enviaram pelo Whatsapp e você quebrou. Vá além disso. Olhe pra dentro de si, não se julgue quando fizer isso, apenas aceite que depende de você e siga em frente decidido a tomar atitudes a partir dessa aceitação.

Listei algumas dicas que funcionam pra mim e que podem te auxiliar a ter mais autorresponsabilidade:

1. Tenha uma atitude diferente, um dia de cada vez

Acorde todos os dias disposto a fazer algo diferente em relação ao dia anterior, que seja a menor das atitudes, mas tente fazer algo diferente, que te dê aquela sensação de vitória por ter conseguido modificar algo que há tempos você gostaria de ter feito, mas não fez por comodismo ou por achar que pode fazer em outro momento. Se inspire em pessoas que você admira, mas viva a sua própria vida, você só pode superar a si mesmo, então se supere todos os dias.

2. Escreva sobre o que sente

Uma das melhores maneiras de nos conhecermos é pegar um caderno, ou uma simples folha de papel e escrever a respeito do que estamos sentindo no nosso dia. Escrever com detalhes de informações. Isso nos ajuda a enxergar melhor as situações e a “colocar pra fora” aquilo que nos incomoda.

O mesmo podemos fazer com ideias que queremos colocar na prática, mas antes precisamos colocar no papel, pra poder ter uma melhor visão das estratégias e poder executá-las. Desta maneira além do autoconhecimento, você estará entendendo que é o único responsável por mudar algo que escreveu e que não está da maneira que você gostaria que estivesse.

3. Acredite no seu potencial

Todos somos diferentes, nenhuma pessoa é igual a outra e é isso que nos faz tão especiais. Você tem alguma habilidade, alguma qualidade que outra pessoa não tem, você tem seu jeito, sua história, seus sonhos e é isso que torna te torna tão especial, então acredite em si mesma. A única pessoa que poderá fazer algo por você é você mesmo, então acredite em si e vá em direção ao que deseja.

4. Se afaste da negatividade

Ouça as pessoas que realmente se importam com você (nós sabemos quem são), muitas pessoas drenam a nossa energia ao invés de nos incentivar, portanto não caia na cilada de dar ouvidos a quem não acredita em você, quem te desanima, te suga, se afaste de pessoas que não ficam felizes com a sua felicidade. Mantenha por perto apenas pessoas que querem o seu bem, que te apoiam, que estão ao seu lado sempre.

Procure fazer coisas que te proporcionam momentos de leveza, tire alguns momentos pra refletir sobre si mesmo, fique sozinho, se conheça pra entender que você é o único responsável por escolher o seu próprio caminho.

5. Confie na sua intuição

Quando estiver em dúvida para qual caminho seguir, confie na sua intuição, naquilo que você acredita, nos seus sonhos que por muito tempo estiveram aí dentro adormecidos. Se escute, dê um voto de confiança pra si mesmo, é muito melhor confiar naquilo que sente do que seguir pelo caminho inverso pra tentar agradar algo ou alguém. Não se anule, dessa maneira você se sentirá ainda mais responsável pelas suas escolhas e não tentará usar a desculpa de que foi influenciado.


A autorresponsabilidade não tem uma receita pronta, mas as suas escolhas determinam se o passo seguinte será positivo ou não, exige esforço, comprometimento da sua parte.

Você já sabe que precisa fazer sozinha aquilo que tem vontade pra alcançar um objetivo, da mesma maneira que você já sabe que se não levantar da cama pra se exercitar, ninguém vai treinar por você.

Abrace quem você é e ame a pessoa que você é, faça as pazes com o passado, não viva agarrado ao que sua família, amigos, relacionamentos fizeram ou deixaram de fazer por você. Viva o presente de forma consciente e seja a autora da sua própria história.

Imagem: Pexels

@ load more