Quem somos Termos / Política de Privacidade Contato
< Superela.com
Você está em:
Clube Superela
+18
home recentes populares temas relacionamentosexoautoestimabelezaestilotrabalhoentretenimento perguntar

Me ajudem por favor!

Tenho 28 anos. Sou casada a 5 anos, quase 6. Tenho um relacionamento que vai do namoro ao casamento de mais de 8 anos, desde o início meu relacionamento sempre foi muito conturbado, ele é muito ciumento. Um relacionamento abusivo, acabei com o passar dos anos me distanciando de todos, até que um dia, me olhei no espelho e não gostei do que vi, voltei a fazer aquilo que eu gostava, porém brigávamos muito, nunca fui agredida fisicamente, mas o que ele me falava me feriu na alma, ainda tenho as cicatrizes que quando mexidas parecem estar abertas. Com o tempo voltei p facul, comecei a fazer coisas que eu gostava, e ele sempre em cima de mim, vasculhando meu celular, me seguindo, insinuando que tenho outro. Nunca o traí, acredito que não seja o caminho. Porém eu olho para ele e penso porque não tenho valor, sou jovem, atraente, vaidosa, sempre quis ficar linda p ele, mas nem elogio eu arranco. Percebo que os outros homens me olham muito, mas ele pouco nota. Isso foi tornando a relação muito estranha e com tudo que passamos acredito que o relacionamento tenha se desgastado, principalmente para mim. Me sentia muito dependente dele, minha autoestima estava muito baixa, e me permiti as pressões psicológicas dele, a um ponto que não gostava de mim, do meu corpo do meu cabelo, eu era uma sombra, e fora que ele olha sem disfarçar para outras mulheres. Quando você está com a autoestima baixa não se sentir amada e nem bonita só piora a situação, e isso me magoava muito hoje já não me importa mais, e é isso que está acontecendo, não me importo mais com muita coisa, não quero mais me desgastar brigando, estou em uma situação que p mim tanto faz. Ele não me dá atenção nenhuma, mal trocamos duas palavras, nossa relação é muito fria, o único contato que temos é no sexo. Que as vezes não sinto tesão. E ele se irrita quando nego. As demonstrações de carinho que temos é em público, ele faz questão de mostrar, eu não me sinto a vontade, mas ele quer transmitir uma aparência de que somos perfeitos. Não sei se ele enxerga a situação, ou finge. Não postamos fotos juntos, não recebo mimos, muito menos presentes em datas especiais, tudo é muito feio. Já tentei muitas vezes conversar com ele, mas cada tentativa, é falha. Quando começo a falar ele se irrita. E logo fico c medo de concluir a conversa. Sugeri entrarmos em uma terapia de casais, de fazermos terapia separadamente, porém ele sempre se recusa estupidamente. Tentei muitas vezes falar c ele, já disse que sinto falta de alguém, de carícias, de atenção, que me sinto sozinha, mas ele se desculpa, e nada muda. Eu era muito carinhosa, atenciosa com ele, sempre fui muito romântica, até hoje ainda tento ser atenciosa, não mais como antes pois com o tempo mudei, pq não havia retribuição. Queria me separar, mas sempre fico presa a algo que nem sei ao certo. Me sinto desgastada, cansada, tenho tantas responsabilidades, casa, trabalho, faculdade, e ele não me ajuda em nenhum afazer.  Me esforço p muito, ajudo ele nas contas, mas sempre escuto, tá cansada de q? Até se fico doente as coisas não são feitas. Ficam lá esperando eu melhorar ou até ir mesmo doente fazer. E ele argumenta que não gosta de fazer. Não me sinto infeliz, mas feliz tbm não sou. Me sinto esgotada, como se já não tivesse mais forças para nadar e estivesse a ponto de afundar. O dia que percebi que eu deveria fazer algo foi quando ele passou algumas semanas fora de casa, a trabalho e o mais incrível é que eu não senti falta dele. Me senti livre. Como nunca me senti antes. O que devo fazer?

4 Respostas

Renata All . 1 mês
Tão nova desperdiçando o tempo assim na melhor fase da vida quando ampliamos networking, começamos a consolidar carreira e o céu é o limite. Tempo, única coisa que não volta. Use com sabedoria.
+2 arrasou
Aliuce . 1 mês
Amiga... acho que vc já sabe e tá faltando disposição pra todo aquele traalho que é separar...  Mas não tem outro jeito é uma fase que passa. vc é jovem, tem muito a viver, pessoas bacanas pra conhecer.  Como a renata disse,  não disperdice tempo, não.. passa rápido demais e depois as coisas vão ficando mais difíceis.
+2 arrasou
Ingrid Stephany . 1 mês
Acho que você não deve continuar assim para o seu próprio bem. Não se ama pra dois, você não tem medo de ficar sozinha e é independente, no fundo já sabe que não aguenta mais, sabe que se continuar assim pode ter até nojo da pessoa e o pior é que quando isso acabar você não vai saber se envolver numa relação saudável, pois convive com uma pessoa narcisista. Fico tão triste com uma relação que só prende e faz perder a capacidade de termos voz.. não tenho neh conselho pra isso. Só espero que algum dia você possa ter um relacionamento saudável.. mais aposto que vai ter que abrir mão dele, porque ele não vai mudar por você, sua voz e seus desejos são secundários pra ele. É só o que ele quer e quando ele quer.. triste por ti
+1 arrasou
Alive . 1 mês
Querida,  acho que voçê esta dependente emocional dele. chame o pra conversar e se ele lhe agredir verbalmente pege a suas coisas e vá embora. Seja livre voçê e jovem, não se prenda mais nesse relacionamento que so lhe faz mal. Se voçê não fazer isso agora irá se arrepender de abdicar a sua vida pra está ao lado desse homem q não exerga o seu verdadeiro valor.  Mas vá e nao de mais nenhuma chance a ele. Amada voçê tirará um pesos de suas costas. Converse e fale que não dar mais.  Viva a sua vida voçê merece ser feliz.
+1 arrasou

Sua resposta AQUI

Que bom que vai responder!! Só lembrando que estamos aqui para realmente AJUDAR outras pessoas, então pense nisso! Obrigada! :)
relacionamentosexoautoestimabelezaestilotrabalhoentretenimento
🙋 Editar resposta 🙅 Excluir resposta 👀 Ocultar resposta 👀 Republicar resposta 😠 Denunciar resposta 😠 Remover denúncia
...