Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

A noite de domingo chega e, com ela, a tristeza pela segunda-feira que se aproxima? Você se pega com insônia ou com tanto sono que prefere nem sequer acordar na manhã seguinte? Parece que você perdeu sua satisfação profissional.

Break Up Crying GIF - Find & Share on GIPHY

Conheço muitas pessoas que estão insatisfeitas profissionalmente. Algumas se queixam do ambiente de trabalho em que se encontram, outras ainda não sabem com o que realmente querem trabalhar, ou não conseguem uma oportunidade na área em que desejam. Não é à toa que estresse, depressão e ansiedade são sintomas cada vez mais comuns em ambientes corporativos e escritórios, afinal as pessoas se arrastam em serviços que não gostam por conta da necessidade financeira.

Considerando isso, antes de sugerir qualquer coisa, é importante ressaltar que, em primeiro lugar, você precisa estar bem de saúde (física e mentalmente) para realizar qualquer atividade com excelência. Sei que muitos pregam o tempo todo que o sofrimento é o único caminho para o sucesso, com frases como “estude enquanto eles dormem e trabalhe enquanto eles se divertem”, mas eu, particularmente, não admiro esta cultura que romantiza o sofrimento e o esforço infinito, caracterizando-os como a única forma de vencer.

Por isso, reconheça os teus limites. Dedique-se sim a tudo que é importante para você, tudo que pode ajudá-lo a atingir seus objetivos e sonhos, mas lembre-se que, para isso, é fundamental que você também se dedique ao seu bem-estar, cuidando do corpo, da mente, do coração e da alma. Afinal, a saúde vem antes do trabalho e do sucesso até mesmo no dicionário.

Dito isso, vamos ao que interessa: sabemos que o cenário do mercado de trabalho atual é crítico, afinal temos uma altíssima taxa de desemprego, mas mesmo assim, acho que não podemos deixar de buscar a satisfação profissional.

Mas como buscar a satisfação profissional?

Yeah Right Judging You GIF - Find & Share on GIPHY

Antes de qualquer coisa, você precisa definir bem o seu objetivo. Algumas perguntas podem ajudá-la neste processo:

  • O que te motivou a fazer aquele curso ou escolher uma determinada graduação?
  • Hoje, você exerce uma profissão que realmente gosta?
  • Qual é o seu maior propósito em sua carreira?
  • Onde você se imagina daqui a três anos?
  • O que é mais importante para você: satisfação profissional, qualidade de vida ou dinheiro?
  • Você prefere ter o seu próprio negócio ou conquistar um cargo de alta relevância em uma empresa?
  • O que te impede de alcançar seu objetivo profissional neste momento? Dinheiro, procrastinação ou falta de tempo?

Estes questionamentos são simples, mas poderosos, afinal eles te fazem refletir sobre a sua carreira – o que é imprescindível para você definir aonde quer chegar.

Depois de ter o seu objetivo definido, considere alguns pontos:

  • Marketing pessoal: como você tem se apresentado às oportunidades profissionais? Você é capaz de enxergar e de passar as suas habilidades, competências e qualidades? Avalie a si mesma como você avalia uma marca, por exemplo.
  • Conhecimento: você tem buscado conhecimento da área em que deseja atuar? Tem investido em cursos, livros e vídeos para se atualizar e aumentar o seu portfólio?
  • Networking: você tem se relacionado com pessoas inspiradoras e que podem ajudá-la a crescer em sua carreira? Vale também acompanhar alguns profissionais que você admira, que realizam um trabalho que você gostaria de realizar.
  • Habilidades: não adianta se atualizar e acumular certificados se você não desenvolver habilidades que são essenciais no mercado de trabalho, como inteligência emocional, empatia, trabalho em equipe, otimismo, pensamento crítico e comunicação.
  • Seleção de mercado: já parou para pensar em quais empresas você gostaria de trabalhar? Envie um e-mail para elas não somente com o seu currículo, mas também com um texto personalizado que explique a sua admiração.
  • LinkedIn: utilize o LinkedIn não só para procurar por vagas com o seu perfil, mas também para inserir as características que elas pedem em seu perfil. Desta forma, as pessoas conseguirão encontrá-la pelas suas competências. Além disso, o LinkedIn é a melhor rede para networking.

Estas são apenas algumas dicas. Existem muitas outras por aí, mas o fundamental é que, mesmo que pareça difícil, você não desista. Afinal, você merece trabalhar com algo que realmente te motive.

Boa sorte!

“Escolha um trabalho que você ama e você nunca terá que trabalhar um dia sequer na vida”

Confúcio

Ftw Win GIF - Find & Share on GIPHY

Imagem: Unsplash

@ load more