Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

ATENÇÃO: ESTE TEXTO CONTÉM IMAGENS EXPLÍCITAS

Meu corpo sente, mas não é um sentir qualquer, é aquele desejo, aquela coisa de pele, algo que vai além do explicar. Quando fecho os olhos ainda sinto sua respiração ofegante em meu ouvido, as palavras sacanas cada vez que me tocava, minha pele ainda contém ás marcas da sua mão e aquele calor do seu corpo em contato com o meu, ainda arrepia minha espinha só de imaginar.

A noite de ontem não está somente em meus pensamentos e disso eu tenho a absoluta certeza, as reações que meu corpo tem cada vez que me lembro de alguma cena, me mostram o quanto aquilo foi real, esperado e inexplicável.  Seu corpo, meu corpo, nossos corpos, em constante sintonia e energia, algo só nosso, foi entrega total de corpos e constante prazer.

– Esta noite te farei sentir os maiores e melhores prazeres.

Conto Erótico: Meu corpo sente!  4

Foi com essa frase que iniciamos a nossa noite, e realmente foi isso que sentimos, prazeres gigantes e constantes, nada mais importava, ali naquele quarto, estávamos entregues aos nossos prazeres, mãos passeando, bocas escorregando, roupas voando, gritos ocorrendo e diversos gemidos acontecendo.

Você sabia exatamente onde tocar, para que eu reagisse, cada toque era uma reação diferente, cada pegada, passar de mão e encostar de boca fazia com que eu respondesse, arrepiasse, sentisse e me contorcesse.

Não demorou muito para que eu sentisse o seu membro pulsar por cima da sua cueca, como se ele me pedisse socorro, e quisesse ser liberto, eu prontamente o fiz, dei a ele aquela bendita liberdade. Mudei de posição, me posicionando de joelhos na sua frente, lentamente abaixei sua cueca e lá estava ele, pronto para eu o abocanhasse.

Conto Erótico: Meu corpo sente!  3

–  UAU. Agora vai ser a minha vez de te fazer sentir diversos prazeres.

Prontamente o abocanhei e te fiz sentir diversos prazeres, soltar diversos uros, até eu parar, pois queria mais, não o deixaria gozar em minha boca, precisava sentir você pulsar dentro de mim. Rapidamente sentei em seu colo, e, fui rebolando lentamente, para que eu o sentisse cada vez mais dentro de mim, alojado, acomodado e bem encaixado.

Longos instantes de prazer, tenho flashs e lembro de nos dois escorrendo suor e prazer na cama, deitados lado a lado, depois de uma noite de imenso prazer, satisfação e muito tesão.

Conto Erótico: Meu corpo sente!  2

Se meu corpo falasse, hoje ele estaria falando o quão prazeroso foi entregar-se, sem pensar nos limites e na razão, somente o prazer de ambos importava, nada mais ali estava em jogo, cartas na mesa e prazer colocado a prova.

Cada toque único, algo que não tem como explicar, hoje meu corpo sente as marcas da noite anterior, marcas de prazer, um imenso e intenso prazer, algo que foi devidamente aflorado, cada encaixe, beijo e pegada foram únicos.

O prazer nos direcionou, o pudor ficou para trás. Se meu corpo falasse ele diria que depois daquela noite ele está mais liberto, intenso e aflorado, tesão não se esconde e nem se controla, tesão se entrega e se explora.

Conto Erótico: Meu corpo sente!  1

Se meu corpo falasse, com toda certeza ele pediria bis!

Área especial sobre Orgasmo Feminino

Sabia que a gente tem uma área especial sobre Orgasmo Feminino com muitas dicas, técnicas, fotos e vídeos?

Veja uma prévia do que espera por você

Você ainda poderá participar do nosso grupo fechado no Facebook e tirar dúvidas com uma Sex Coach, além de falar sobre o assunto com outras mulheres!
Vamos nessa? 😉

Acessar o especial Orgasmo Sozinha
@ load more