Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Hoje faz exatos um mês que estou solteira. Depois de cinco anos presa em um relacionamento que não me fez bem em nada, vou conseguir viver minha fase solteira agora. Me arrumei para sair com as meninas e aproveitar essa sexta-feira.

Fomos na Lapa, lugar onde tem a maior diversidade de pessoas no RJ.

Hoje eu vou pegar quem eu quiser e não vou ter limites. Vou fazer tudo que eu sempre quis fazer. Entramos em um bar onde estava tocando uma música boa e algumas pessoas dançando. As meninas começaram a dançar e eu ainda tímida, dei uma olhada ao redor para ver se tinha algum homem que me fizesse descer até o chão.

Na mesa ao lado, vi um grupo de amigos lindos, mas provavelmente são gringos, não parecem brasileiros. Comecei a dançar olhando para a mesa deles, confesso que não tinha nenhum preferido, aceitaria qualquer um dos três que viesse falar comigo, e se demorar eu que vou até aquela mesa. Não demorou muito, um deles se aproximou.

– Hi! How are you?
– Oi? Estamos no Brasil! Eu falo português!
– What?
– EU NÃO FALO SUA LÍNGUA
– What’s your name?

(risos)

Puta que pariu, como vou conversar com esse gringo gato?!

Eu não estou entendendo nada que ele fala, mas com certeza pegaria ele fácil. Ele ficou rindo e falando a mesma coisa. Até que comecei a dançar com ele. Fiquei de costas e rebolava juntinho dele, enquanto ele passava as mãos na minha cintura. Não demorou muito pra eu sentir um volume na calça, e percebi que chegava a hora de virar para dar um beijo.

Enquanto pensava em virar, ele começou a beijar meu pescoço, morder minha orelha e a mão foi descendo para minha virilha. Ele é bem mais alto do que eu, então o braço dele ia bem lá embaixo. Eu já estava ficando excitada com os beijos e a mão se aproximando na minha boceta.

Me virei e começamos a nos beijar na boca.

Ele tem uma pegada forte, o beijo é gostoso e roçava muito em mim, do jeito que eu gosto. Me instigou muito, até que fomos ao banheiro, que era unissex. Entramos na cabine e ele levantou meu vestido e ficou de joelhos. Começou a beijar minha boceta com uma fome enorme. Ele passava a língua quente no meu grelo, fazia movimentos circulares enquanto colocava um dedo dentro de mim. Eu rebolava com a boceta na boca dele, fazendo a língua dele me masturbar e ele colocou o segundo dedo.

Eu queria sentir o pau dele dentro de mim naquele momento.

Puxei ele para cima e abri a calça que ele usava. A cueca era branca e já estava bem melada, marcando a cabeça do pau. Coloquei ele pra fora e passei o dedo na cabecinha que estava bem molhada. Chupei lentamente até o talo e desci para o saco. Ele segurava minha cabeça fazendo pressão. Até que ele me colocou contra parede e encaixou o pau na minha boceta.

Ele socava o pau forte e me masturbava com os dedos. Eu estava de costas para ele, de bunda bem empinada e segurando o gemido. Não segurei muito tempo e soltei um gemido alto bem na hora que gozei. Ele sentiu que meu grelo ficou muito duro e tirou o pau de dentro de mim, mas ele ainda não tinha gozado. Saímos da cabine e fomos para a pia que tinha dentro do banheiro. Sentei e abri as pernas, ele meteu e segurando minha cintura fazia movimento de vai e vem.

Eu estava tão excitada que não reparei que a porta não tem tranca. O amigo dele entrou e ficou olhando aquela cena. Eu estava sem reação, e enquanto o gringo me fodia o amigo dele entrou, fechou a porta e não parava de olhar. O gringo não disse nada, parecia que não tinha ninguém ali. Ele metia bem gostoso e eu estava revirando os olhos, mas ao mesmo tempo morrendo de vergonha daquela situação.

Mas como eu disse: hoje eu quero fazer tudo.

O amigo abriu as calças e colocou o pau pra fora. Estava duro demais e cheio de veias. Ele começou a bater uma punheta olhando a gente fodendo e aquilo começou a me excitar de uma forma incrível. O gringo tirou o pau da minha boceta e gozou, mas meu tesão ainda estava ali presente. Queria foder o amigo dele também!

Agora é a sua vez. Quer?

Eu sou brasileira e quero vocês dois. Topa?

Topo tudo que me faça gozar!

Naquele banheiro, ficamos mais uma hora. Rolou de tudo que você possa imaginar. O nome do gringo? Eu não faço ideia! Muito menos do amigo dele. Mas daqueles dois paus, eu jamais vou me esquecer.

Imagem: Pexels

Área especial sobre Orgasmo Feminino

Sabia que a gente tem uma área especial sobre Orgasmo Feminino com muitas dicas, técnicas, fotos e vídeos?

Veja uma prévia do que espera por você

Você ainda poderá participar do nosso grupo fechado no Facebook e tirar dúvidas com uma Sex Coach, além de falar sobre o assunto com outras mulheres!
Vamos nessa? 😉

Acessar o especial Orgasmo Sozinha
@ load more