Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

É difícil encontrar prazer em algo que a gente faz só para agradar os outros, mas parece que é essa a ideia que Deborah Secco tem sobre o sexo: a mulher precisa fazer, mesmo sem vontade, só para manter o homem por perto.

O ano é 2017 e a gente já tem uma visão de mundo diferente para saber que isso é uma das piores coisas que qualquer uma pode aceitar: não vale a pena fazer o que você não quer só para agradar outra pessoa – ainda mais se essa pessoa for um homem.

Durante o vídeo, que Deborah Secco gravou junto com Julia Faria, ela diz que é importante a mulher transar com o cara mesmo quando bate ‘aquela preguicinha’, porque ‘homem não fica sem transar’ – se não for com você, ele vai encontrar outra para satisfazer as suas necessidades.

Como você pode  imaginar, essa é uma visão muito machista da história toda, por um motivo simples: ela implica que as mulheres são obrigadas a servirem os homens e as suas vontades para serem felizes, caso contrário, ficarão sozinhas e tristes.

Ninguém é obrigada a transar sem vontade. Para as meninas mais novas, que estão aprendendo sobre as próprias vidas sexuais agora, essa informação é um perigo: abre um precedente para elas cederem a pressão masculina porque ‘os homens são assim’ e o papel da mulher é fazer o que eles querem sem questionamentos.

Infelizmente, essa não é uma personagem de época que Deborah Secco decidiu interpretar na internet – e, infelizmente também, o que ela diz é algo que muitas mulheres acreditam, e praticam, diariamente. Elas abrem mão da própria liberdade para satisfazer as vontades de outro. A gente vive em uma bolha de empoderamento e liberdade de expressão e esquece que, fora da internet, existem milhares de pessoas que pensam como a atriz, ela só foi a porta-voz da vez.

No seu papel de pessoa pública, a gente espera que uma atriz do porte de Deborah Secco tenha uma visão mais atualizada do mundo e do que a gente tem buscado para o futuro. Mas é impossível esperar que ela pense da mesma maneira que as mulheres desconstruídas da internet. No mínimo, a gente pode torcer para que o episódio seja uma oportunidade para ela rever o que pensa sobre esse assunto e entender que, não, a mulher não é obrigada a transar com o cara só porque ele quer e ela não.

Toda a cultura do estupro e o histórico de violência contra a mulher que existe no Brasil e no mundo começou com um pensamento específico: a mulher deve servir o homem. Com essa premissa em mente, as mulheres perderam a sua liberdade de escolha – sobre o próprio corpo, a forma que querem viver as suas vidas, etc – e os homens se viram numa posição de superioridade, com o direito de exigir do outro lado o que bem entendem. O sexo forçado só acontece porque o cara tem certeza que o papel da mulher na sociedade é um de serviço e, portanto, ele tem o direito de exigir esse tipo de satisfação.

É claro que estamos falando de casos extremos aqui. Mas não muda o fato de que, em qualquer um deles, a mulher acredita que não tem escolha. Ela precisa topar transar com o parceiro mesmo sem vontade porque, se não, ela vai ficar sozinha. Ou pior, será traída por ele.

Amiga, a gente precisa te falar o seguinte: se o cara traiu porque você não quis transar com ele um dia, então, quem tem um problema é ele e não você. Você não precisa de uma pessoa intolerante e que não aguenta alguns dias sem sexo.

A gente precisa cortar esse tipo de pensamento machista pela raiz e mostrar, desde já, que ele não tem mais espaço no mundo. Deborah poderia estar exercendo o seu direito de ter uma opinião, mas a gente bem sabe que a internet não perdoa mais opiniões machistas e que o momento é de a gente começar a mostrar para as mulheres, dentro e fora do mundinho online, que elas são livres para fazerem o que bem entendem e que se um homem não consegue se segurar por causa de sexo, talvez seja melhor ele buscar a solução para isso longe de você.

Foto: Instagram / Deborah Secco


O que você achou da opinião de Deborah Secco? Responda a pergunta abaixo ou clique aqui para deixar o seu depoimento!


@ load more
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤