Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

A verdade é que todo mundo já ouviu ou um dia vai ouvir pode ter certeza, a seguinte frase: “Siga o seu coração, ele sabe o que você realmente deseja, nele você vai encontrar todas as respostas e etc.”

A verdade é que ele realmente pode saber o que você deseja e o que anseia a sua alma, é aí que na maioria das vezes encontramos o problema camuflado, é no desejo que mora tantos relacionamentos que estão fadados ao fracasso, é no querer incessante que mora tantas relações toxicas mascaradas de amor, ignoramos circunstâncias, fatos e ações que automaticamente deveriam nos afastar, tudo em prol do sentimento que insistimos em seguir.

O coração tem como combustível o instinto, não tem absolutamente nada de racional.

Então aqui vai a resposta da nossa pergunta, devemos mesmo deixar o nosso coração ser o nosso guia? Fechar os olhos e deixar ele mostrar o caminho? A verdade é que nem só de coração se alimenta a alma, nem só o desejo deve guiar nossos passos, o coração deve ser o nosso guia, mas não o único a nos guiar.

Durante muito tempo amordacei a razão, não escutei os instintos e nem a consciência gritando, sobre aquela amizade toxica, sobre aquela relação abusiva. Estava muito ocupada agindo pelo coração, quando seguimos somente ele nós ganhamos uma venda de presente, ficamos cegos, incapazes de perceber o momento de agir, não pelo sentimento ou pelo desejo, mas sim pela RAZÃO.

Quando eu comecei a ouvi-la com mais frequência, queimei a venda, ganhei um combo de amor próprio e de brinde amadureci, enxerguei a minha alma e percebi que podia ir embora mesmo existindo amor. Partir nunca significou não sentir, o amor próprio nos ensina exatamente isso, amar nunca foi e nunca vai ser sinônimo de reciprocidade, esse é o risco de se relacionar, dar a cara a tapa literalmente.

Meu conselho de hoje

Não  é para ignorar o que se sente, mas sim sentir não só com o coração, mas com todos os seus instintos. Não ouvir só a voz do coração, mas ouvir todas as vozes do seu ser.

O grande segredo está no equilíbrio, como tudo a nossa volta nos também precisamos dele: mente, corpo, alma, razão e emoção. Para todos esses componentes que nos fazem ser seres tão únicos precisamos estabelecer uma harmonia, a verdade é que quando não observamos a necessidade de estabelecer esse equilíbrio a falta dele reflete no nosso corpo, no nosso bem-estar emocional, na nossa vida espiritual e consequentemente em todos os campos da nossa vida.

A melhor parte disso tudo é que somos seres em construção e temos a chance de nos reconstruir e de nos transformar. Somos mutáveis, capazes de nos recriar a cada tropeço. Em cada falha podemos aprender e assim nos tornar uma melhor versão de nós mesmos.

Aqui vai algumas situações que caso você se identifique é sinal que precisa parar, refletir e ouvir a voz da sabedoria que existe dentro de você, que diz que precisa se olhar com mais amor.

1. Você sente que abdica muito de você

Se anula em prol do outro nos relacionamentos, nas amizades, no trabalho ou com sua família, abre mão do que você quer de verdade para não contrariar ou para agradar a outra pessoa muitas vezes por temer que ela vá embora. 

2. Anda negligenciando o que sente

Você não escuta os seus sentimentos, seja quando ele grita sobre aquele trabalho que te desgasta emocionalmente que te faz ter crise de ansiedade, no relacionamento que te causa mais tristeza do que felicidade ou na amizade tóxica que te faz se sentir constantemente para baixo.

3. Não consegue ver as suas conquistas

Constantemente se olha com inferioridade. Muitas vezes por achar que não alcançou os padrões que a sociedade te impõe: trabalho estável, relacionamento, filho ou independência financeira.

Toda jornada é diferente, na vida não há disputas, cada passo no seu caminho é único na sua jornada não se cobre mais do que o necessário.

Está na hora de se olhar com um pouco mais de amor, começar a se ouvir de verdade e o que gostaria de fazer. O que é preciso mudar para me sentir mais feliz? Seja mudar de trabalho, arrumar novos amigos, se desfazer de amores que não são recíprocos.

Para você que se identificou…

Faça  uma autoanalise, olhe qual campo da sua vida está em desequilíbrio, sinta e perceba quais mudanças são necessárias para encontrar a sua harmonia. Tenha força para agir pela razão e conseguir discernir que nem sempre o sentimento que sente pelo outro deve falar mais alto do que o sentimento que tem que ter por si mesma. O amor começa dentro da nossa morada e só então poderá se expandir.

Imagem: Reprodução

@ load more