Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Se você gosta de ler sobre o assunto ou está em busca de uma solução para sair do vermelho, provavelmente já deve estar cansada de ouvir falar sobre controle financeiro, finanças pessoais, fugir das dívidas, economizar dinheiro e tantas outras informações sobre como cuidar melhor do seu bolso.

Às vezes o assunto soa como algo muito repetitivo, como se todo mundo resolvesse dar palpite em como você gasta seu dinheiro. Bem, entre as dicas que são, de fato, úteis e os conselhos que não servem para nada, há muita coisa que pode sim te ajudar na tarefa de equilibrar as contas.

Mas, antes de calcular quanto gasta no mês e quanto vai reservar para emergências, é importante que você entenda a diferença entre economizar, poupar e investir. Será que você sabe mesmo distinguir um do outro?

Tudo bem se não souber ou estiver na dúvida agora, é para isso que serve este artigo. Entenda, de uma vez por todas, a diferença entre essas três palavrinhas e saiba quais delas merecem ganhar um lugar de destaque no seu vocabulário.

O que significa economizar?

economizar

Quando se fala em economia já vem à mente aquela ideia de comprar três produtos pelo preço de dois ou aproveitar a liquidação no shopping. De fato, é possível economizar nessas situações, já que você pode pagar um preço menor pela mercadoria que deseja.

Mas é preciso ter muito cuidado para saber se isso realmente vale a pena. Imagine só: você mora sozinha e se depara no supermercado com a promoção de três dúzias de ovos pelo preço de duas. Se você é fã de omelete ou ovos mexidos pela amanhã, pode ser uma oferta tentadora.

No entanto, você não tem quem te ajude a consumir 36 ovos, isto é, haja omelete e ovo mexidos pelas próximas semanas. Sem contar que estamos falando de um alimento perecível, que tem prazo de validade não muito extenso. Então, as chances de você não conseguir comer todos a tempo é grande.

É claro que há casos em que isso é possível. Por exemplo: quem consome vários ovos por dia por indicação de um nutricionista. De todo modo, você não pretende participar de competições de body building, logo costuma comer no máximo dois ovos diariamente.

Já percebeu onde quero chegar? Ao levar as três dúzias para casa, você economizou porque pagou menos pelos itens. Mas se considerarmos todo o cenário, vemos que no fim das contas você não fez uma escolha muito inteligente.

Economizar, portanto, é pagar menos por algo sem, necessariamente, ter poupado este dinheiro. Entenda melhor o que quero dizer a seguir.

O que significa poupar?

economizar

Já falamos sobre o que é economizar, agora vamos compreender o significado de poupar. Voltemos à situação dos ovos. Lá no supermercado, você vê a oferta e decide não levar as três dúzias porque se lembrou que ainda tem alguns ovos em casa, que podem ser suficientes até o próximo mês.

Nesse caso, você analisou direitinho a situação e viu que não havia necessidade de comprar mais itens agora. Mas poupar não é só isso. Se você usar aquele dinheiro que seria gasto com os ovos para pagar, digamos, a conta do barzinho, então ele foi economizado num momento e utilizado em outro.

Se você quisesse realmente poupar, você teria que reservar o valor dos ovos e não gastá-lo com outras despesas. Sacou? É o que acontece quando, assim que seu salário cai, você já separa uma quantia para construir sua reserva financeira numa caderneta de poupança ou num cofrinho, por exemplo. Mas será que esse é o melhor caminho? Veja logo mais onde eu quero chegar com essa provocação.

O que significa investir?

economizar

Chegamos ao momento que muita gente deixa de lado. Investimento mete medo nas pessoas porque muitas acreditam que isso é coisa apenas para executivos e milionários. Mas não é bem assim.

Qualquer uma de nós pode investir, basta manter as contas em dia e poupar uma parte do que ganha. Aí, ao invés de colocar o dinheiro no porquinho ou na poupança, você aplica em opções mais rentáveis.

Nessa hora, você pode estar coçando a cabeça: “a poupança não é um investimento?”. Bem, alguns dizem que sim, mas eu tendo a acreditar que não. Sabe por quê? Porque ela não rende muita coisa. Então, seu dinheiro fica lá praticamente parado.

É como se você o guardasse debaixo do colchão, como faziam antigamente, e adicionasse algumas moedinhas de tempos em tempos. No fim das contas, o montante final não seria muito maior do que aquele que você pôs no começo, concorda?

Admito que a caderneta é prática e acessível, no entanto, ela rende muito pouco se comparada a outras opções disponíveis. É nessa hora que você decide se vai investir ou só poupar. Quer valorizar seu dinheiro de verdade? Fazê-lo trabalhar por você? Então, é preciso investir.

Como colocar tudo isso em prática?

economizar

Já deu para entender que eu acabei mostrando um processo? Primeiro vem economizar, depois poupar e, por fim, investir.

O problema é que muita gente deixa a etapa final para lá porque tem preguiça de procurar algo melhor que a poupança. Ou seja, isso envolve pesquisar e aprender sobre outras modalidades de investimento. Algo que soa trabalhoso e entediante, não é?

Mas eu acredito que a gente deve dedicar um tempinho para encontrar o melhor caminho para o nosso dinheiro. Afinal, ele não deu em árvore e nem caiu do céu. Foram horas trabalhando, acordando cedo, abrindo mão de alguns programas legais (não todos, ok?), resistindo às tentações, tudo isso para conseguir poupar uma quantia interessante.

Então, nada mais justo do que buscar o melhor lugar para aplicar esse dinheiro. Por isso, minha dica para colocar em prática tudo que falei aqui é aprender mais sobre o mercado financeiro. Isso não quer dizer que você deve se formar em Economia.

E sim, descobrir quais é o melhor investimento para te ajudar a alcançar seus objetivos e também entender como alguns termos muito citados por aí, como IPCA, Selic e CDI, influenciam sua carteira.

Conhecimento é a chave para você conseguir planejar seu futuro livre das dívidas e do orçamento apertado. Se aquela aposentadoria em um sítio, a viagem dos sonhos para o Caribe ou o carro que você sempre quis se tornarão realidade ou não, só depende de você.

Imagem: Pexels


E o que vocês responderiam a essa pergunta aqui abaixo, feita por uma de nossas usuárias do Clube Superela?

@ load more