Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Todo feriado é a mesma coisa: a viagem está marcada e é hora de fazer as malas! Você quer colocar TODAS as suas roupas favoritas e mais algumas peças na mala para ter opções na hora de se vestir. “E se acontecer um imprevisto? E se alguma peça sujar? E se aparecer um programa inesperado? É preciso estar preparada!”. Mas a passagem que você comprou não permite despachar bagagem (ou você vai viajar com mais três pessoas no carro) e você chega a um impasse:

o que realmente levar?

Da última vez que você levou todas as usas roupas favoritas e mais algumas peças não usou nem um terço! Vamos lá…

A primeira coisa é pensar na mala propriamente dita.

Duas coisas são bem importantes nesse ponto: a qualidade e a identificação.

Na compra de uma mala nova, fique atenta à qualidade. Verifique o acabamento e o reforço das alças, das rodinhas, dos zíperes e das costuras. Infelizmente nossas malas não são tratadas com muito carinho pelo caminho, não é mesmo?

Após essa análise, opte pelas peças mais leves, assim é possível evitar o excesso de bagagem, inclusive para as malas de mão.

Hoje em dia, praticamente todas as malas de viagem possuem uma etiqueta de identificação. Preencha-a! Coloque nome, telefone com ddd e e-mail. Em caso de perda, quem encontrá-la poderá entrar em contato com você.  Além disso, você pode também fazer uma customização na sua mala. Não precisa ser nada muito elaborado – muito menos caro. Uma fitinha colorida amarrada na alça ou um adesivo que chame atenção já funcionam bem! No meio de muitas malas parecidas você vai conseguir identificar a sua rapidinho.

Na temida hora de escolher as roupas, tenha sempre 3 coisas em mente:

o destino da viagem e a previsão do tempo (praia, campo, montanha…), a programação (lazer, negócios, festa…) e a duração da viagem. Assim você consegue focar no tipo e na quantidade de roupas que deve levar (parece óbvio, mas garanto que muita gente erra nas escolhas por não focar nesses pontos!).

Para otimizar a mala, pense em looks coordenados, ou seja, peças que combinem entre si e que possam ser usadas mais de uma vez. Faça a conta de 1 peça de baixo (calça, shorts, saia…) para 3 peças de cima.

Monte na sua cabeça a programação da viagem e os looks para cada ocasião, mesmo que você não saiba exatamente o que vai fazer todos os dias. Leve peças versáteis, elas podem transitar do dia para a noite e te salvar de imprevistos. Vestidos, terceiras peças e cores neutras são ótimas opções. Por exemplo, é muito mais fácil combinar uma calça jeans com três blusinhas diferentes e não parecer que está usando sempre a mesma roupa todo dia do que fazer o mesmo com uma calça estampada.

Na prática:

feriado de 4 dias com passeios durante o dia e com noites informais:

8 peças e 7 acessórios

mala

Alguns looks:

mala

O estilo das peças e a adequação para a programação dependem de cada um e de cada viagem, mas alguns pontos são importantes sempre:

– coordenação de cores, ou seja, cores e estampas que combinem entre si;
– sapatos e bolsas neutras. Esses dois itens ocupam muito espaço na mala, então peças neutras, que combinem com tudo, são as melhores opções;
– acessórios: brincos, colares, anéis, cintos e lenços ocupam pouco espaço e podem fazer muita diferença no look. Invista neles!

É muito importante também arrumar as malas com calma e com tempo, não deixe para a última hora. Separe tudo em cima da cama antes de guardar, assim você consegue ter uma visão do todo e perceber se está exagerando um pouquinho. Feito isso é só relaxar e aproveitar a viagem!

Imagem: Pexels


E o que vocês responderiam a essa pergunta aqui abaixo, feita por uma de nossas usuárias do Clube Superela?


@ load more
Os melhores conteúdos do Superela.
Um único email por semana.
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤
Vamos ser amigas? :)
Queremos te enviar OS MELHORES
conteúdos do Superela.
Você vai adorar! ❤