Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Olá, danadinhas! Este artigo é uma CONTINUAÇÃO do post anterior, em que eu falo sobre O melhor exercício de autoconhecimento e orgasmo para você.

Então, me conta, como começou o seu dia hoje? Será que adivinhei a cena do despertador tocando e você estendendo seu braço para desligá-lo?Aproveitou mais um pouquinho a cama dando um rápido cochilo, depois se levantou, foi até o banheiro, acendeu a luz e tomou seu banho? Depois de vestir-se, foi até a cozinha, ligou a cafeteira, pôs o pão na torradeira e enquanto isso, aproveitou para secar o cabelo, certo? Em poucos minutos, você entrou no carro, ligou o rádio e, a caminho do trabalho, foi ouvindo as notícias do dia e tomando outras providências matinais.

Talvez algumas (ou muitas) destas coisas tenham parecido familiares. Se você parar um pouco para pensar, vai perceber o quanto dependemos de aparelhos eletroeletrônicos para melhorar (ou manter) a qualidade do nosso dia a dia.

Aposto que você não presta mais atenção nisso, não é mesmo? Com exceção de quanto esbarra com o aumento da conta de energia, em geral não questiona o fato de que tais aparelhos costumam te ajudar muito em sua rotina, e que, em muitos casos, é imprescindível usá-los.

Por exemplo, ninguém te acha preguiçosa quando prefere usar uma batedeira elétrica em vez de usar uma colher de pau para uma receita de bolo, nem que seu carro é desnecessário para te levar ao trabalho, quando demoraria cerca de 20 ou 30 minutos de caminhada até lá.

Entretanto, você também não acha que poderia, de vez em quando, usar um aparelho elétrico em sua vida sexual? Nesta fase de autoconhecimento que você está iniciando, você pode descobrir que os vibradores são outra forma de aprender mais sobre você mesma!

Talvez você pense que não é necessário, ou ainda, que não é natural, e talvez tenha medo que o vibrador possa se tornar um apoio sexual e te torne dependente para sempre, sem conseguir ter prazer de outra forma. Isso não é verdade, o vibrador é uma invenção datada de 1869 e revolucionou o orgasmo feminino deste então.

Como falamos no artigo anterior, muitas ideias sobre o que é certo ou natural em se tratando de sexualidade vem de coisas que aprendemos durante a juventude, sob orientação paterna. Mas como falamos, você não está mais em fase de crescimento e não precisa ter medo de descobertas. É hora de se autoconhecer e ter o total domínio sobre o seu corpo!

Você provavelmente deve ter descoberto, durante este processo de libertação e autoconhecimento, algumas diferenças quanto ao auto estímulo. E descobriu o quão prazeroso é se sentir naturalmente sexual, sem restrições e expectativas, após os exercícios de relaxamento, respiração e fantasias.

Existem clássicos da literatura, como 50 Tons de Cinza e Peça-me o que quiser que tratam sobre este processo de conhecimento, entre tantos outros como Toda sua e Sem vergonha, os quais recomendo a leitura de imediato, uma vez que e contribuem para que você entre em clima sensual!

Prometo sugerir outros títulos incríveis em outro artigo, rsrs.

Viver a experiência de se tocar, gerando prazer e ativando sua sensibilidade com o auxílio de um vibrador, é bom e natural. O vibrador é capaz de te ensinar as infinitas possibilidades que existem para o prazer. Use as variações de potência e velocidade de vibração que nenhum órgão masculino e nem seus próprios membros poderiam te ajudar a explorar.

Minha orientação é nunca excluir seu parceiro sexual. Pelo contrário! O contato com a pele e a nudez são insubstituíveis. Que tal uma leitura em conjunto deste artigo e após, uma conversa sobre os aspectos positivos desta experiência?

Sugira ao parceiro que experimente em seu próprio órgão genital. Passeie com o aparelho pelas diversas áreas erógenas do corpo. Ao estarem juntos nesta dinâmica, vocês conseguirão potencializar ainda mais a vida sexual, com autonomia, explorando o ato sexual com a sensualidade do toque na pele.

O vibrador também pode ser um ótimo remédio para um abismo que afeta muitas mulheres, que é a carência emocional. Esta pode se tornar uma verdadeira cilada, caso aceite qualquer pessoa como fonte de companhia, para que não se sinta sozinha. Aprenda que o seu prazer é inegociável! Priorize o seu corpo e sua saúde emocional.

Uma mulher sexualmente ativa, aberta à novas possibilidades está remediada a aceitar qualquer relacionamento tóxico ou não correspondido. Não se deixa levar e não permite que isso interfira negativamente em seu desenvolvimento pessoal orgástico.

Então, que tal sair de casa hoje em busca do vibrador certo para você?

Agora que eu te entreguei uma missão, você tem outra! Você vai me contar o que achou desta dica e o que achou dos exercícios. Como está sua vida depois de EXPERIMENTAR essas novas sensações? Eu quero fazer parte da sua TRANSFORMAÇÃO SEXUAL!

Você vai AGORA MESMO me mandar um direct no Instagram ou no Facebook e me contar a sua experiência com os exercícios que te passei e a mudança no seu autoconhecimento. Te espero lá para conversarmos mais sobre isso!

E não deixa de assistir este vídeo sobre tipos diferentes de vibradores, quem sabe eu não tiro sua dúvida sobre qual é o ideal para você?

Área especial sobre Orgasmo Feminino

Sabia que a gente tem uma área especial sobre Orgasmo Feminino com muitas dicas, técnicas, fotos e vídeos?

Veja uma prévia do que espera por você

Você ainda poderá participar do nosso grupo fechado no Facebook e tirar dúvidas com uma Sex Coach, além de falar sobre o assunto com outras mulheres!
Vamos nessa? 😉

Acessar o especial Orgasmo Sozinha
@ load more