Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Não. Não podemos.

Você só pode estar de brincadeira com a minha cara.

Me explica como é que eu falo para o meu coração passar a te ver como alguém que eu cumprimentava com um selinho para alguém que eu vou beijar o rosto? Você devia pensar mais antes de falar uma coisa dessas.

A gente foi muita coisa, a gente podia ser muita coisa ainda, mas o que a gente não pode é ser amigos. E eu preciso falar isso com essas letras para que eu não corra o risco mentir para mim mesmo.

Eu já entendi que no que diz respeito a você as coisas estão completamente resolvidas entre a gente. E te admiro por isso. Para mim, é bastante surpreendente você encarar com tanta naturalidade tudo isso. Ontem éramos dois, hoje somos cada um por si. Você teve sua decisão e eu consigo respeitá-la. Ou vai ver eu seja assim esse furacão que, ao mesmo tempo que me dedico sem olhar para frente ou para trás, transformando totalmente o lugar comum, também sou quem as pessoas sentem medo e foge. Talvez você esteja fugindo do que possa sentir ou fugindo mesmo do que eu sinto por você. E tudo bem, faz parte.

Só não me fale uma coisa dessas.

Não queira acertar falando a pior coisa que alguém poderia ouvir num momento como esse. Eu realmente não preciso disso vindo de você. É que simplesmente não há como existir amizade entre a gente agora. Não faz o menor sentido. Você, basicamente, está pedindo para que eu deixe de ter como alguém que eu gostaria de estar ainda junto e comece e te ver como só mais um alguém, ou pior, que eu comece a te ver como alguém que eu possa falar sobre outras pessoas. Isso não vai acontecer.

A gente não vai sair com os mesmos amigos ao mesmo tempo. Não é possível que chegou a pensar que isso aconteceria. Eu não preciso da sua presença agora e fique sabendo que se eu te encontrar em algum lugar eu vou embora.

ser amigos

Você vai sair da minha vida de uma vez e se você não quiser eu vou te tirar.

Eu vou te guardar em lugares na minha mente difíceis demais de acessar. Eu vou te deixar lá onde eu sei que está mas onde não é bom de visitar. Nós não podemos ser amigos, eu não posso fingir que sim e tudo seria normal porque isso seria enganar a mim. E não faz sentido.

Escuta, foi você que desejou descer na parada da viagem que a gente fazia juntos. Não me peça para ver nosso fim com a naturalidade que você já vê por, provavelmente, premeditar isso há muito mais tempo que eu possa imaginar. Não me peça nada, não queira me agradar e ser uma boa pessoa pra mim. Agora você é alguém que suga a minha energia e eu não preciso disso.

Eu não vou te deixar participar dos meus dias do jeito que você deseja. Isso não vai acontecer.

Eu também não quero fazer nenhum tipo de ultimado a fim de te fazer pensar se fez a escolha certa, afinal, você não é nenhuma criança que a gente precisa pegar na mão para ensinar – apesar de gostar de ter umas atitudes infantis, o que já é outra história.

Não dá para existir amizade aqui.

Já vai doer me ver imaginando uma outra pessoa no meu lugar descobrindo mais de você, por que eu escolheria me machucar aceitando te ver e te tratar como mais uma amizade?

Não dá para te ver como alguém normal. Não dá para fingir que estou bem. Não dá para te encaixar na minha vida do jeito que você quer. Você falou bosta, desculpa. Simplesmente não dá. Você vai seguir por aí, fazendo suas coisas e continuando aqueles planos que te ajudei a desenhar, enquanto eu vou reconstruindo a minha vida devagar com um tijolo por vez.

Eu entendo a sua intenção mas eu não preciso dela.
Tipo como você não precisa mais de mim.

Ou pelo menos acredita nisso.

Imagem: Pexels


E o que vocês responderiam a essa pergunta aqui abaixo, feita por uma de nossas usuárias do Clube Superela?

@ load more