Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Apesar de ainda ser muito invisibilizado o B da sigla LGBT existe e cada vez mais pessoas estão se descobrindo bissexuais. Não é moda, nem é uma fase, é uma sexualidade que precisa ser mais discutida, já que tem vários mitos sobre os bissexuais que (pasmem) muita gente acredita.

Mas, sem julgamentos, a verdade é que não vemos muitos bissexuais em séries e filmes que retratem como é ser bissexual, por isso, não há muitas informações disponíveis. Ninguém é obrigado a nascer sabendo, o importante é se desconstruir constantemente. Por isso, neste artigo desmentirei 6 mitos sobre os bissexuais que você precisa deixar de acreditar agora. Confira!

Mitos sobre os bissexuais para parar de acreditar:

1. A bissexualidade é uma indecisão ou uma tentativa de chamar atenção

MUITOS bissexuais escutaram isso ao se assumir para familiares e até amigos. Dizem que nós bissexuais só não sabemos ainda se somos homossexuais ou heterossexuais ou que temos medo de assumir um lado.

Pode até ser que alguns venham a se descobrir homossexuais futuramente, pois a sexualidade é realmente complexa. Mas é fato que bissexuais existem sim!

Há ainda quem ache que é uma tentativa de chamar atenção, de se sentir diferente e especial e se destacar. Para essas pessoas, o que eu tenho a dizer é: ser bissexual não te torna cool, na verdade, te faz passar por diversos preconceitos (até dentro da comunidade LGBT).

As mulheres são mais “aceitas” socialmente, os homens costumam sofrer mais preconceito quando se assumem bissexuais.

2. Bissexuais estão mais propensos a trair

Este mito é um clássico. É assustador a quantidade de pessoas que realmente acreditam que os bissexuais estão mais propensos a serem infiéis. Acredite, a infidelidade é um problema de imaturidade e caráter, não está relacionada a sexualidade de ninguém.

Em um relacionamento monogâmico, o bissexual sempre sentirá falta de alguma coisa

“Se uma mulher heterossexual namorar um homem bissexual, ele sentirá falta de ficar com outro homem?”

Não!

“Se um homem heterossexual namorar uma mulher bissexual, ela sentirá falta de outra mulher?”

Também não!

Assim como acontece em qualquer relacionamento monogâmico (mesmo os heterossexuais), a pessoa pode sim se sentir atraído por outras pessoas.

No entanto, a partir do momento que ela tem um sentimento especial por você e se comprometeu a ter um relacionamento monogâmico, ela não irá ficar com essas outras pessoas. Não existe essa sensação de “faltar algo” por conta da bissexualidade.

Obviamente, existem diversas configurações de relacionamentos, incluindo poliamoristas e os relacionamentos abertos, que são opções para aqueles que desejam se envolver sentimentalmente ou sexualmente com mais de uma pessoa.

Entretanto, eles não estão restritos ou são as únicas opções para pessoas bissexuais, tanto que diversos casais héteros optam por esses modelos de relacionamento.

mitos sobre os bissexuais

Imagem: Reprodução / Buzzfeed

3. Todo bissexual gosta de ménage

Outra coisa que me choca muito é perceber o quanto bissexuais são objetificados e fetichizados. Principalmente as mulheres. Lembra lá em cima quando eu disse que as mulheres são mais “aceitas”? Na verdade, elas passam por um tipo diferente de aceitação.

Assim que a maioria dos caras descobre que a garota é bissexual, ele já associa a figura daquela mulher ao ménage. Também é comum entrar no papo de troca de casal, fantasias, fetiches e outros assuntos sexuais sem ao menos conhecê-la ou saber se ela tem essa vontade. Algo que ele talvez não faria com uma mulher heterossexual.

Pensar em relacionamento sério? Dificilmente. Ele vê naquela mulher a oportunidade de ter novas experiências e se divertir.

Nota not all man: se você é homem e ficou indignado com essa colocação, saiba que sim, eu sei que existem exceções. Se você não se encaixa nessa descrição, que bom! Mas o fato é que muitos se encaixam.

4. Ser bissexual é gostar de homens e de mulheres na mesma proporção

“Acho que não posso ser bissexual, porque prefiro mulheres.”

“Nunca namorei uma mulher, então não sou bissexual.”

Não existe isso de todo bissexual tem que gostar igualmente dos dois sexos para se assumir bissexual. Embora algumas pessoas sintam atração de forma proporcional, outras têm preferências e isso não as torna menos bissexuais.

Existe a problemática acerca da heterossexualidade compulsória e o fato de que para bissexuais, ter um relacionamento com alguém do sexo oposto é mais bem visto pela sociedade.

Além disso, dependendo dos lugares e pessoas com quem você convive, é bem mais fácil encontrar heterossexuais no cotidiano, o que também explica a maior facilidade em acabar em um relacionamento com alguém do sexo oposto. Ninguém vai “retirar a carteirinha de bissexual” por causa disso.

mitos sobre os bissexuais

Imagem: Reprodução / Buzzfeed

5. Bissexuais são promíscuos

O estereótipo do bissexual que pega todo mundo é outro mito muito comum. Não que seja um problema se relacionar casualmente com várias pessoas, mas nem todos os bissexuais gostam disso. Essa generalização coloca todos em um só modelo, sem levar em consideração que somos seres humanos distintos, com personalidades e vontades diferentes.

6. Pessoas bissexuais têm mais chances de contrair e transmitir IST’s

Esse mito sobre os bissexuais está bem interligado ao anterior. Por serem considerados mais promíscuos, os bissexuais são vistos como mais propensos a transmitir e contrair as IST’s (antigamente conhecidas como DST’s).

Ocorre que essa afirmação não é baseada em nenhum estudo ou qualquer fonte justificável, somente no preconceito. Sabe quem tem mais chances de contrair e transmitir IST’s? Todos aqueles que não se previnem.

É possível tomar alguns cuidados nas relações sexuais com os dois sexos e essa atitude não pode ser negligenciada de forma alguma. Houve uma disparada de infecções por HIV nos últimos anos, principalmente entre os jovens.

Por fim, saiba que mesmo nas relações sexuais entre duas mulheres é possível se proteger, portanto este é outro mito sobre os bissexuais. Realmente não existem produtos específicos, mas podem ser feitas adaptações. Independentemente da sexualidade, a prevenção e a busca pela informação é crucial.

Agora é com vocês: compartilhe este artigo em suas redes sociais para combater estes mitos e ao menos tentar reduzir o preconceito acerca da bissexualidade!

Imagem: Odissey


Em quais mitos sobre os bissexuais você já acreditou? Vamos conversar sobre isso no clube, só clicar aqui ou abaixo!

@ load more