Quais desses temas você mais curte? Vamos fazer uma seleção especial pra você!










O que você procura?

Por mais complicado que seja ficar desempregada, você pode superar essa fase com essas dicas!

Organizar as despesas, cuidar da educação e bem-estar dos filhos nem sempre se tornam atividades fáceis. Ainda mais quando você está desempregada e precisa lidar com todas essas demandas.

Para te dar um apoio extra nesse momento delicado, separamos algumas dicas valiosas que você pode aplicá-las no seu dia a dia. Mas antes de começar, tenha em mente que ficar desanimada por causa dessa situação é normal. O que não pode acontecer, é ficar abalada para sempre.

O que não fazer se estiver desempregada?

Deixar de investir no networking

Uma palavra essencial para quem busca recolocação no mercado. O networking se torna fundamental para ficar por dentro de novas oportunidades e conhecer profissionais que atuam na mesma área que você pretende investir.

Se você está desempregada, o ideal é conversar com o máximo de pessoas, sejam elas da época de faculdade ou amigos do seu último trabalho. Além disso, não deixe de lado também a internet. Ela pode ser uma poderosa ferramenta para fazer contatos e participar, por exemplo, dos feirões de emprego e bancos de vagas.

Ainda no meio online você pode ter acesso ao LinkedIn, uma rede social de negócios. Por lá, você consegue se conectar com pessoas do mundo inteiro e de diversas áreas. Deixe a estagnação de lado e use sua energia e tempo para dar um upgrade no currículo por meio do networking.

Acumular dívidas

Se no momento você não tem um apoio financeiro, é bem provável que vai faltar dinheiro para equilibrar as contas pessoais. Por isso, evite acumular dívidas durante esse período. Pense que agora sua prioridade é economizar e não gastar com itens supérfluos.

Tente separar uma reserva para futuras emergências e atualize o planejamento financeiro da sua família. Lembre-se que não só você, mas a família inteira deve colaborar para cortar despesas extras.

Produtividade zero

Estar desempregada não é sinônimo de improdutividade. Mesmo que não tenha mais uma rotina de trabalho fixo, você consegue usar seu tempo para estudar, se divertir, avaliar outras possibilidades de carreira e muito mais. Se ocupe com atividades que proporcionam lazer e, ao mesmo tempo, aprendizado.

Desistir durante o caminho

A gente entende que não é fácil escutar do líder que você está sendo desligada da equipe. Ou mesmo que essa ação parta de você para investir em outros planos. A tristeza bate e a insegurança em relação ao futuro aumenta.

Ainda que seja complicada essa situação, o mais importante é manter o pensamento positivo e não desanimar diante dos obstáculos que vão surgindo. Se precisar, procure ajuda psicológica para lidar com esse momento e busque a força necessária para driblar esses fatores negativos.

Lembre-se que você precisa manter o equilíbrio emocional para traçar novos desafios profissionais. Ainda mais quando você conquista uma oportunidade e deve estar preparada para exercer essa experiência, com qualidade física e mental.

Um conselho para você

Nesta fase de desemprego, muitas pessoas se desesperam e não analisam os pontos negativos e positivos dessa situação. Mais importante do que distribuir seu currículo aleatoriamente, é refletir a respeito de tudo o que viveu até agora.

É tempo de pensar em você e avaliar o que precisa fazer no presente, para conquistar suas metas no futuro. Siga essas dicas acima e depois nos conte como anda o seu processo de recolocação profissional.

@ load more